RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM

RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM
RIO GRANDE DO NORTE

sexta-feira, 31 de julho de 2015

VEREADOR LELEU DIZ SENADO FÁTIMA ALCANÇOU "O LIMITE DA FRAGILIDADE HUMANA".

Durante sua passagem pela cidade de Caicó, ontem (30), a senadora Fátima Bezerra (PT) teria comentado que “não acreditaria que o candidato de Robinson Faria a prefeito de Caicó pudesse ser o deputado estadual Vivaldo Costa”. Ao ouvir a informação, o vereador Leleu Fontes saiu em defesa do governador. “Robinson é um político competente e vitorioso, que preza pelo o diálogo com correligionários e aliados. é um democrata por convicção e extremamente coerente nas suas decisões”, comentou Leleu.
“Diferentemente da senadora Fátima Bezerra”, disse o vereador, “que veio para a Feirinha e, no lugar de agradecer e renovar as bênçãos de Sant’Ana, veio anunciar apoio político ao advogado João Braz de Araújo (PCdoB)” como pré-candidato a prefeito de Caicó em 2016. “Prefiro não opinar, mas querer meter a colher ou censurar o governador sobre um possível apoio dele ao deputado Vivaldo Costa, ela simplesmente conseguiu alcançar o limite da fragilidade humana”.

Fonte: http://www.robsonpiresxerife.com/

CAMPO GRANDE: PREFEITO REÚNE SECRETARIADO. E "PREFEITURÁVEIS".

O prefeito Bibi de Nenca, reuniu no dia de ontem, todo o seu secretariado, para definir cortes na gestão municipal. O intento é readequar as ações municipais, a realidade viva nos dias atuais, pelas prefeituras.
Segundo uma fonte, Bibi salientou aos presentes, que política partidária só se faria a partir de janeiro, quando pretende ouvir as bases e definir a chapa que disputará o pleito de 2016.
Fatalmente, a inquietação de dois dos presentes foi maior. De um lado, o vice-prefeito Grimaldi, que é virtualmente candidato a prefeito. Seja com o apoio do prefeito ou com as bençãos da oposição. De outro, o secretário Jean Vieira, que tem o apoio de alguns membros de grande influência no governo municipal. As cartas estão postas. Quem terá a trinca de Ases?

ADVOGADA DIZ TER SIDO AMEAÇADA APÓS CONSULTOR RELATAR QUE CUNHA HAVIA PEDIDO PROPINA.

Em entrevista ao ‘Jornal Nacional’, Beatriz Catta Preta falou que pretende abandonar a profissão.

A advogada Beatriz Catta Preta, defensora de nove delatores da Operação Lava-Jato, afirmou, em entrevista ao “Jornal Nacional”, da TV Globo, na noite desta quinta-feira, que pretende abandonar a profissão por se sentir ameaçada. A defensora afirmou que a intimidação aumentou depois que um dos seus clientes, o consultor Júlio Camargo, relatou um encontro com o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em 2011, em que o parlamentar lhe pediu US$ 5 milhões em propinas. Cunha nega a acusação.
—Sim, vamos dizer que aumentou essa pressão (após o depoimento de Júlio Camargo), aumentou essa tentativa de intimidação a mim e a minha família.
Em São Paulo, após passar férias de 34 dias em Miami, e com fisionomia bastante abatida, Catta Preta informou ao “Jornal Nacional” que todos os depoimentos dados por Julio Camargo foram realizados com a apresentação de documentos e provas.

Fonte: O Globo/http://noblat.oglobo.globo.com/
Foto: Reprodução/TV Globo

LUA AZUL OCORRE NESTA SEXTA-FEIRA.

Expressão 'lua azul' designa a segunda lua cheia do mês.
Uso do termo teve origem em um erro ocorrido em 1946.

A noite desta sexta-feira (31) terá a segunda lua cheia de julho. Essa ocorrência é chamada, desde a década de 1940, de lua azul. Mas isso não significa que a lua realmente terá a coloração azulada.
Como explica o astrônomo Cassio Barbosa, autor do Blog Observatório, trata-se apenas de uma lua cheia comum. O uso do termo com esse sentido teve origem em 1946, quando um astrônomo amador publicou um texto em uma revista popular de astronomia dos Estados Unidos afirmando que à segunda lua cheia do mês dava-se o nome de lua azul.
A última vez que o fenômeno ocorreu foi em agosto de 2012 e a próxima vez será em janeiro de 2018.

Fonte: http://g1.globo.com/
Foto: Cadu Rolim/Fotoarena/AE

EM NOTÍCIA FALSA, PLANALTO ALARDEIA QUE GOVERNADORES REJEITAM IMPEACHMENT.

Às 23h23 da noite passada, a Presidência da República divulgou em seu blog uma ótima notícia para a inquilina do Palácio do Planalto:
“Os governadores das cinco regiões do país, que estiveram reunidos com a presidenta Dilma Rousseff, nesta quinta-feira (30), em Brasília, fizeram uma defesa clara da democracia, do Estado de Direito e da manutenção do mandato legítimo da presidenta Dilma e dos eleitos em 2014. Na ocasião, os representantes dos 27 Estados brasileiros deixaram clara sua posição de unidade em favor da estabilidade política do país.”
Quem lê o texto fica com a impressão de que Dilma arrancara dos governadores que se reuniram com ela no Palácio da Alvorada, inclusive os de oposição, uma manifestação unânime contra o impeachment. O único problema é que essa notícia é falsa. A posição dos governadores sobre a higidez do mandato de Dilma não é unânime. E o tema não nem mesmo debatido no encontro dos executivos estaduais com a presidente.
A falsa notícia veiculada no blog do Planalto realça uma declaração feita pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), em entrevista coletiva concedida após a reunião.
“Existe uma preocupação conjunta, em primeiro lugar, com a agenda política”, disse Dino. “Primeiro, a defesa clara e inequívoca da estabilidade institucional, da ordem democrática, do Estado de Direito e contra qualquer tipo de interrupção das regras constitucionais vigentes. Portanto, defendemos a manutenção do mandato legítimo da presidenta Dilma Rousseff.”
Dino tinha ao seu lado, o ministro Aloizio Mercadante (Casa Civil) e outros quatro governdores: o paraibano Ricardo Coutinho (PSB), o goiano Marconi Perillo (PSDB), o catarinense Raimundo Colombo (PSD) e o paulista Geraldo Alckmin (PSDB). Incomodado, Alckmin desdisse Dino. Negou a suposta “preocupação conjunta” dos governadores com a permanência de Dilma na poltrona. O problema é que a negativa foi omitida no texto do Planalto.
Eis o governador tucano de São Paulo declarou e o blog do Planalto não registrou: “Isso não foi tema da reunião nem está em discussão. Não há nenhuma discussão em relação a isso [o mandato da presidente]. Nós defendemos o quê? Investigação, investigação, investigação e cumprir a Constituição. Nosso dever é cumprir a Constituição.”
Em vez de registrar a posição de Alckmin sobre o mandato presidencial, a pseudonotícia da Presidência mencionou-o noutro contexto: “Já o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, destacou a posição favorável dos governadores em relação a um dos principais temas discutidos no encontro com a presidenta: a unificação em 4% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).”
Nesse ponto, o texto desinforma os leitores. A alteração do ICMS foi debatida na reunião. Mas não foi “um dos principais temas”. E não houve uma posição consensual dos governadores. A simpatia de Alckmin pela mudança não é endossada nem mesmo por companheiros de partido, como o goiano Marconi Perillo.
Ausente no debate do Alvorada, o tema do impeachment havia surgido numa reunião prévia. Sem a presença dos tucanos, que se encontraram na representação do governo do Paraná, os demais governadores debateram, num hotel próximo do Alvorada, os temas que tratariam com Dilma. Ali, Flávio Dino tentara convencer os colegas a divulgar uma manifestação conjunta contra o impeachment. Foi contestado pelo governado de Mato Grosso, Pedro Taques.
Em processo de rompimento com o PDT, Taques disse que não havia apenas governistas na sala. Recordou que passara pelo Senado como um senador “independente”. E declarou manter a mesmo posição como governador. Acrescentou: “do mesmo modo que não nos cabe discutir a Lava Jato, um caso da polícia, do Ministério Público e da Justiça, não seria adequado tratarmos de impeachment. Isso é uma pauta para a Câmara dos Deputados.” O assunto morreu.
Durante a reunião com Dilma, nem mesmo o apologista Dino se animou a mencionar o tema, só ressuscitado na entrevista coletiva que a notícia do Planalto falseou. Dilma ainda tentou empinar o tema por meio de indiretas. Como no trecho do seu discurso em que ela fez questão de recordar que seu mandato vai até 2018:
“Nós fomos eleitos na última maior mobilização democrática do país, que são as eleições. E, nessas eleições, nós assumimos compromissos perante o país e perante os nossos eleitores. E esses compromissos, expressos no plano de governo, eles dão um quadro que é o quadro que nós temos de desenvolver com todas ações, iniciativas, projetos. Enfim, realizando esse compromissos no horizonte, […] ao longo do nosso período de governo de quatro anos, portanto, até 2018.”

quinta-feira, 30 de julho de 2015

PARABÉNS, JOÃO VICTOR: EU TE AMO

Hoje, tem 6 anos que você apareceu. Na verdade, foi um presente que O CRIADOR nos concedeu. A maior das dádivas. São 2.185 dias de felicidade, em dormir e acordar ao seu lado.

Você é um dos maiores responsáveis pela mudança na minha vida. Foi o "ponto de partida" para tornar-me uma pessoa melhor. E isso, é mais do que motivo para te amar cada dia mais.
Feliz aniversário, João Victor.

quarta-feira, 29 de julho de 2015

PORTAL TRANSPARÊNCIA DEVE SER ATUALIZADO CONFORME DETERMINA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO.

A representação teve como objeto verificar o apontamento de auditoria que identificou que o legislativo manteve desatualizado o Portal da Transparência.

O Tribunal de Contas de Mato Grosso julgou procedente a representação interna em desfavor da Câmara de Lucas do Rio Verde, sob a responsabilidade do vereador Dirceu Camilo Cosma.
A decisão ocorreu na sessão ordinária da 2ª Câmara de Julgamentos, realizada no dia 07/07 e o processo foi relatado pelo conselheiro substituto Luiz Henrique Lima.
A representação teve como objeto verificar o apontamento de auditoria que identificou que o Legislativo manteve desatualizado o Portal de Transparência.
A atualização do Portal é determinada pela Lei de Acesso à Informação (nº 12.527/2011) e contempla as informações correspondentes à transparência na gestão pública. O gestor, Dirceu Camilo Cosma, foi multado em 20 UPF.
O relator, acolhendo parecer do Ministério Público de Contas, determinou que ao atual gestor que promova as atualizações necessárias ao Portal Transparência no prazo de 30 dias.

