RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM

RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM
RIO GRANDE DO NORTE

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES DE SITES DO OESTE POTIGUAR.

A coordenação do 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES E SITES DO OESTE POTIGUAR, já fechou com os palestrantes para o evento.

* Para falar de "ÉTICA NA MÍDIA ELETRÔNICA", a nobre professora aposentada do departamento de filosofia da UFRN, Marta Guerra. Com formação em jornalismo, pós-graduada pelo Instituto Francês de Imprensa da Universidade de Paris; Direito, com pós-graduação pela Universidade de Barcelona, na Espanha.
1. O direito à informação na Constituição brasileira. 2. A responsabilidade do informante. 3. A ordem tecnocientífica. 4. A ordem jurídico-política. 5. A ordem da moral. 6. A ordem ética.

* Na área jornalísitca, Heitor Gregório do blog de mesmo nome, que destaca-se no cenário midiático no ramo da política, será o convidado. "BLOGS E SITES E A PERSPECTIVA PARA AS ELEIÇÕES 2012".

* No ramo jurídico, analista judiciário do Tribunal de Regional Eleitoral do Estado do Rio Grande do Norte e especialista em Direito Eleitoral, Alexandre Abrantes. Tema: "PROPAGANDA ELEITORA NA INTERNET: LIMITES E RESPONSABILIDADES".

* Em Marketing, o célebre Rosimar Cunha, que tem relevantes trabalhos desenvolvidos pelo Brasil à fora, na campanha de políticos de renome. Tema: "POSICIONAMENTO DE BLOGS PERANTE OS CANDIDATOS".









O 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES E SITES DO OESTE POTIGUAR, será em Portalegre, dia 10 de março de 2011, na sede da APRUP.

NÃO ABRO MÃO DA CANDIDATURA TUCANA.

O presidente do PSDB de Antônio Martins, Hélio, disse ao redator deste blog por telefone, que a candidatura do partido as eleições 2012 é uma decisão irrevogável. Hélio disse que por muito tempo, tentou um acordo para encaixar seu grupo em uma das duas chapas já conhecidas, porém, nenhum dos dois "cabeças" deram a atenção que o PSDB merecia.
"O partido terá candidatura própria e disso eu não abro mão. Não há o que discutir. Somos independente em todos os sentidos e não necessitamos de apadrinhamento de quem quer que seja", finalizou Hélio.

BANCADAS PREPARAM TROCAS DE LÍDERES NA VOLTA DO RECESSO PARLAMENTAR.

Ano legislativo no Congresso Nacional começa oficialmente na quinta (2).
Alguns partidos escolhem novos nomes para liderar bancadas.


