RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM

RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM
RIO GRANDE DO NORTE

terça-feira, 25 de julho de 2017

"GUERRA CONTRA A CRIMINALIDADE NO RN É DESIGUAL E DESLEAL", DIZ NEY LOPES JR.

'Eu acredito na boa-fé do governador Robinson Faria de tentar fazer, pelo menos, o que é possível', explicou o vereador.

Em maio deste ano, o Rio Grande do Norte atingiu a marca de mil homicídios em 2017. Até a última segunda-feira, 17, o número havia subido para 1.304 – aumento de 23,7% em comparação ao ano passado no mesmo período.
Ciente da violência que assola o estado potiguar, o vereador Ney Lopes Júnior (PSD) pediu ao governador Robinson Faria (PSD) um “olhar especial” para a Segurança, uma vez que, segundo ele, o Poder Público não tem condições de enfrentar a criminalidade em uma guerra que considera “desleal e desigual”.
“Eu acredito na boa-fé do governador Robinson de tentar fazer, pelo menos, o que é possível. Não podemos exigir do governante o que não é possível fazer. Claro que todo governante tem uma boa intenção de contribuir, seja para a cidade ou para o estado, mas muitas vezes as condições não permitem. E Segurança é uma área que requer muito investimento, e sabemos que o Poder Público é carente de recursos para o setor. Por outro lado, no mundo do crime não faltam recursos. É uma guerra desleal e desigual, porque o Poder Público não tem condições, pelo que mostra até agora, de combater a criminalidade como ela deve ser combatida e, por isso, os crimes vêm aumentando na cidade de Natal e no estado. Reconheço o esforço de Robinson, mas ele deveria dedicar um olhar especial para a Segurança, que é o que tem atormentado a vida do natalense”, disse.
Ainda em avaliação ao Poder Executivo, o vereador também opinou quanto à gestão de Carlos Eduardo Alves (PDT). Líder do prefeito na Câmara Municipal de Natal, Ney acredita que, a despeito da crise que recaiu sobre todo o território brasileiro, Carlos Eduardo não tem se intimidado por ela.
“É uma administração positiva. Apesar de toda a crise que a cidade vem passando, o prefeito vem apresentando projetos e ideias na Câmara e em sua própria administração, indo literalmente de encontro às consequências que a crise gera; ele não está se intimidando por ela para minimizar os problemas que possa recair sobre nossa cidade. Acredito que tudo o que é possível fazer, e um pouco mais, ele vem fazendo, e se não faz mais, é por causa das condições econômicas que o país vem passando, e que não são exclusivas de Natal. Carlos Eduardo está tendo habilidade para contornar as consequências desta crise”, analisou.
O Poder Legislativo também foi ponderado pelo parlamentar. O presidente da Câmara Municipal de Natal (PDT), Raniere Barbosa, foi elogiado por sua independência e gestão democrática. “Acho que o presidente está se comportando de forma absolutamente democrática; sem privilegiar governo ou oposição, e isso é o mais importante. Ele está conseguindo, através de sua habilidade política, equilibrar o debate na Casa – o que se só traz benefícios para a cidade. Em consequência, os debates se mostram de alto nível, apesar das opiniões divergentes”.
Por fim, Ney Lopes Júnior observou seu próprio desempenho e de seus colegas na Casa dos Vereadores. De acordo com o parlamentar, foi “um semestre desafiador”. Sua expectativa é de que o segundo semestre na Câmara apresente tantos desafios quanto no início do ano. “É uma nova legislatura – bastante heterogênea –, com partidos e representantes das mais diversas correntes políticas na Câmara. Analisamos, apreciamos e votamos projetos de extrema importância para a cidade. O saldo foi bastante positivo, apesar de debates acalorados, mas a grande vencedora foi a cidade de Natal, que avançou nas áreas apreciadas pelos vereadores. E o segundo semestre vai ser a complementação do primeiro, o desafio permanecerá e nós estaremos lá defendendo os interesses de Natal”, concluiu.

Fonte: Agora RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTÁRIO SUJEITO A APROVAÇÃO DO MEDIADOR.