Fonte: http://www.cenariomt.com.br/

POSSE DA DIRETORIA DA UVERN.

ACM NETO SERIA REELEITO PREFEITO DE SALVADOR NO PRIMEIRO TURNO, APONTA PESQUISA.

O apoio da presidente Dilma Rousseff pode ser o menos desejado: 75% dos entrevistados disseram que sentiriam menos vontade de votar em candidato que a petista apoiasse.

O prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto (DEM), seria reeleito para prefeitura da capitalda Bahia, no primeiro turno se as eleições fossem hoje, de acordo com levantamento do Instituto Paraná Pesquisas. Na disputa mais acirrada, ACM Neto abriu quase 50 pontos de vantagem contra seu adversário, Jacques Wagner (PT), ex-governador do estado. Neste cenário, o petista obteve 11,8% das intenções de voto e o atual prefeito, 61,5%.
Se Wagner for substituído na pesquisa por Nelson Pelegrino (PT), o petista também ficaria em segundo lugar, com 10,6% dos votos, e ACM Neto seria reeleito com 66,6% dos votos. Em disputado com a senadora e presidente do PSB da Bahia, Lídice da Mata, o prefeito ainda leva ampla vantagem. Ela é opção de 10,6% dos soteropolitanos, contra 66% das intenções de voto de ACM Neto.
Na pesquisa espontânea, em que o eleitor escolhe o candidato que levaria o seu voto sem ser lhe dado nenhuma opção de nome, ACM Neto assumi a liderança mais uma vez. Ele foi lembrado e escolhido por 27,1% dos entrevistados. Nelson Pelegrino foi escolha de 0,9% do eleitorado, Lídice, de 0,6%, e Jaques Wagner não foi lembrado. Sem apresentar nenhum possível candidato na pergunta, 61,9% dos entrevistados disseram não saber em quem votar.
Atualmente, 82% do eleitorado de Salvador aprova a administração municipal de ACM Neto, contra 15,3% de reprovações. Em relação à gestão anterior, 58,3% considerara a atual melhor, 29,7% acha que está igual e 8,8%, pior.
Apoio negativo
O apoio da presidente Dilma Rousseff para a prefeitura de Salvador pode ser o menos desejado. De acordo com a pesquisa, 75% do eleitorado soteropolitano vê com maus olhos candidato que a petista apoiar. O ex-presidente Lula não enfrenta situação muito melhor. Seu apoio é indesejado para 53,9% dos entrevistados, seguido do ex-governador Jaques Wagner, com 46,2%. O apoio menos rejeitado é do senador Aécio Neves (PSDB), com 24,3%.
Do outro lado da moeda, o suporte de Marina Silva (PSB/Rede) a candidato a prefeito é o mais bem visto pelo eleitorado de Salvador: 40,1% dos entrevistados disseram que o apoio da ambientalista aumentaria sua vontade de votar no candidato. O governador do estado Rui Costa (PT) também se mostrou um bom aliado, com 38,6%.
O instituto Paraná Pesquisas entrevistou 604 eleitores entre os dias 22 e 26 de julho deste ano. A amostra atinge um grau de confiança de 95%, com margem de erro de 4% para os resultados gerais.

Fonte: http://congressoemfoco.uol.com.br/

TCE ATENDERÁ 700 GESTORES MUNICIPAIS EM PROGRAMAÇÃO ITINERANTE DA ESCOLA DE CONTAS.

O “Encontro Regional para Gestores Públicos Municipais” será realizado em cinco polos regionais e tem como objetivo prevenir a ocorrência de irregularidades nas contas públicas.

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) dará início na próxima semana ao projeto “Encontro Regional para Gestores Públicos Municipais”, promovido pela Escola de Contas Professor Severino Lopes de Oliveira. Serão cinco encontros, realizados em polos regionais, nos quais os gestores dos municípios poderão aprimorar seus conhecimentos, contribuindo para prevenir a ocorrência de irregularidades nas contas públicas.
Os encontros serão realizados em Mossoró, Pau dos Ferros, Caicó e Natal. O primeiro deles acontecerá em Mossoró, nos dias 3 e 4 de agosto, no Vitória Palace Hotel, com a participação de gestores de 29 municípios. Em seguida, será a vez de Pau dos Ferros, nos dias 6 e 7 de agosto, no campus do IFRN, com a participação de gestores de 37 municípios.
A terceira cidade-polo será Natal, nos dias 18 e 19 de agosto, com gestores de 35 municípios, em local ainda a ser definido. Caicó será a seguinte, nos dias um e dois de setembro, com gestores de 33 municípios, em local ainda a ser definido; e Natal fecha a série de encontros com mais uma edição nos dias 15 e 16 de setembro, com a participação de gestores de 33 municípios, também com local ainda a ser definido. Deverão ser atendidas cerca de 700 pessoas nas cinco edições.
O principal objetivo dos encontros é prevenir a ocorrência de desvios e irregularidades, principalmente aqueles ocasionados pela falta de informação adequada. Durante o evento, que terá uma grade padronizada em todas as cidades pelas quais passará, serão discutidos temas como a fiscalização de concursos públicos; as verbas de natureza indenizatória; os consórcios intermunicipais, o funcionamento do sistema SIAI; entre outros.
Para o diretor da Escola de Contas, conselheiro Tarcísio Costa, os encontros regionais são importantes para a efetividade do controle externo na gestão dos recursos públicos e para evitar a ocorrência de irregularidades. “Trata-se de uma iniciativa muito relevante, com o propósito de orientar e prevenir falhas ou irregularidades que possam comprometer a regular aplicação de recursos públicos”, explica.
O Encontro Regionais com Gestores Públicos Municipais conta com a parceria da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte e da Federação das Câmaras Municipais do Estado do RN.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social

UMARIZAL: EX-PREFEITO ROGÉRIO FONSECA É PRESO.

O ex-prefeito de Umarizal, Rogério Fonseca, foi preso na manhã de hoje. Além de Rogério, quatro outras pessoas também foram detidas. Estas prisões estão diretamente ligadas a "Operação Negociata", desencadeada pelo Ministério Público que afastou o atual gestor, Carlindson Onofre Pereira de Melo, "Mano".
O Procurador-Geral do MP, Rinaldo Reis que disse contou com o apoio do delegado da GAECO, Flávio Pontes e promotores que trabalham no caso, dentre eles, Afonso Ligório, através de videoconferência na cidade de Martins. Salientar vale que a operação deu-se em Umarizal e que somente a sala utilizada para a videoconferência é que é na cidade turística de Martins.

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PRETENDE TIRAR DO AR SITE QUE DIVULGA INFORMAÇÕES PESSOAIS.

Ministério Público Federal pretende tirar do ar site que divulga informações pessoais
“Tudosobretodos.se” fornece ilegalmente informações particulares de cidadãos brasileiros.

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) ingressou na Justiça Federal com uma ação cautelar, na noite dessa terça-feira (28), com pedido de liminar para retirar do ar o site “tudosobretodos.se”, que fornece ilegalmente informações particulares de cidadãos brasileiros, como endereço, CPF, nome de vizinhos, entre outros dados.
A ação é de autoria do procurador da República Kleber Martins e tem como ré a empresa Top Documents LLC, sediada na República de Seicheles e que mantém o site. Entre os pedidos do MPF à Justiça, estão um requerimento para que empresas brasileiras de Internet não permitam o acesso ao endereço eletrônico, além de uma solicitação ao Reino da Suécia, via Ministério da Justiça, para que retire do ar o “tudosobretodos.se”, tendo em vista que o site possui domínio naquele país europeu.
A medida adotada é apenas o primeiro resultado da investigação iniciada há menos de uma semana. A apuração do caso continua e novas ações judiciais poderão ser adotadas. A ação cautelar foi protocolada como processo judicial eletrônico (PJE), sob o número 0805175-58.2015.4.05.8400, e foi distribuída para a 1ª Vara Federal do Rio Grande do Norte.

TJRN FORMARÁ LISTA TRÍPLICE DE ADVOGADOS PARA VAGA DE JUIZ SUBSTITUTO NO TRE/RN NO DIA 5 DE AGOSTO.

O Pleno do Tribunal de Justiça do RN definiu hoje (29), durante a sua sessão administrativa, a data de 5 de agosto, próxima quarta-feira, para a eleição para formação da lista tríplice dos advogados que concorrerão à vaga de Juiz Substituto do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN), na classe de jurista, em substituição do advogado Luis Gustavo Alves Smith, que encerra seu biênio naquela Corte Eleitoral.
Cinco advogados requereram inscrições para o pleito: André Luiz Pinheiro Saraiva – OAB/RN 1.806; Wlademir Soares Capistrano – OAB/RN 3.215; Cristiano Feitosa Mendes – OAB/RN 3.900; Afonso Adolfo de Medeiros Fernandes – OAB/RN 3.937; Leonardo Vasconcellos Braz Galvão – OAB/RN 5.023.

POLÍCIA FEDERAL DEFLAGRA OPERAÇÃO NA MAXARANGUAPE APÓS INVESTIGAR DESVIOS NO BOLSA FAMÍLIA.

Eita quarta-feira movimentada.
Enquanto o Ministério Público e a Polícia Civil fazem operação em Umarizal, a Polícia Federal cumpre mandado de busca e apreensão em Natal, Parnamirim e Barra de Maxaranguape.
Foi hoje de madrugada.
A operação “Ozius” visa combater desvios no Bolsa Família e PET, programas do Governo Federal.
Três pessoas foram conduzidas à Superintendência da Polícia Federal em Natal para prestar esclarecimentos.

Fonte: http://www.thaisagalvao.com.br/

"BOI SEM CORAÇÃO", QUE MATOU MENINO DA PORTELA VIRA ESTÁTUA DE R$ 200 MIL.