O ano legislativo no Congresso Nacional começa na próxima quinta-feira (2) com perspectivas de mudanças nas lideranças das bancadas de partidos na Câmara e no Senado.
Na Câmara, pelo menos três partidos devem trocar seus líderes. No Senado, estão previstas duas alterações de comando nas bancadas.
Os líderes têm, entre suas atribuições, falar em nome da bancada, representando os demais parlamentares do partido. Também buscam consenso na bancada para a votação de propostas. No caso das bancadas governistas, são os líderes que participam das reuniões com integrantes do governo e depois repassam as orientações aos parlamentares.
Câmara
Os tucanos chegaram a um consenso e indicaram Bruno Araújo (PE) para substituir Duarte Nogueira (SP) na liderança do PSDB na Câmara.
O comando do bloco da minoria será ocupado pelo deputado Mendes Thame (PSDB-SP), que substituirá o também tucano Paulo Abi-Ackel (MG). No DEM, a liderança vai continuar com ACM Neto (BA).
Na base aliada, o PT ainda não chegou a um nome de consenso para substituir Paulo Teixeira (SP) na liderança do partido na Câmara. Jilmar Tatto (SP) e José Guimarães (CE) disputam o posto.
Na última terça-feira (24), a bancada do partido realizou reunião para escolher o novo líder, mas não houve acordo. O partido vai se reunir novamente em 7 de fevereiro com o objetivo de chegar a um consenso para a escolha do novo líder.
No PDT, três deputados disputam a liderança: Paulo Ruben Santiago (PE), André Figueiredo (CE) e Giovani Cherini (RS). O partido se reúne nesta terça-feira (31) para definir o novo líder, que vai assumir no lugar de Giovanni Queiroz (PA).
No PMDB, a bancada na Câmara reconduziu o deputado Henrique Eduardo Alves (RN) à liderança do partido por mais um ano.
A bancada do PP deve se reunir até esta quarta, para tratar, entre outros, da possível troca de líder na Casa. O atual é Aguinaldo Ribeiro (PB).
Senado
No Senado, o principal problema está na definição de qual senador do PT ficará com a vice-presidência da Casa.
A bancada se reúne na quarta-feira (1) para definir se será mantido ou não o rodízio para o cargo. Segundo acordo firmado no início do ano passado, a atual vice-presidente, senadora Marta Suplicy (SP), que ocupou o cargo durante 2011, teria de deixá-lo em favor do senador José Pimentel (CE).
O presidente nacional do PT, Rui Falcão (PT-SP), deve intervir nas negociações do Senado. Se Pimentel for confirmado, o governo terá de indicar um novo nome para assumir a liderança do governo no Congresso.
Na mesma reunião que deve definir a vice-presidência da Casa, os senadores do PT vão escolher o novo líder da bancada. Para o lugar de Humberto Costa (PE), disputam o cargo os senadores Walter Pinheiro (BA) e Wellington Dias (PI).
Quem também deve mudar de comando no Senado é o PR. Blairo Maggi (MT) deve assumir a liderança no lugar de Magno Malta (ES). A definição deverá ocorrer em uma reunião da bancada, que deve ocorrer na quinta-feira, antes da abertura do ano legislativo.
O PMDB do Senado não fará alterações na liderança, que seguirá sob o comando de Renan Calheiros (AL). O PSDB também manterá Álvaro Dias (PR) e o DEM, Demóstenes Torres (GO). O PDT também deve manter no cargo de líder Acir Gurgacz (RO).

Fonte: Iara Lemos e Sandro Lima/G1
Foto: Ricardo Moraes/Reuters

FAMOSO POR DIRIGIR EMBRIAGADO PLANEJA SER VEREADOR EM BELO HORIZONTE.

Plataforma de campanha do homem que ficou conhecido como o "bêbado do pijama" ou "bebi" deve ser de prevenção ao uso de álcool ao volante, especialmente entre jovens.

Sete meses após envolver-se pela quarta vez em uma ocorrência policial e 13 quilos mais magro, o empresário Elisson Alain Miranda, 43 anos, quer dar a volta por cima.
Conhecido como “bêbado do pijama” ou “Bebi, Bebi, bebi”, Miranda foi flagrado pela primeira vez em julho de 2008, acusado de dirigir sob efeito de álcool. Detido e algemado de pijama, ele afirmou a jornalistas e cinegrafistas: “Bebi, bebi, bebi, bebi, bebi”.
De lá, até meados do ano passado, o chamado “Bebi” envolveu-se outras três vezes em ocorrências semelhantes. A notoriedade na mídia chamou a atenção de partidos políticos e, após estudar propostas, ele filiou-se ao PRTB. Agora, ele estuda disputar, nas eleições de outubro, uma das 41 cadeiras na Câmara Municipal de Belo Horizonte.
A fama de Miranda é facilmente constatada no YouTube. Em um dos vídeos, com a presença dele fazendo caretas para repórteres, o número de acessos já ultrapassa um milhão.
“Beber pode, só não pode é pegar a direção. É preciso prevenir porque, quando a pessoa não bebeu, ela sabe do risco, mas, depois, perde essa consciência. Eu me arrependi muito, mas, graças a Deus, nunca feri ninguém”, diz Miranda.
Morador da zona oeste de Belo Horizonte, o “Bebi” está sem carteira de habilitação há três anos. E desde que foi flagrado, em junho do ano passado, dirigindo supostamente alcoolizado e sem a carteira (cassada anteriormente), ele diz que nunca mais bebeu. E também nunca mais dirigiu.

Fonte: Denise Motta/iG

DEPUTADO É FLAGRADO DIRIGINDO BÊBADO EM BRASÍLIA.

Gladson de Lima Cameli, do PP do Acre, foi pego em blitz nesta madrugada na capital federal

O deputado federal Gladson de Lima Cameli (PP-AC), de 33 anos, foi flagrado em uma blitz de trânsito, em Brasília, esta madrugada, dirigindo embriagado, segundo a polícia.
O deputado foi parado pelos policiais militares que realizavam uma blitz na Avenida W3 Norte, por volta das 2h30. Segundo a polícia, ele não se negou a fazer o teste do bafômetro, que indicou 1,14 miligrama de álcool expelido no teste do bafômetro - acima de 0,33 miligrama é caracterizado o crime de embriaguez ao volante.
Na 2º DP, Cameli se identificou como deputado e, por conta da imunidade parlamentar, foi elaborado apenas um boletim de ocorrência, que foi encaminhado à Câmara dos Deputados e ao Supremo Tribunal Federal para eventual abertura de inquérito.

Fonte: Último Segundo/Agência Estado

DEPUTADO DIZ QUE MANTEGA "AVALIAVA BEM" GESTÃO NA CASA DA MOEDA.

Nelson Marquezelli (PTB-SP) conta que pediu a demissão de presidente da Casa da Moeda, Luiz Denucci, em 2010.

O deputado federal Nelson Marquezelli (PTB-SP) afirmou em entrevista ao iG que o Ministério da Fazenda “avaliava bem” a gestão de Luiz Felipe Denucci na Presidência da Casa da Moeda. A bancada da Câmara foi responsável pela indicação, mas depois se arrependeu e pediu para que Denucci fosse demitido. Ele acabou mantido até ontem, quando foi exonerado.
“Denucci mudou de padrinho 90 dias depois de chegar à Casa da Moeda. O Mantega falou, na época, que ele estava fazendo uma boa administração”, contou Marquezelli. “Isso há um ano e meio, dois quando pedimos para ele sair do cargo”, explicou.
Segundo o jornal Folha de S. Paulo, o presidente da Casa da Moeda foi exonerado sob suspeita de receber propina de fornecedores do órgão. A reportagem afirma que Denucci acabou demitido depois que o caso chegou ao conhecimento do Ministério da Fazenda.
Denucci assumiu cargo em 2010, por indicação da bancada do PTB na Câmara. No entanto, de acordo com o Marquezelli, ele “trocou de padrinho” 90 dias depois de chegar ao comando da Casa da Moeda. “Ele não retornava aos telefonemas do PTB”, disse petebista.
Segundo Marquezelli, Denucci abandonou o PTB e aproximou-se do senador Francisco Dornelles (PP-RJ) e do ex-deputado federal e ex-ministro da Fazenda Delfim Netto (PMDB). “Todos eles são da Fundação Getúlio Vargas”, afirmou.
Dornelles e Delfim Netto não foram encontrados para comentar o caso. O Ministério da Fazenda não quis se manifestar sobre o caso ainda.

Fonte: Adriano Ceolini/iG

DILMA COMEÇA A DEFINIR SUBSTITUTO DE NEGROMONTE.

Entre os cotados para a vaga, estão Agnaldo Ribeiro, Marcio Reinaldo, Beto Mansur, Benedito de Lira e Ciro Nogueira.