A Prefeitura de Ouro Fino (MG) (445 Km de Belo Horizonte) está construindo esculturas do "boi sem coração", que matou o "menino da porteira", do berrante e do boiadeiro, completando no município os elementos da célebre música sertaneja "O Menino da Porteira", de Teddy Vieira e Luís Raimundo, gravada pela primeira vez em 1955, pela dupla Luizinho e Limeira.
Primeira entre as novas obras previstas, a representação do boi custará R$ 200 mil aos cofres públicos da cidade mineira.
A canção, gravada por diversos cantores e duplas sertanejas ao longo dos últimos 60 anos, ficou marcada sobretudo pela interpretação do cantor Sérgio Reis, e fez a cidade ficar conhecida.
No trevo de entrada de Ouro Fino, no km 51 da rodovia MG-290, está instalada uma escultura do "menino da porteira", com dez metros de altura e 20 metros de largura, do artista plástico Genésio Moura, o Ceará, que também é o responsável pela construção das três novas esculturas.
A escultura do "boi sem coração" está sendo instalada na praça em frente ao terminal de ônibus urbanos do município, cerca de 300 metros do trevo onde fica a estátua do "menino da porteira".
As outras duas esculturas, do boiadeiro e do berrante, que ainda não tiveram início, serão colocadas em outras praças de Ouro Fino. A cidade também abriga a Casa Menino da Porteira, a fundação cultural do município.
"Ninguém passa lá (pelo trevo da estátua) sem parar para tirar uma foto. Ouro Fino é a última cidade antes da divisa com São Paulo, e a rodovia tem muito movimento. Queremos que essas pessoas entrem na cidade. A estátua do 'boi sem coração' fica a cerca de 300 metros da estátua do 'menino da porteira', diz o coordenador de Cultura e Turismo de Ouro Fino, Dorival Geraldo dos Santos Júnior."
"Vamos instalar também uma estrutura ao lado da estátua do "Menino da Porteira" para receber turistas e colocar veículos para as pessoas fazerem um city tour pelas outras estátuas, que também terão estrutura para receber visitantes".
Reprovada por alguns moradores, iniciativa foi aprovada por vereadores
Dorival Júnior lembra que quando a iniciativa foi proposta pela prefeitura, a construção das esculturas, sobretudo do "boi sem coração", considerada de mau gosto, foi contestada por alguns moradores do município de 35 mil habitantes. Entretanto, a iniciativa do Executivo acabou sendo aprovada pelos onze vereadores de Ouro Fino e, segundo ele, aprovada também pela maioria da população.
"Só teve uns buchichos, nada além disso. Muitas pessoas da cidade que eram contra a construção da estátua do "menino da porteira", hoje são totalmente a favor. Agora, é a mesma coisa", afirma o coordenador.
A reportagem do UOL entrou em contato com dois moradores do município que, à época de discussão do projeto, se posicionaram publicamente contra a iniciativa, porém, eles não quiseram se manifestar desta vez.
A um custo de R$ 200 mil, que pode ser acrescido de 20%, de acordo com o dispositivo aprovado, a primeira estátua, do "boi sem coração", deverá ficar pronta em dois meses, e inaugurada durante o Ouro Fino Rodeio Festival, entre 13 e 16 de setembro, o principal evento da cidade.

Fonte: uol/http://professormarciomelo.blogspot.com.br/

UMARIZAL: AFASTAMENTO DE PREFEITO GANHA DESTAQUE NACIONAL.

Operação do MP apura fraude, desvio de dinheiro e afasta prefeito no RN.

Carlindson Onofre Pereira de Melo foi afastado da Prefeitura de Umarizal.
Operação Negociata cumpriu ainda 15 mandados de apreensão e 6 de prisão.

O prefeito de Umarizal Carlindson Onofre Pereira de Melo, mais conhecido como Mano, foi afastado do cargo no início da manhã desta quarta-feira (29) durante a operação Negociata. Deflagrada pelo Ministério Público, a ação apura fraudes e desvio de recursos através de um convênio firmado com o banco Gerador S.A. O afastamento do prefeito se deu a pedido do procurador geral de Justiça Rinaldo Reis.
O G1 tentou falar com os advogados do prefeito, mas não conseguiu contato.
Além do afastamento do prefeito, 17 promotores de Justiça, delegados e agentes de Polícia Civil deram cumprimento a 15 mandados de apreensão, seis de prisão preventiva e três de condução coercitiva (com o uso da força se necessário) em Umarizal, Martins, Natal e Parnamirim.
Segundo o MP, os mandados foram expedidos pelo Tribunal de Justiça e pelo Juízo da Comarca de Umarizal. Participam da operação a Procuradoria Geral de Justiça, Promotoria de Umarizal e do GAECO, com apoio da Polícia Civil, atuam na operação nesta quarta-feira.
O esquema
Ainda de acordo com o MP, o chefe do executivo de Umarizal tem envolvimento direto no esquema. Em razão disso, o procurador geral de Justiça, Rinaldo Reis, pediu o afastamento de Carlindson Onofre Pereira de Melo do exercício do mandato. A decisão favorável, no entanto, foi do desembargador Expedido Ferreira, que também determinou pelo cumprimento de mandado de busca e apreensão na casa do prefeito e no gabinete dele na sede da prefeitura.
“No curso da investigação, restou evidenciada a existência de um esquema de desvio de dinheiro através do Termo de Convênio celebrado entre a Prefeitura Municipal de Umarizal e o Banco Gerador S.A. para a concessão de empréstimos consignados e financiamentos aos servidores ativos e inativos daquela edilidade, pelo qual foram firmados 109 empréstimos dessa natureza na Prefeitura de Umarizal, sendo liberado nas contas dos interessados o valor total de R$ 1.571.792,33, o que gerou um saldo devedor aproximado de R$ 2.043.625,34 atualizado até o ano de 2014”, afirmou o Ministério Público.
Entretanto, ainda segundo as investigações, dos 109 beneficiários dos empréstimos, 98 sequer fazem parte do quadro de servidores públicos do Município de Umarizal. “Tais empréstimos tiveram início no ano de 2010, na gestão do ex-prefeito e um dos investigados, e prosseguiu, até meados do ano de 2013. Portanto, no início da gestão do atual prefeito”, acrescentou.
O MP afirma também que os investigados, “de forma organizada e com divisão de tarefas, fraudavam contracheques e, após o depósito do dinheiro nas contas dos beneficiários por parte do banco, sacavam e transferiam o montante em benefício do grupo criminoso e para financiar a campanha eleitoral do candidato vencedor das eleições locais de 2012”.

Fonte: http://g1.globo.com/

terça-feira, 28 de julho de 2015

LAVA JATO: A INVESTIGAÇÃO CHEGA À ELETRONUCLEAR.

Othon Luiz Pinheiro da Silva, presidente licenciado da estatal, foi preso sob acusação de receber ao menos R$ 4,5 milhões em propina.

A 16ª fase da Operação Lava Jato, realizada nesta terça-feira 28 pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal, chegou à Eletronuclear, estatal subsidiária da Eletrobras responsável por lidar com a energia nuclear e as usinas brasileiras em Angra dos Reis (RJ).
O principal alvo da operação, nomeada Radioatividade, foi o vice-almirante da Marinha Othon Luiz Pinheiro da Silva, presidente licenciado da Eletronuclear, preso em casa pela manhã. Além dele, mais duas pessoas foram presas temporariamente, entre elas Flávio David Barra, executivo da Andrade Gutierrez.
Silva se afastou do cargo em 29 de abril, após ser citado na Lava Jato por possíveis irregularidades em contratos para a construção da usina nuclear Angra 3. Desde então, o diretor de operação da empresa, Pedro Figueiredo, assumiu interinamente a presidência.
De acordo com a PF e o MPF, a investigação apura irregularidades em contratos firmados entre várias das empresas citadas na Lava Jato com a Eletronuclear. Silva é acusado de ter recebido R$ 4,5 milhões em propina apenas em contratos firmados entre a estatal e as empreiteiras Engevix e Andrade Gutierrez entre 2009 e 2014.
Além disso, Silva participaria de um esquema que funcionava de forma similar ao que atingiu a Petrobras, por meio de licitações combinadas. A investigação se baseou na delação premiada de Dalton Avancini, ex-presidente da Camargo Corrêa e um dos primeiros empreiteiros condenados na Lava Jato, e teria sido confirmada pelo MPF e pela PF.
Segundos os procuradores, na fase de pré-concorrência da construção de Angra 3, houve uma combinação para que apenas dois consórcios disputassem os dois blocos de obras, fazendo com que cada um necessariamente ficasse com um dos blocos. Esses consórcios eram o UNA 3 (formado por Odebrecht, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa e UTC) e o Angra 3 (composto por Queiroz Galvão, Techint e pela EBE, do grupo MPE). Todas as empresas são investigadas pela Lava Jato.
Os dois grupos de fato venceram as concorrências e posteriormente se formaram em um único consórcio, o Angramon. Avancini delatou uma reunião entre as empreiteiras na qual foi discutido o pagamento de propina ao presidente licenciado da Eletrobras.
Segundo o procurador Athayde Ribeiro Costa, que integra a força-tarefa da Lava Jato, o repasse de recursos a Othon Luiz Pinheiro da Silva ocorreu até dezembro do ano passado, nove meses depois de deflagrada a Lava Jato e após a prisão de vários empreiteiros. “A corrupção no Brasil é endêmica e está espalhada por vários órgãos, em metástase”, afirmou o procurador, comparando a corrupção ao momento em que o câncer se espalha por vários órgãos do corpo.

Fonte: http://www.cartacapital.com.br/ , com informações da Agência Brasil

EX-DIRETOR DO "CEDUC" MOSSORÓ SOFRE ATENTADO A BALA NA ZONA RURAL DE PILÕES.

O Ex diretor do Ceduc de Mossoró e advogado Francisco Simone Araújo Dantas "Simone de Gumércia", de 47 anos de idade, foi vítima de um atentando a bala na noite de ontem, 26 de julho, na zona rural de Pilões, no Oeste do Rio Grande do Norte.
Informações que Simone de Gumércia, estava passando o final de semana na residência de um amigo na localidade rural. No domingo à noite, logo após assistir ao jogo de futebol pela televisão e quando abria uma porteira para colocar o seu carro para fora, ele foi surpreendido pelos atiradores.
O advogado conseguiu correr e se refugiar dentro da casa e pediu socorro. Ele foi levado para a cidade de Pau dos Ferros e transferido para Mossoró, onde foi cirurgiado no Hospital Regional Tarcísio Maia.
Simone de Gumércia, é advogado, foi candidato a Vereador em Mossoró e já foi diretor do “Ciad e Ceduc” em Mossoró. A Polícia e a família não descartam nenhuma possibilidade, mas acreditam que ele foi confundido com alguém e não seria o alvo dos criminosos.

Fonte: O Câmera/http://www.serrinhadefato.com/

segunda-feira, 27 de julho de 2015

INSS COMEÇA NESTA SEGUNDA PAGAMENTO A 546 MIL BENEFICIÁRIOS NO RN.

O pagamento dos segurados do INSS, referente a folha do mês de julho, começa nesta segunda-feira(27) e vai até o dia 7 de agosto. No Rio Grande do Norte serão transferidos para os 546.351 mil beneficiários, R$ 465 milhões. Destes, 280.186 são segurados urbanos, que somam R$ 260 milhões e 269.189 são rurais, que representam o pagamento de R$ 184 milhões.
A segurada Maria Leonora dos Santos Felix, 55 anos, residente no povoado Cruz, em Currais Novos; Inês Ferreira de Souza, agricultora, 60 anos, de São José de Mipibu e o agricultor Geraldo Lucena de Medeiros, 67 anos, de Jardim do Seridó, todos residentes em municípios do Rio Grande do Norte, são segurados da Previdência Social e, nesse período, a exemplo de milhares de brasileiros, receberão o pagamento dos seus benefícios previdenciários.
É indiscutível o papel que a Previdência Social desempenha na vida de cada cidadão e na economia do país. Todos os meses, o INSS é responsável pelo pagamento de mais de R$ 32,7 bilhões de benefícios em todo o País. Esse valor é destinado ao pagamento de 32 milhões de benefícios aos segurados do Regime Geral de Previdência Social (RGPS). Desse total, mais de R$ 26 bilhões são transferidos para o pagamento dos segurados urbanos, que hoje representam mais de 23 milhões de beneficiários. Na outra ponta, temos os segurados rurais. Eles são mais de 9 milhões de trabalhadores, onde são pagos, R$ 6,6 bilhões no pagamento de benefícios a esses segurados que trabalham no campo.
A Previdência Social é uma das principais instituições responsáveis pela redistribuição de renda e redução da pobreza no Brasil. No Rio Grande do Norte, a maioria dos 167 municípios do Estado sobrevive dos benefícios pagos pelo INSS, e são os aposentados e pensionistas que mantém a economia dessas cidades. O comércio vive em função da venda de seus produtos a essa clientela e em algumas cidades, os 10 dias úteis do pagamento do INSS é que garantem a circulação do dinheiro. Nas agências bancárias e nos Correios, por meio dos quais muitos recebem os pagamentos, o movimento aumenta consideravelmente.
Os recursos pagos todos os meses pelo INSS ilustra bem o papel que a Previdência Social tem na dinamização no fortalecimento da economia dos municípios. Em muitos casos, esse valor mensal investido pela Previdência Social no pagamento dos benefícios é superior ao repasse feito pelo Fundo de Participação dos Municípios (FPM), fato que ocorre, principalmente, em municípios pequenos.
Os dias de pagamento – entre os cinco últimos dias úteis e os cinco primeiros do mês seguinte, são comemorados pelos comerciantes como os de melhor movimento. Os ambulantes se multiplicam, vendendo confecções, redes, sacolões e alimentos de primeira necessidade, entre outros, movimentando a economia local.
TABELAS DE PAGAMENTO
O pagamento dos segurados começa nesta segunda-feira(27) e vão receber aqueles que possuem benefícios de até um salário mínimo, de acordo com a tabela abaixo:
ATÉ UM SALÁRIO MÍNIMO
Data Final
27/Jul 1
28/Jul 2
29/Jul 3
30/Jul 4
31/Jul 5
3/Ago 6
4/Ago 7
5/Ago 8
6/Ago 9
7/Ago 0
Os que ganham acima do salário mínimo, irão receber seus pagamentos nas seguintes datas:
ACIMA DO SALÁRIO MÍNIMO
3/Ago 1 e 6
4/Ago 2 e 7
5/Ago 3 e 8
6/Ago 4 e 9
7/Ago 5 e 0
Os beneficiários podem consultar os extratos de seus pagamentos nos terminais de auto-atendimento dos bancos pagadores e no site da Previdência Social www.previdencia.gov.br. Basta clicar na Agência Eletrônica Segurado e fazer a consulta. As informações que aparecem são as do mês corrente.

Fonte: Comunicação do INSS- RN/http://companhiadanoticia.com.br/

domingo, 26 de julho de 2015

8 ÓRGÃOS ABREM INSCRIÇÕES PARA 715 VAGAS NA SEGUNDA-FEIRA.

Salários chegam a R$ 11,2 mil na Prefeitura de Santana do Parnaíba (SP).
Cargos são em todos os níveis de escolaridade.

Pelo menos 8 órgãos abre inscrições na segunda-feira (27) para 715 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de todos os níveis de escolaridade.
Os salários chegam a R$ 11.235,76 na Prefeitura de Santana do Parnaíba (SP), que oferece 185 vagas.
Câmara Municipal de Colombo (PR)
A Câmara Municipal de Colombo (PR) abriu concurso para 30 vagas em cargos de níveis fundamental, médio e superior. Os salários variam de R$ 885 a R$ 3.200. Os candidatos podem se inscrever de 27 de julho a 28 de agosto pelo site www.funtefpr.org.br. A aplicação da prova objetiva será em 20 de setembro (http://concursos.funtefpr.org.br/).
Departamento de Água e Esgoto de Bauru (SP)
O Departamento de Água e Esgoto de Bauru (SP) divulgou dois editais de concurso para um total de 5 vagas em cargos de nível superior. Os salários vão de R$ 3.457,12 a R$ 4.022,56. As inscrições podem ser feitas de 27 de julho a 14 de agosto pelo site www.daebauru.com.br. As provas serão aplicadas em 13 de setembro (http://www.daebauru.com.br/2014/empresa/concurso.php).
Empresa de Desenvolvimento de Itabira (MG) - Itaurb
A Empresa de Desenvolvimento de Itabira (MG) - Itaurb fará concurso para 90 vagas em cargos de níveis fundamental, médio/técnico e superior. As remunerações chegam a R$ 2.157,60. As inscrições podem ser feitas de 27 de julho a 27 de agosto pelo site www.imam.org. A prova objetiva será aplicada em 3 e/ou 4 de outubro (http://www.imam.org.br/index.php?pagina=concurso&concurso=779&assunto=7).
Prefeitura de Cajapió (MA)
A Prefeitura de Cajapió (MA) divulgou edital de concurso para 108 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 788 a R$ 1.559,24. As inscrições devem ser feitas de 27 de julho a 14 de agosto na sede da prefeitura, localizada na Rua da Chapadinha, s/nº, de segunda a sexta-feira das 8h às 12h e das 14h às 17h. Todos os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva (http://institutocoelhoneto.org.br/).
Prefeitura de Dores de Campos (MG)
A Prefeitura de Dores de Campos (MG) vai abrir um concurso público para 133 vagas e formação de cadastro de reserva em cargos de níveis fundamental, médio/técnico e superior. As remunerações variam de R$ 796,68 a R$ 9.994,96. As inscrições devem ser feitas pelo site www.idecan.org.br de 27 de julho a 20 de agosto. A prova objetiva está prevista para o dia 4 de outubro (http://www.idecan.org.br/getConc.aspx?key=mOLk77GiCMc=).
Prefeitura de Murici de Portelas (PI)
A Prefeitura de Murici de Portelas (PI) lançou edital de concurso para 35 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários vão de R$ 800 a R$ 8.250. As inscrições podem ser feitas de 27 a 31 de julho pelo site www.dinamicatreinamento.com.br. A prova objetiva está prevista para o dia 30 de agosto (VEJA A MATÉRIA COMPLETA).
Prefeitura de Santana do Parnaíba (SP)
A Prefeitura de Santana de Parnaíba (SP) divulgou edital de concurso público para 185 vagas em cargos de níveis fundamental, médio/técnico e superior. Os salários vão de R$ 788,68 a R$ 11.235,76. As inscrições estarão abertas de 27 de julho a 9 de setembro pelo site www.institutomais.org.br. As provas serão aplicadas no dia 27 de setembro para os cargos de níveis fundamental e médio/técnico e em 4 de outubro para os cargos de nível superior.
Prefeitura de Vargem Alegre (MG)
A Prefeitura de Vargem Alegre (MG) vai abrir concurso para 129 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. As remunerações variam de R$ 788 a R$ 3.000. Os candidatos podem se inscrever de 27 de julho a 26 de agosto pelo site www.examesconsultores.com.br. A seleção será feita por meio de provas objetiva, de títulos e prática, de acordo com o cargo (EDITAL AQUI).

Fonte: http://g1.globo.com/

FINAL DE SEMANA SANGRENTO NA REGIÃO OESTE DO RN DEIXA SALDO DE 11 ASSASSINATOS.

Em Mossoró, dupla foi encontrada com mãos e pés amarrados e com tiros na cabeça.

As polícias Civil e Militar do Rio Grande do Norte registraram mais um final de semana de violência na região Oeste potiguar. Entre a noite da quinta-feira (23) e a madrugada deste domingo (26), pelo menos 11 pessoas foram assassinadas com disparos de arma de fogo na região. Sete das vítimas foram mortas em Mossoró, outras duas em Baraúna e duas em Upanema. No final de semana passado, somente entre os dias 18 e 19, oito pessoas foram assassinadas e cinco morreram vítimas de acidentes de trânsito na região.
Em Mossoró, o sangue começou a ser derramado ainda na noite da sexta-feira (24), quando um adolescente de 15 anos foi baleado na porta de casa. O crime aconteceu na rua Ricardo Guilherme de Lima, no bairro Aeroporto. Pedro Gabriel Rebouças Alves, mais conhecido como ‘Pedrinho’, ainda foi socorrido ao Hospital Regional Tarcísio Maia, mas não resistiu ao ferimento.
Ainda na sexta, Francisco Alison Pereira da Silva, de 19 anos, foi alvejado com dois disparos de escopeta e morreu na porta de casa. Ele morava na rua Ramiro dos Santos, no Loteamento Pousada dos Thermas.
Já na madrugada do sábado (25), os alvos foram Maria Consuelo de Souza, de 61 anos, que levou um tiro na boca, e Adelson Florêncio da Silva, de 32, atingido em um dos olhos. O duplo homicídio aconteceu em um bar na Av. Lauro Monte, no Abolição I.
Pela manhã, foi assassinado José Vicente da Silva, de 80 anos. Ele residia na rua Francisco Pascoal, no bairro Santo Antônio. O idoso foi baleado dentro do Hotel Caraúbas. O principal suspeito do crime, identificado como João Cardoso Neto, de 68 anos, também acabou morto. Ele teria reagido ao ser abordado pela polícia. Na troca de tiros, um homem de 54 anos foi ferido na perna. O baleado foi socorrido e não corre risco de morrer.
Outros dois crimes de homicídio ainda foram registrados à noite. As vítimas são dois homens ainda não identificados. Eles foram mortos em uma estrada carroçável próximo à entrada do Assentamento Lorena, às margens da BR-110, caminho da cidade de Upanema. Segundo a Polícia Militar, ambos foram executados com tiros na cabeça. Os corpos foram encontrados com os pés atados e as mãos amarradas nas costas.
O domingo (26) também começou com violência. No início da madrugada, um jovem ainda sem identificação foi morto a tiros no bar Parada Certa, que fica às margens da BR-304. Estava havendo uma seresta no local quando os tiros foram disparados. Ninguém foi preso.
Baraúna
Em Baraúna, duas pessoas também foram assassinadas. As vítimas, ainda sem identificação, foram mortas nas proximidade do Bar da Castanhola, que fica no bairro Moinho Novo. Um homem, baleado na cabeça, morreu no local. O outro chegou a ser socorrido para o hospital, mas não resistiu.