Depois de acertar a substituição do ministro das Cidades, Mário Negromonte, a presidenta Dilma Rousseff começou a definir o nome que vai preencher a vaga na Esplanada. Negromonte deve formalizar sua saída do governo ainda nesta semana, logo após a volta da presidenta ao Brasil. Dilma embarcou ontem para Cuba, de onde segue em viagem oficial para o Haiti.
Apesar a saída do ministro ter tomado forma mais concreta no último fim de semana, o PP já trabalha há alguns dias com uma lista de possíveis substitutos para o titular das Cidades, que engrossou a relação de integrantes do primeiro escalão suspeitos de irregularidades.
Entre os nomes analisados estão o do líder do PP na Câmara, Agnaldo Ribeiro (PB), e dos deputados Márcio Reinaldo (MG), Beto Mansur (SP) e dos senadores Benedito de Lira (AL) e Ciro Nogueira (PI). Dilma, no entanto, prefere Márcio Fortes, que já foi ministro das Cidades e hoje ocupa o cargo de Autoridade Pública Olímpica (APO).
Antes de embarcar, Dilma definiu a saída do auxiliar em conjunto com a direção do PP e o governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), padrinho político do ministro. A expectativa era a de que Dilma formalizasse a decisão já na quinta-feira, seu primeiro dia após o retorno ao Brasil. Mas como a presidenta terá de enviar uma mensagem com os planos de trabalho do governo ao Congresso, é possível que o acerto ocorra na sexta-feira.
Dilma deve ainda se reunir com o ministro, uma forma de demonstrar um último sinal de prestígio, repetindo um gesto que usa desde a saída de Antonio Palocci (Casa Civil), em junho.
Embora a saída de Negromonte já fosse orquestrada desde o fim de semana, o acordo final do Planalto com o PP e Wagner foi selado ontem pela manhã, durante assinatura da ordem de serviço para o início das obras de revitalização urbanística da bacia do rio Camaçari, região metropolitana de Salvador. Depois, Jaques Wagner entrou no avião presidencial e seguiu com Dilma para a viagem a Cuba e Haiti. Ele foi o único governador a acompanhar a presidenta. Negromonte também marcou presença no evento e ganhou direito a uma breve menção no discurso da presidenta.

Fonte: iG/Com informações da Agência Estado e da Agência Brasil
Foto: Futura Press

DEU NO BLOG DA GARDÊNIA OLIVEIRA...

INCRÍVEL, CABULOSO, MISTERIOSO.

Roubaram documentos dos cartórios eleitorais de Martins e Patu


Bandidos certamente com interesses políticos arrombaram durante a madrugada desta terça-feira (31/01/12) o Fórum Municipal de Martins e também de Patu. Levaram documentos dos cartórios.
A confirmação do roubo de documentos ao Fórum de Patu foi feita pelo jornalista Bruno Campelo, que é o atual secretário Municipal de Comunicação Social da Prefeitura.
Bruno, inclusive, fez uma foto das digitais do suposto bandido deixada no vidro do Fórum. Em Martins, a informação é a mesma. Os bandidos teriam levado só documentos.
Como se trata de crimes de natureza gravíssima contra a Justiça Eleitoral, os dois casos serão investigados pela Polícia Federal, provavelmente de Mossoró.
Uma dúvida: a quem interessa documentos do cartório eleitoral de Martins e Patu ao mesmo tempo?

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

FESTEJOS EM RIACHO DE SANTANA.

A prefeitura de Riacho de Santana, está mobilizando-se em realizar dois festejos que darão o que falar, este ano.
O primeiro, a emancipação política do município, que completará 49 anos em 10 de maio próximo. Esta ocasião, a prefeitura pretende unir em um só evento, todos os profissionais de cantoria que participarão das edições, entre 2005 e 2011. E conforme informações, todos, sem exceção, confirmarão presença.
A segunda festa será o São João, que é um dos mais badalados da região. A organização já reuniu-se com empresários de bandas de renome, para trazer o que há de melhor, para celebrar com chave de ouro o ciclo da gestão Raimundinho.
É esperar.