Fonte: Visor Político/http://jornaldehoje.com.br/

ELEIÇÕES 2016: QUEM GANHA E QUEM PERDE COM O CERCO AOS DOADORES.

Com ou sem constitucionalização do financiamento empresarial de campanhas, os cofres dos partidos estarão mais esvaziados para as disputadas municipais.

A generosidade de empresas que costumam financiar campanhas eleitorais milionárias está em discussão a partir da Operação Lava Jato. Conclusões preliminares dos investigadores, do Ministério Público e da Polícia Federal, apontam que vigorava o regime de troca de favores. Patrocínio eleitoral por benesses em contratos com a Petrobras, por exemplo.
De forma indireta e, em tese, lícita, milhões de reais supostamente despendidos pelo setor privado saíam, em verdade, dos cofres públicos. Agora, empresários estão na mira do Ministério Público e já começam a responder por acusações de lavagem de dinheiro. A curto prazo, o resultado das punições será um volume menor de doações no pleito de 2016.
“A sensação de redução da impunidade de empresas e corruptos gera uma reação: eles querem se prevenir porque percebem que é para valer”, diz o diretor-presidente do Instituto Ethos, Jorge Abrahão. A organização se compromete a orientar empresas a gerir os negócios de modo socialmente responsável. Abrahão relata que o Instituto passou a ser mais procurado por empresas que buscam ajuda para evitar se envolver em situações de corrupção, especialmente com financiamento de campanhas.
O até então crescente gráfico do custo das eleições fará uma curva para baixo pela primeira vez em décadas. Nas eleições do ano passado, mais de 70% das doações vieram de empresas. As maiores chegaram a doar para mais de 20 partidos. “A intenção é contribuir para o debate democrático no Brasil. Não há ligação partidária. Prova disso é que nossas doações foram para maioria das grandes legendas”, justifica a JBS (Friboi), maior financiadora da última corrida presidencial.
No entanto, o cientista político Valeriano Costa alerta que empresas têm uma relação prática com a política e são voltadas para resultados. “É até imoral que uma empresa de cigarros, por exemplo, financie um parlamentar que possa legislar em prol dela. Sempre há um interesse por trás”, argumenta.
O economista Celio Fernando encara o efeito Lava Jato de maneira positiva. “O dinheiro gasto nas campanhas continuará circulando na economia. Mas, em vez de propinas, ele será usado para o bem social”, pondera. Por outro lado, ele reconhece que setores ligados ao marketing político podem sair prejudicados. “É possível que afete mais gráficas e a distribuição de material promocional”, explica.
E os partidos?
O caixa das agremiações deve sofrer com o baque da retração de seus maiores patrocinadores. Mesmo assim, há quem olhe para situação com otimismo.
O presidente estadual do PSDB, Luiz Pontes, diz que a provável inibição de empresas em doar vai reduzir o custos. “Partidos e empresas estão todos mal vistos. O melhor dessa crise é baratear a campanha. Isso facilita”, diz.
Na Câmara dos Deputados, a atual proposta de reforma política prevê que a doação de empresas, que é legal, passe a ser também constitucional. Embora a questão siga indefinida no Congresso, partidos já se preparam para encontrar novas formas de captação de recursos.
“Teremos que ser mais criativos. Vamos buscar a ajuda de pessoas próximas”, diz o deputado estadual Heitor Férrer (PDT-CE). Para o presidente estadual do PT, Diassis Diniz, a saída é investir em militância.

Fonte: Isabel Filgueiras/http://www.opovo.com.br/

SERÁ QUE O BRASIL MERECE OS POLÍTICOS QUE TEM?

Essa é a grande pergunta que devemos nos fazer nesse momento!

Sei que a resposta que darei não agradará a ninguém, contudo, direi o que penso, sem receio de nada, mesmo ciente das críticas que virão, desta feita não somente dos políticos, pois a população, em sua maioria, não gostará de ouvir a realidade.
Mas, ciente do meu papel de cidadão, não posso me furtar em dizer o que penso, especialmente quando objetivando despertar uma consciência coletiva que, quase sempre, somente vem com o choque das ideias contrapostas.
O momento é de muita tristeza e, sinceramente, não pensei que chegássemos a esse ponto. Não adianta querer culpar somente os políticos pela patente crise ética que estamos vivendo e, por conseguinte a própria banalização da roubalheira que se vê de “cabo a rabo” como se diz em todos os setores da vida pública em nosso país.
É oportuno que de plano se registre que tal situação de longe pode ser atribuída somente aos nossos políticos, sendo óbvio que por muito tempo escondemos por debaixo do tapete a poeira da corrupção e da inversão ética dos valores de um homem público e a própria concepção da palavra política, banalizando tudo isso ao ponto de há muito tempo nossos políticos terem se esquecido do principal papel de um político, qual seja, servir ao bem comum do povo.

PARA LER A MATÉRIA COMPLETA, CLIQUE AQUI

CONGRESSO PODE TER "PAUTAS-BOMBA" E PROJETOS POLÊMICOS NO 2º SEMESTRE.


Pauta inclui PEC da maioridade, correção do FGTS e reforma política.
Expectativa sobre pauta polêmica cresceu após Cunha ir para oposição.


Após um semestre de intensos atritos com o Executivo, o Congresso Nacional deve retomar os trabalhos a partir de agosto com a votação de pautas delicadas para o Palácio do Palácio, como o projeto que reduz as desonerações na folha de pagamento de empresas – parte do pacote de ajuste fiscal. Temas polêmicos como redução da maioridade e financiamento privado de campanha também estarão em debate.
Outro item incômodo na lista de “pautas-bomba”, como são chamadas as medidas com impacto nos cofres públicos, é um projeto que muda a correção dos recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), passando de 3% para cerca de 6%. O governo alega que o projeto afetará programas habitacionais, como o Minha Casa Minha Vida, e obras de saneamento básico, financiadas com recursos do fundo.
As dificuldades para a aprovação de termas de interesse do Palácio do Planalto deve aumentar após a última tensão entre Legislativo e Executivo. Na semana passada, o presidente Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciou rompimento com o governo e informou passa a integrar a oposição.
Embora tenha dito que não pretende colocar em votação propostas que afetem o Orçamento, Cunha já deu mostras de que o segundo semestre não será fácil para o Planalto na Câmara, com a criação de duas CPIs que desagradam ao governo.
Além de Cunha, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), também pode impor um ritmo de votação de projetos contrários aos interesses do Planalto. Renan, inclusive, anunciou em pronunciamento no último dia 17 na TV Senado que o Congresso deve ter "meses nebulosos, com a concentração de uma agenda muito pesada."

CLIQUE AQUI PARA LER A MATÉRIA NA ÍNTEGRA.

Fonte: Lucas Salomão e Fernanda Calgaro/http://g1.globo.com/

PSDC CONFIRMA PRÉ-CANDIDATURA A PREFEITO DE MOSSORÓ.

O Partido Social Democrata Cristão (PSDC) já definiu que lançará novamente o professor Josué Moreira a prefeito de Mossoró no próximo ano. A confirmação foi feita pelo presidente regional da sigla, vereador em Natal e advogado Joanilson de Paula Rego, que visitou a cidade na sexta-feira. Na companhia do professor Josué, Joanilson visitou o jornal GAZETA DO OESTE, oportunidade em que passou a Josué a missão de estruturar o partido também em outros municípios da região.
Segundo o dirigente estadual do PSDC, há uma consciência das dificuldades enfrentadas em razão do poder de grupos políticos de grandes estruturas. No entanto, é preciso mostrar a capacidade, a determinação e a seriedade de pessoas que estão dispostas a contribuir com o desenvolvimento. “Josué é um homem simples, determinado e sério”, defendeu, reafirmando que ele está pronto para um novo embate.

Fonte: http://www.robsonpiresxerife.com/

SENADO AUTORIZA CRIAÇÃO DE MAIS DE 200 MUNICÍPIOS.

Outros dois textos similares foram vetados por Dilma, sob alegação de impacto financeiro. Senadores a favor do projeto alegam que ele não libera, mas apenas organiza a criação dos novos municípios.

Em tempos de crise econômica e restrição orçamentária, o Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (15) uma proposição que, na prática, abre caminho para a criação de ao menos 200 municípios no Brasil. Encaminhado para votação na Câmara com 57 votos a favor e nove contra, o Projeto de Lei do Senado (PLS) 199/2015 define normas mais rigorosas para que novas cidades sejam estruturadas, mas, em contrapartida, incentiva incorporações e fusões porque dá acesso ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM) aos entes que se agruparem. Esses municípios terão direito aos recursos no prazo de 12 anos após sua criação.
Por entender que a criação de municípios implica aumento de gastos, o governo se põe frontalmente contra a aprovação do projeto. Para o Planalto, gastos extras sem previsão orçamentária representam risco para o equilíbrio das contas públicas. Por isso, a presidenta Dilma Rousseff já vetou proposições semelhantes por duas ocasiões, em 2013 e em 2014 – a versão apreciada hoje (quarta, 15) é a mesma vetada no ano passado.
Já os senadores favoráveis ao projeto argumentam que ele não libera, mas disciplina a criação e a fusão de municípios. Esse grupo lembrou que há diferenças regionais do Sul e do Sudeste em relação ao resto do país – Norte, Centro-Oeste e Nordeste, explicaram parlamentares que votaram pela aprovação da matéria, são regiões com diversos distritos espalhados em grandes territórios, longe das sedes dos municípios e sem qualquer acesso a serviços públicos básicos.
Segundo Flexa Ribeiro (PSDB-PA), autor do projeto, diversos municípios que reivindicam emancipação serão beneficiados com a aprovação do texto em Plenário. “Que ela não vete, pela terceira vez, a vontade do Congresso Nacional; que possa regulamentar, o que se espera que aconteça há 17 anos, a possibilidade de emancipação e fusão de novos municípios. Porque, se houver o terceiro veto, tenho certeza de que o Congresso irá derrubar o veto”, declarou o tucano.
Reguffe (PDT-DF) discorda. “Penso que o que os contribuintes brasileiros precisam é de mais recursos para a educação, para a saúde, para a segurança pública, e não uma criação de municípios, que vai acarretar mais vereadores, mais cargos comissionados, mais gastos com máquina de estado, mais gastos com prefeituras”, contraditou.
Condições
O PLS 199/2015 resgata quase a integralidade do PLS 104/2014, de autoria do ex-senador Mozarildo Cavalcanti (PTB), um dos que foram vetados por Dilma (este, em agosto de 2014). A proposição aprovada hoje (quarta, 15) reúne critérios de viabilidade administrativa; exigência de população mínima; e normas para formalização de proposta de fusão ou desmembramento de municípios – submetidas à aprovação das assembleias estaduais – e para realização de plebiscito junto à população implicada nas mudanças.
Segundo o texto aprovado, o ponto de partida para a criação de municípios será o protocolo de requerimento na assembleia legislativa estadual correspondente, com apoio de 20% do eleitorado da área-alvo de emancipação ou desmembramento ou 3% dos eleitores de cada município disposto a fusão ou incorporação. Estudos de viabilidade municipal devem ser previamente executados.
O contingente populacional mínimo também será determinante para procedimentos de criação, fusão ou incorporação de municípios. Uma vez fundido ou dividido, a população de cada ente deve ser igual ou superior a seis mil habitantes nas regiões Norte e Centro-Oeste; 12 mil na região Nordeste; e 20 mil nas regiões Sul e Sudeste.
Ainda segundo o projeto, a área urbana derivada dos procedimentos não pode avançar sobre reservas indígenas, áreas de preservação ambiental ou áreas pertencentes à União, embora não haja limites territoriais definidos no texto para o novo município. Um número mínimo de imóveis também é outro critério que se impõe aos objetivos da proposição: a quantidade de unidades deve ser superior à média dos municípios que correspondam aos 10% com menos população no estado. O novo ente deve apresentar arrecadação superior à média de 10% dos municípios do estado.

Fonte: Fábio Góis/http://congressoemfoco.uol.com.br/

TELEGRAMA DE DESAGRAVO ENVIADO AO DEPUTADO EDUARDO CUNHA.

A Associação dos Delegados de Polícia do Brasil, enviou telegrama ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha. Eis na íntegra, o texto do documento:

Presidente da Câmara dos Deputados.

Cumprimentando-o, a Associação dos Delegados de Polícia do Estado do Rio de Janeiro – ADEPOL/RJ -, por seu Presidente, tem a honra de apresentar a Vossa Excelência, o nosso irrestrito apoio contra o ato abusivo da Procuradoria Geral da República de criminalizar mediante a judicialização da política, em matéria tipicamente eleitoral, tendo em conta o pedido de instauração de inquérito, em face de Vossa Excelência, no Supremo Tribunal Federal. Como disse certa feita o Ministro do STF Sepúlveda Pertence, Ex-Procurador-Geral da República, ao afirmar que “havia ajudado a criar um monstro!”. Efetivamente, esse Órgão embora faça parte do Poder Executivo com certas autonomias, o MP se imagina como um 4º Poder da República. De nossa parte temos combatido, sem tréguas, os excessos do Ministério Público no Brasil. No STF atuamos como patrono de diversas ações diretas de inconstitucionalidade contra tais excessos que nada contribuem com o Estado Democrático de Direito. Por sua vez, tramitam na Câmara dos Deputados diversas PECs (nº 59/95 e as demais apensadas) para a correção de equívocos praticados durante a Constituinte. Esperamos que na atual 55º Legislatura no Congresso Nacional, se inicie, finalmente, a tão necessária reforma constitucional do Ministério Público, cuja admissibilidade ainda não foi apreciada pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados. O relator das matérias, Dep. Paes Landim, após engavetar durante anos as PECs, recentemente, no último dia 30 de junho, devolveu para o Presidente da CCJC, Dep. Arthur Lyra as proposições. Rogo a V.Ex.ª, outrossim, tendo em conta o longo tempo decorrido (20 anos), que inclua tão logo possível essas matérias para votação em Plenário.

Cordialmente,
Wladimir S. Reale
Presidente da ADEPOL/RJ

sábado, 25 de julho de 2015

ROBINSON FARIA RECEBE FLÁVIO AZEVEDO PARA ACERTAR NOMEAÇÃO DELE PARA A SEDEC.

Tudo certo para a nomeação do engenheiro Flávio Azevedo como secretário de Desenvolvimento do Estado.
Ontem à noite Flávio e o governador Robinson Faria conversaram durante duas horas.
O encontro foi na casa de Robinson.
Os dois conversaram sobre o governo.
Uma radiografia do que Flávio vai encontrar, do que poderá fazer…

Fonte: http://www.thaisagalvao.com.br/

COM A PRISÃO DE FERNANDO FREIRE SITUAÇÃO DE DADÁ COSTA PODERÁ SE AGRAVAR.

Com a prisão do ex-governador do Rio Grande do Norte Fernando Freire a situação do ex-deputado estadual Dadá Costa poderá se complicar. Depende do depoimento que Freire prestará à justiça. Dadá teve o nome envolvido até a tampa na chamada Operação Gafanhoto motivo pelo qual o ex-governador estava foragido e preso hoje no Rio de Janeiro. Foram acusados da formação de um esquema fraudulento de “afano” aos cofres públicos do governo.
Quem deve estar rindo à toa é o ex-assessor de Dadá Costa, conhecido como Zeca Diabo.
Zeca diz abertamente nas ruas de Caicó que “um dia Dadá paga”. Será que chegou a hora?

Fonte: http://www.robsonpiresxerife.com/

O SAL DA ECONOMIA

“Quando eu não puder pisar mais na avenida. Quando as minhas pernas não puderem aguentar levar meu corpo...
Junto com meu samba, o meu anel de bamba entrego a quem mereça usar!
Eu vou ficar no meio do povo, espiando. Antes de me despedir, deixo o meu pedido final:
Não deixe o samba morrer!”
Não deixe o samba morrer! 
Edson Conceição e Aloísio Silva

Novamente, a sociedade brasileira se vê diante da necessidade de definir o papel do Estado na economia, com influências diretas e indiretas, desejadas e inesperadas. Não se trata de um equilíbrio fácil, sempre premido pela sabedoria popular: “a diferença entre o remédio e o veneno é a dose!”.
Ao refletir sobre esta nem sempre harmônica relação, encontrei em diálogos com amigos pensadores a melhor definição: o Estado está para a economia, assim como o sal está para o alimento. A justa medida é praticamente imperceptível ao paladar, deixando que os outros sabores desfilem todo o seu protagonismo - econômicos e gastronômicos!
Tal qual o sal, normalmente, notamos o Estado por sua ausência ou excesso. É nítida a sua atuação insossa em áreas como segurança e saúde, com comércios sendo fechados pela violência incontida pelo Poder Público, consumidores restringindo sua circulação pela cidade a determinados horários e locais, além de pessoas outrora economicamente ativas incapacitadas para o trabalho em virtude de inadequado ou inexistente atendimento no momento devido.
Obviamente, é fácil perceber quando o Estado se torna salgado, com a máquina pública retirando da economia mais e mais recursos em tributos, minimamente convertidos em serviços públicos de qualidade. A ponto de o ano novo econômico não mais coincidir com o dia 1º de janeiro, pois os quatro primeiros meses do ano são exclusivamente para satisfazer o Leão e seu voraz apetite, em uma carga tributária asfixiante.
Mas, para não dizer que não falei das flores, registro uma atuação simples do Poder Público e com reflexos extremamente positivos, por deixar a economia seguir a sua vocação e sabores naturais.
Há pouco, inaugurou-se na Av. Campos Sales em Natal uma pista de cooper ao lado do canteiro central, devidamente iluminado e com uma bela arborização. Das 19h às 22h, transforma-se o local em uma grande praça, com uma ocupação do espaço público como há muito não se via. Carros da polícia e de trânsito garantem a ordem local e a paz em uma ilha que deveria se estender por todos os locais e todas as horas.
Como uma pitada mágica de sal, as pessoas começaram a chegar, os comerciantes as seguiram – com food trucks e coisas que tais -, lanchonetes e lojas já ficam abertas até mais tarde, e até uma fundação voltada para a leitura reabriu suas portas à noite.
Mas não adianta concentrar o sal apenas em um canto do prato, pois o desequilíbrio irá certamente desestabilizar a relação a médio e longo prazo, como já se vê com comércios fechando em Petrópolis.
Que venham outras iniciativas tão agradáveis ao paladar, sem excessos nem ausências!

PS: Há pouco mais de três anos iniciei um prazeroso ciclo no caderno de economia da Tribuna do Norte, mas, embora tenha sido eterno enquanto durou, chega-se a hora de passar o meu anel de bamba. E o faço com orgulho, deixando-os na companhia do Movimento Articulado de Combate à Corrupção (MARCCO-RN), doravante responsável pelo espaço que eu até aqui ocupava. 
Grande abraço!

EX-GOVERNADOR DO RIO GRANDE DO NORTE É PRESO EM COPACABANA, NO RIO.


Contra ele, havia quatro mandados de prisão expedidos pela Justiça.
A operação foi realizada por agentes da Subsecretaria de Inteligência.


O ex-governador do Rio Grande do Norte Fernando Freire foi preso na manhã deste sábado (25) por agentes da Subsecretaria de Inteligência (Ssinte), segundo informações da Secretaria de Estado de Sgurança (Seseg). Freire foi abordado na orla de Copacabana e tinha quatro mandados de prisão expedidos pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. Ele estava foragido desde 2014.
Fernando Freire foi condenado a 13 anos e quatro meses de reclusão, além de 400 dias-multa por desvio de recursos públicos. Segundo as investigações, a prática dos delitos ocorreu entre fevereiro e novembro de 2002, quando Freire foi vice-governador e, depois, governador do Rio Grande do Norte.
De acordo com os autos do processo, Fernando Freire desviou recursos públicos mediante o pagamento de 83 cheques-salários em favor de 14 parentes e correligionários do então vereador Pio Marinheiro, contemplando-lhe interesses pessoais e político-eleitorais. No entanto, os beneficiários não eram servidores públicos e não guardavam qualquer vínculo funcional com o Estado e os pagamentos foram feitos sem qualquer respaldo legal e realizados sempre sob a intermediação direta do réu. O prejuízo aos cofres públicos foi de R$ 57.832,13 em valores da época.

Fonte: http://g1.globo.com/

RAPIDINHAS DO RNPOLITICAEMDIA...