NOVO BLOG.

Mais um blog na região: http://vernotici.blogspot.com
Este é o endereço para acessr. O título é É NOTÍCIA.
Que sejam bem vindo o seu autor.

REUNIÃO PRO TUDO OU NADA NO PALÁCIO DA RESISTÊNCIA.

Este domingo é marcado por nova rodada de negociação para que cheguemos, ao final, sobre lengalenga burlesco da renúncia – ou não – da prefeita de direito Fátima Rosado (DEM), a “Fafá”.
O líder Carlos Augusto Rosado (DEM) convocou os principais ‘atores’ da ala ligada à Fafá, para uma nova conversa.
O ‘martelo’ está batido?
O Palácio da Resistência terá nova inquilina nas próximas semanas?
Depois trago novidades.

Fonte: Carlos Santos

PRECATÓRIOS DO TJ: QUEM SÃO OS OUTROS 6?

A semana começa com a pergunta que não quer calar:
Quem são os 6 investigados pelo Ministério Público sob suspeita de desviar dinheiro público na questão dos precatórios do Tribunal de Justiça?
O MP alega sigilo nas investigações, mas o nome de Carla Ubarana, chefe do setor de Precatórios – cargo bem inferior aos de direções e presidência – foi jogado no ventilador.
Pré-julgada e julgada.
A isonomia, no caso em questão, seria bem mais justa.

Fonte: Thaísa Galvão

CNJ DESCOBRE QUE R$ 6,4 MILHÕES EM DOAÇÕES A TRIBUNAIS DESAPARECERAM.

Uma investigação do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) descobriu que em torno de R$ 6,4 milhões em bens doados pelo órgão a tribunais estaduais desapareceram.
Relatório inédito do órgão, revela que as cortes regionais não sabem explicar onde foram parar 5.426 equipamentos, entre computadores, notebooks, impressoras e estabilizadores, entregues pelo CNJ para aumentar a eficiência do Judiciário.
A auditoria mostra ainda que os tribunais mantêm parados R$ 2,3 milhões em bens repassados. Esse material foi considerado “ocioso” pelo conselho na apuração, encerrada no dia 18 de novembro.
O CNJ passa por uma crise interna, envolvendo, entre outras coisas, a fiscalização nos Estados, principalmente os pagamentos a magistrados. A conclusão da auditoria revela que o descontrole no uso do dinheiro pelos tribunais pode ir além da folha de pagamento.

Fonte: Robson Pires

CNJ SUSPENDE REPASSE DE BENS A TRIBUNAIS, ENTRE ELES O DO RN.

Diante da situação, o CNJ decidiu suspender o repasse de bens a quatro Estados: Paraíba, Tocantins, Rio Grande do Norte e Goiás.
Os três primeiros estão com um índice acima de 10% de bens “não localizados”, limite estabelecido para interromper o repasse. Já o tribunal goiano, segundo a auditoria, descumpriu regras na entrega de seus dados.
Além desses quatro, a investigação atingiu outros 12 Estados que, numa análise preliminar, também apresentaram irregularidades.
Desses, apenas Espírito Santo e Rio Grande do Sul encontraram todos os bens. Os demais não foram punidos com bloqueio, mas têm até maio -quando uma nova auditoria será feita- para mostrar as providências que estão tomando para localizar os equipamentos.
Os R$ 6,4 milhões em bens não encontrados englobam todos esses tribunais auditados. No relatório, o CNJ ressalta que “trata-se de recursos públicos que estão sendo distribuídos ao Poder Judiciário com um objetivo específico: informatizar o Poder Judiciário a fim de tornar a Justiça mais célere”.
A investigação do conselho abrangeu um universo de R$ 65 milhões em bens doados entre 2010 e 2011.

Fonte: Robson Pires

SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL NÃO IRÁ SE CURVAR, AFIRMA MARCO AURÉLIO.