PATU: VEREADOR DEVE SER O CANDIDATO OPOSICIONISTA:
Thácio Queiroga deve mesmo ser o candidato a prefeito apoiado pelo grupo oposicionista em 2016. Em conversa essa semana, ficou visível que é caminho sem volta para o vereador, no que diz respeito a candidatura ao governo municipal. Prego batido e ponta virada...
RIVELINO CÂMARA:
O vereador Rubinaldo Maia, lembra ao blog que hoje é dia de festa em Patu. O secretário de finanças e administração e provável candidato ao executivo patuense está aniversariando e amigos preparam uma grande festa na AABB do município. Parabéns, secretário.
EM UMA CIDADE DO OESTE...
Um internauta "sem rosto", manda mensagem solicitando publicação de matéria, onde o atual prefeito está próximo de "abraçar" politicamente o seu derrotado em 2012. Observando o perfil no facebook do remetente, vejo que sem foto a figura postou... Ou seja, é um fake. Tô fora.
EX-PRESIDENTE NA MIRA DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES:
E não é que um ex-presidente de câmara do Oeste está engatilhado por um órgão de fiscalização, que quer saber uma história (estória) de cheques da entidade sem fundos, quando era o presidente... Bomba chiando...
PRESIDENTE TAMBÉM NA ONDA:
Já outro que ainda ocupa o cargo, está sendo observado por adversários, que asseguram ter provas de práticas indecentes. Lá, o salgadinho é um absurdo nas sessões. Parece festa de criança. Entendeu ou quer que eu desenhe?
JANDUÍS:
A oposição reuniu-se e começa os debates para definição dos nomes para 2016. Anote aí: vai ter gente tão desanimada após as indicações da majoritária que ou cruzam os braços ou somem da ideia de trabalhar na campanha.
CAMPO GRANDE 1:
Um integrante da base governista, assegurou ao blog que está por um fio de cabelo o relacionamento político do prefeito Bibi de Nenca com o vice, Grimaldi. Motivo seria a sucessão municipal.
CAMPO GRANDE 2:
Já outro informante dar como certo o apoio da oposição ao nome de Grilmaldi, caso haja o rompimento entre ele e o administrador municipal. Ocorrendo, fica praticamente definido os nomes da ponta da majoritária em Campo Grande: Jean Vieira X Grimaldi.
CÂMARA DE SOUSA/PB:
Um espetáculo a gestão Aldeone Abrantes no legislativo sousense. A TV Câmara cobrirá em tempo real, o 15º SEMINÁRIO LEGISLATIVO MUNICIPAL que ocorrerá naquela casa, em 07 de agosto próximo. Aldeone é hoje um dos mais cotados para ocupar a vaga de vice-prefeito na majoritária. Só falta decidir o lado... 
TENENTE ANANIAS:
Parece está decidido a candidatura de Larissa Rocha como candidata governista na terra dos crediaristas. Larissa é noiva do filho de Mazé, prefeita atual. A oposição ainda caminha para escolher um nome que faça frente a postulante situacionista.


TCE DIVULGA SEGUNDO RELATÓRIO DE INSCRIÇÃO EM OBRAS DE REFORMA NAS UNIDADES PRISIONAIS.

O Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) divulgou nesta quarta-feira (22) o segundo relatório de acompanhamento das obras de reforma em unidades do sistema prisional do Rio Grande do Norte, viabilizadas a partir de um termo de ajustamento de gestão (TAG) assinado em março por representantes do Ministério Público de Contas, Ministério Público Estadual e Governo do Estado.
Segundo o relatório, mesmo com um ritmo lento de trabalho em algumas unidades, a situação é satisfatória em 14 das 16 obras planejadas. Foram realizados pagamentos da ordem de R$ 1,6 milhão até o período alcançado pelo relatório e há dificuldades de “logística com os deslocamentos das superlotadas populações carcerárias para realização das obras”. No entanto, não há até o momento nenhuma tendência para o descumprimento dos prazos vigentes.
O relatório de auditoria foi apresentado a membros do Governo do Estado e Ministério Público Estadual, na manhã desta quarta-feira, durante reunião de acompanhamento pelo Ministério Público de Contas, com a presença do procurador-geral, Luciano Ramos, e técnicos do TCE.
O termo de ajustamento de gestão foi assinado no dia 18 de março deste ano pelas seguintes autoridades: governador Robinson Faria; secretário estadual de Infraestrutura, Jader Torres; secretária do Gabinete Civil, Tatiana Mendes Cunha; secretária estadual de Justiça e Cidadania, à época, Kalina Leite; secretário estadual de Planejamento, Gustavo Nogueira; procurador-geral do Estado, Francisco Wilkie; e secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki; além do procurador de Contas, Luciano Ramos.
As obras pactuadas no termo de ajustamento devem ser finalizadas até setembro. Está prevista a elaboração de mais dois relatórios até o final das inspeções. As autoridades e técnicos envolvidos no TAG também agendaram reuniões semanais de acompanhamento.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social
Foto: Jorge Filho

quinta-feira, 23 de julho de 2015

OPERAÇÃO DOMINÓ É RESULTADO DE COBRANÇAS À CÚPULA DA SEGURANÇA PÚBLICA DO RN.

Como já foi divulgado amplamente, a cidade de Caicó vem sofrendo nos últimos dias com a insegurança, são assalto, furtos e vários homicídios. Contudo, nesta quarta-feira (22) a população foi surpreendida com a operação Dominó, que foi desencadeada pelas polícias Militar e Civil do RN e teve o objetivo de coibir o tráfego de drogas e prender pessoas envolvidas com a criminalidade, que tem envolvimento com alguns homicídios registrados no município.
Além disso, a operação Dominó é resultado de uma série de cobranças feitas a cúpula da secretaria de segurança pública do Estado. Na última reunião, que discutiu o planejamento para a festa de Sant’Ana, o deputado estadual Álvaro Dias esteve presente e reivindicou um maior aparato e estrutura para os policiais, bem como cobrou ações mais efetivas para Caicó, incluindo operações como a que foi desencadeada nesta quarta-feira.
“A operação desencadeada em Caicó mostrou a presença da polícia nos bairros, sobretudo nos que estão mais vulneráveis à violência. Por várias vezes nós cobram
os da secretária Kalina Leite e da sua equipe ações como essa para a população caicoense. Fizemos pronunciamento na tribuna da Assembleia e cobramos várias vezes, inclusive recebemos a garantia do delegado adjunto da Degepol (Delegacia Geral de Polícia Civil) de que nos próximos dias teremos o aumento no efetivo policial”, disse o deputado.

Fonte: http://glaucialima.com/

MPF/RN MOBILIZA SOCIEDADE PARA COLETAR ASSINATURAS EM PROL DE MEDIDAS CONTRA CORRUPÇÃO.

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) vem se somando a um esforço nacional em busca de assinaturas e cartas de apoio para aprovação de 10 medidas de combate à corrupção. As propostas do MPF são resultado da Portaria PGR/MPF nº 50, de 21 de janeiro de 2015, assinada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O documento permitiu a criação de comissões de trabalho compostas por integrantes da instituição, com o objetivo de encaminhar sugestões de mudança legislativa para implementar medidas de combate à corrupção. O trabalho teve início com os estudos desenvolvidos pela força-tarefa do MPF na Operação Lava Jato na primeira instância.
No Rio Grande do Norte, estão à frente do trabalho os procuradores da República Fernando Rocha e Victor Queiroga. Ambos já vêm se reunindo com lideranças religiosas e de diversas instituições da sociedade civil que irão se somar ao esforço do MPF, como o Sindicato dos Trabalhadores da Justiça Federal (Sintrajurn) e o Rotary Club, duas das entidades já visitadas. Todos podem ajudar imprimindo as listas, coletando assinaturas e entregando as mesmas em qualquer unidade do Ministério Público Federal. No território potiguar, o MPF conta com procuradorias em Natal (Av. Deodoro da Fonseca, 743, Tirol), Mossoró (Rua Rosineide Alves Medeiros, 09, Costa e Silva), Caicó (Rua Zeco Diniz, S/N, Penedo), Assu (Rua Sinhazinha Wanderley, 912, Centro) e Pau dos Ferros (Av. Getúlio Vargas, 1911, Centro).

Fonte: http://www.robsonpiresxerife.com/

CÂMARA DE APODI É NOTÍCIA NACIONAL, POR SUSPEITA DE SUPERFATURAMENTO.

Câmara de município do RN é alvo de operação do Ministério Público.

Casa Legislativa de Apodi é investigada por superfaturamento de despesas.
PM e MP apreenderam documentos no local nesta segunda-feira (21).

O Ministério Público do Rio Grande do Norte e a Polícia Militar apreenderam documentos em operação realizada nesta segunda-feira (21) na Câmara Municipal de Apodi, cidade da região Oeste potiguar. A ação deu cumprimento a um mandado de busca e apreensão expedido pela Justiça do Rio Grande do Norte.
As apreensões serão usadas em um inquérito criminal que apura o superfaturamento de despesas na Câmara Municipal da cidade. "Basicamente recolhemos documentos, anotações e um malote com informações contábeis e financeiras. Foi necessário arrombar algumas portas e gavetas que não puderam ser abertas", explica o promotor Sílvio Brito.
O representante do Ministério Público acrescenta que já existia uma investigação sobre o superfaturamento na esfera cível. A investigação criminal foi um desdobramento dos fatos constatados pelo órgão. A operação contou com apoio do Grupo Tático Operacional da PM de Apodi.

Foto: Márcio Morais/G1

TRIUNFO POTIGUAR: VEREADOR DIZ QUE EDUCAÇÃO E SAÚDE ESTÃO ABANDONADAS.

O vereador Francisco Antônio, "Necas", usuário das redes sociais para reivindicar e apontar falhas administrativas, usou mais uma vez a rede facebook, para mostrar a insatisfação de alguns pais de alunos com a ausência de professores na Escola Estadual Desembargador Felipe Guerra. Conforme Necas, o estabelecimento educacional passa por dias nebulosos no que tange a falta de lecionadores. Ainda com base na postagem, está sendo formalizado um abaixo-assinado que será enviado a DIRED de Assu, no intento de que estas vagas sejam ocupadas e não tenham os alunos prejuízo na qualidade de ensino. O vereador ainda citou, que este problema ocorre desde o início do ano.
Já em outra postagem, o parlamentar denuncia a ausência de ambulância na Serra do João do Vale, onde com base na informação, a única que atendia os moradores daquela localidade, não mais realiza tal serviço. Necas disse que os habitantes da Serra estariam abandonados pelo poder público e questiona onde estão os políticos que se dizem representantes da comunidade...

quarta-feira, 22 de julho de 2015

OPERAÇÃO "DOMINÓ 2" REÚNE GRANDE NÚMERO DE POLICIAIS EM CAICÓ. HELICÓPTERO POTIGUAR 1 ESTÁ NA OPERAÇÃO.

Neste momento, policiais civis e militares empreendem uma grande operação de busca, mandados de prisão e apreensão na cidade de Caicó. E o helicóptero POTIGUAR 1 sobrevoa vários locais da cidade e nesta ação, vários policiais estão presentes no Bairro João XXIII e outros setores de Caicó.
Viaturas da Delegacia Especial de Furtos e Roubos (DEFUR) também contribuem para o êxito da operação “Dominó” 2. Há uma movimentação intensa na sede da Delegacia da Polícia Civil em Caicó e algumas pessoas já foram presas. Nas próximas horas, a alta cúpula da Polícia do RN concederá uma entrevista coletiva e dará todos os detalhes da operação policial que ocorre em Caicó.

Fonte: http://glaucialima.com/

terça-feira, 21 de julho de 2015

DENÚNCIA GRAVE ENVOLVENDO FAMÍLIA ROSADO DE MOSSORÓ ESTOURA NA MÍDIA.

O G1/RN trouxe a tona uma informação que toda Mossoró já sabe: os escândalos envolvendo a família Rosado na administração da antiga Casa de Saúde Dix-Sept Rosado. A unidade sofreu uma intervenção da Justiça e foi reestruturada, porém, os membros da família Rosado que estavam no comando anteriormente terão de explicar questões muito graves em uma série de processos que pode chegar a 18 mil página. Confira nas reportagens publicadas hoje:
Alvo de denúncias, hospital no RN acumula dívidas de R$ 32 milhões
Casa de Saúde Dix-Sept Rosado, em Mossoró, fechou por 2 meses em 2014. Interventores tentam pagar débitos e reestruturar prédio quase 1 ano depois (CLIQUE AQUI para continuar lendo).
MP quer fim de entidade acusada de desviar dinheiro de hospital no RN
Denúncias apontam irregularidades na Casa de Saúde Dix-Sept Rosado. Sob intervenção judicial, hospital é o maior da região Oeste do estado (CLIQUE AQUI para continuar lendo)

NOVO PRESIDENTE NO RN REÚNE DIRIGENTES.

O novo presidente do Partido Verde no Rio Grande do Norte, Rivaldo Fernandes, esteve reunido hoje com dirigentes para discutir os rumos da legenda.
O encontro contou com a presença do ex-deputado federal Paulo Wagner. O PV não tem quadro na Assembleia Legislativa e na Câmara Municipal conta apenas com um vereador: Luiz Almir.

Fonte: http://blog.tribunadonorte.com.br/politicaemfoco

ANTÔNIO MARTINS: ANIMAIS SOLTOS NO PERÍMETRO URBANO.

Transitando na pista que corta o município de Antônio Martins, tivemos que ter atenção redobrada. Animais soltos pela rua, nas proximidades da ponte que divide o bairro Alto da Ema do Centro. 
Que o órgão responsável da prefeitura da Terra da Boa Esperança tome providências.

SUDENE TEM NOVO SUPERINTENDENTE A PARTIR DE HOJE.

A presidenta Dilma Rousseff nomeou nesta terça-feira (21) João Paulo Lima e Silva para comandar a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). A nomeação do novo superintendente foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira. A informação é da Agência Brasil. Ele assume o cargo em substituição a José Márcio de Medeiros Maia. A exoneração de Maia também está publicada no Diário Oficial.
Nascido em Olinda (PE), Lima e Silva foi prefeito do Recife por dois mandatos consecutivos, em 2000 e 2004. Em 2010, foi eleito deputado federal por Pernambuco. Filiado ao PT desde 1979, ele disputou uma vaga para o Senado nas eleições de 2014, mas não foi eleito. À Sudene cabe promover o desenvolvimento includente e sustentável do Nordeste e fomentar a integração competitiva da região nos mercados nacional e internacional.

APROVAÇÃO DO GOVERNO DILMA CAI PARA 7,7% E 62,8% SÃO A FAVOR DO IMPEACHMENT.

Com relação à economia, para 55,5% dos brasileiros a oferta de emprego deve piorar e metade deles teme ficar sem trabalho.

Pesquisa CNT/MDA divulgada na manhã desta terça-feira mostra que 52,4% dos entrevistados consideram o governo da presidente Dilma Rousseff como péssimo. A esses somam-se 18,5% que consideram a gestão da petista como ruim e Dilma chega ao pior índice de popularidade da série histórica feita pela CNT. O governo é considerado de forma positiva somente por 7,7% dos entrevistados. Foram ouvidas 2.002 pessoas, em 137 cidades de 25 estados, das cinco regiões, entre os dias 12 e 16 de julho de 2015.
O pico negativo de Dilma havia sido verificado no levantamento anterior, feito em março, quando a presidente registrou 11% de popularidade. Em relação ao desempenho pessoal de Dilma, somente 15,3% aprovam a gestão dela, contra 79,9% que desaprovam. Neste aspecto, Dilma também bateu recorde, já que o pico de reprovação era de 78%, registrado em março.
Os dados refletem a crise política atual: 62,8% das pessoas são favoráveis ao impeachment da presidente.
Lava Jato
O levantamento mostrou que 78,3% dos entrevistados acompanham ou ouviram falar das denúncias relacionadas à Operação Lava Jato. Destes, 69,2% acham que a presidente é culpada pela corrupção investigada na operação. Ainda neste universo, 65% consideram que o ex-presidente Lula é responsável
Dentro desse universo, 40,4% acham que o maior culpado na Lava Jato é o governo, 34,4% acreditam que os partidos políticos são os responsáveis, 14,2% culpam os funcionários das empresas e somente 3,5% responsabilizam as construtoras.
Para 78,1% dos entrevistados, as empresas devem ser proibidas de fazer doações a campanhas políticas.
Eleições
Para 44,8% da amostra, se o candidato tucano Aécio Neves (PSDB) tivesse vencido as eleições presidenciais de 2014, o governo dele estaria melhor do que o de Dilma; 36,5% acreditam que estaria igual e, para 10,9%, o cenário poderia ser pior.
Publicidade
Se as eleições fossem hoje, num cenário com Aécio Neves, Lula, Marina e Bolsonaro, Aécio ganharia com 35,1% dos votos. Lula teria 22,8%, Marina, 15,6% e Bolsonaro, 4,6%.
Para 78,1% dos entrevistados, empresas devem ser proibidas de fazer doações a campanhas políticas. 67,5% acreditam que não deve haver reeleição.
Economia
A pesquisa também abordou questões ligadas à economia. Quando o tema foi emprego, somente 15% acreditam que o quadro poderá melhorar. Para 55,5% o cenário deve piorar e 27,5% acreditam que tudo ficará igual. Sobre renda, a maioria crê que o panorama deverá ficar igual, 50,2%. Para 33,7% vai diminuir e 13,8% acreditam que a renda vai aumentar.

A POLÊMICA DA LIMITAÇÃO NA CONTRATAÇÃO DE PESQUISAS ELEITORAIS.

Apesar de a Constituição Federal ser explícita – assim diz: “Nenhuma lei conterá dispositivo que possa constituir embaraço à plena liberdade de informação jornalística em qualquer veículo de comunicação social” –, há sempre alguém tentando diminuir essa liberdade e é preciso estar atento. Agora é a vez do Senado Federal, que aprovou um projeto de lei (n.º 473/2015) que restringe a contratação de institutos de pesquisa eleitoral por parte de empresas de comunicação.
Segundo o texto aprovado no Senado – e que agora irá para apreciação na Câmara dos Deputados –, “é vedada aos veículos de comunicação a contratação de entidades e empresas para realizar pesquisas de opinião pública relativas às eleições ou aos candidatos, para conhecimento público, que tenham prestado, nos doze meses anteriores à eleição, serviços a partidos políticos, candidatos e órgãos ou entidades da administração pública direta e indireta dos poderes Executivo e Legislativo da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos municípios”. Ao impedir que empresas de comunicação contratem determinados institutos de pesquisa, há um direcionamento da informação ou, ao menos, uma restrição à informação. E isso está vedado ao Estado brasileiro, pois a Constituição garante a liberdade de expressão e de informação.
A liberdade não precisa de adjetivos nem de finalidades. A Constituição Federal é muito clara em sua opção – ela quer o risco da liberdade. A sociedade brasileira optou por esse bom risco – esse excelente risco – e rejeitou a tentação de uma liberdade orientada, conduzida ou protegida contra o que seria um “mau” uso. Há liberdade de expressão e de informação no País, e ponto final. Não é bom sinal quando o tema da liberdade de expressão vem acompanhado de muita explicação, de muitos matizes, de muitas “boas intenções”. É sinal de que já se está entrando no conteúdo específico da escolha – e é isso exatamente o que a liberdade assegura a cada um.
Ao apresentar o projeto, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) tece as seguintes ponderações: “As pesquisas eleitorais (…) têm servido, com intensidade crescente, nos últimos anos, a balizar a tomada de decisão de eleitores sobre a escolha de seu candidato, assim como a orientar ou reorientar campanhas eleitorais. Essa afirmação é confirmada empiricamente pela grande expectativa gerada na campanha eleitoral quando órgãos de comunicação anunciam a divulgação, em dia determinado, do resultado de pesquisas realizadas por empresas especializadas contratadas”.
A questão não está em analisar se as pesquisas influenciam ou não o eleitor. É um mero exercício acadêmico – se o estudo não visar à manipulação do voto – saber quais são os motivos que levam o eleitor a votar de determinada forma. Incumbe ao Estado zelar pela liberdade do voto. E não há como defender que menos informação acarretará maior liberdade, que é o contorcionismo que o projeto de lei tenta fazer. Deve o eleitor – para que melhor possa decidir seu voto – ter disponível o máximo de informações.
Ainda que adornado de boas intenções, o projeto de lei pretende substituir o eleitor na decisão sobre qual instituto é confiável ou não, determinando que, se um instituto também prestar serviços a um partido ou candidato, por exemplo, ele já não seria confiável. Não cabe ao Congresso decidir sobre essa questão – cabe ao eleitor. Ao assegurar a liberdade de informação, a Constituição Federal afirma que é o cidadão – no caso, o eleitor – que deve julgar qual informação é consistente e qual não é. O que passa disso é paternalismo estatal.
E nem se fale da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que a Comissão Especial de Reforma Política do Senado está analisando no momento, que tenta proibir a publicação de pesquisas de opinião pública uma semana antes das eleições. Tal PEC também é um desrespeito à Constituição e uma afronta ao cidadão, já que ela trata cada eleitor como se fosse incapaz de decidir sobre o que deve fazer com as informações que lhe chegam – e que, portanto, seria melhor restringir tais informações.

Fonte: Estado de São Paulo/http://observatoriodaimprensa.com.br/