"O dia em que atuarmos de acordo com o clamor público estaremos mal", diz ministro do STF.

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou ontem que a Corte tem de atuar de forma independente, não se curvando a pressões e ao clamor público. "Vamos atuar pouco importando o aplauso ou a crítica", disse, ao ser indagado sobre declarações de magistrados de que por trás da crise do Judiciário estaria o processo do mensalão.
Durante encontro em Teresina, como revelou ontem o Estado, presidentes dos Tribunais de Justiça do País afirmaram que o STF está "emparedado" e sugeriram que "alguns réus" do mensalão estariam atuando para desestabilizar a Corte.
O ministro foi direto: "Nessa quadra psicodélica, tudo é possível". Procurado por meio de sua assessoria, o presidente do STF, Cezar Peluso, não quis comentar as manifestações feitas pelos magistrados. Para Marco Aurélio, ao contrário do que deveria ser, existe atualmente no Supremo "uma preocupação muito grande em relação à repercussão das decisões". "O dia em que atuarmos de acordo com o clamor público estaremos mal", afirmou. O ministro lembrou que já disse no plenário do STF que a magistratura está intimidada. "Será que o Supremo também está?"
Ele citou o fato de o tribunal não ter julgado no ano passado a Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) que questiona o poder do CNJ de iniciar, por conta própria, investigações contra magistrados suspeitos de envolvimento com irregularidades, apesar de ela ter sido colocada na pauta semanas antes.
"Qual foi a sinalização quando deixou de chamar a Adin (do CNJ)? Qual é a leitura que se faz? Só o ingênuo não percebe", afirmou. Diante do fato de o plenário não ter julgado o processo, Marco Aurélio decidiu sozinho o pedido de liminar, determinando que o CNJ inicie investigações contra magistrados somente após os tribunais locais já terem apurado as suspeitas. O processo sobre o poder de investigação do CNJ foi colocado novamente na pauta do plenário e o julgamento está previsto para a próxima quarta-feira.

Fonte: Último Segundo/Jornal O Estado de S. Paulo.

MP ALERTA PARA PREFEITO EVITAREM "ATRAVESSADORES" NA CONTRATAÇÃO DE SHOWS DO CARNAVAL.

O Ministério Público emitiu uma recomendação em tom de alerta para as Prefeituras de Guamaré e Macau. O documento assinado pela promotora Raquel Batista de Ataíde Fagundes destaca que os prefeitos devem evitar os “atravessadores” nas contratações de bandas e shows para o carnaval. Na prática, o Ministério Público recomenda que os gestores contratem os artistas diretamente e não buscando uma empresa local que faça a intermediação com o empresário nacional.
“Somente contrate, por inexigibilidade de licitação, shows de cantores e bandas musicais diretamente ou através de empresário exclusivo, circunstância a ser comprovada mediante apresentação de carta de exclusividade ou contrato, assinados por quem detenha condição para representar banda, grupo musical ou profissional do setor artístico, conforme indicação em contrato social ou estatuto registrado nos órgãos competentes”, diz o documento emitido pela promotora.

Fonte: Panorama Político

domingo, 29 de janeiro de 2012

MUNICÍPIOS TÊM NOVAS REGRAS PARA PRESTAÇÃO DE CONTAS AO FNDE.

Novas regras para prestação de contas de programas federais financiados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) entram em vigor em 2012. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta que a partir desse ano, será obrigatório o uso do Sistema de Gestão de Prestação de Contas (SiGPC).
Segundo a Portaria 2, de 18 de janeiro de 2012, o sistema estará em funcionamento a partir do dia 02 de fevereiro. Os Municípios terão cem dias a mais nos atuais prazos para o envio da prestação de contas.
O FNDE informará a todos os gestores municipais e demais interessados os procedimentos necessários para a obtenção de senha pessoal e intransferível, destinada ao acesso ao SiGPC e à habilitação de corpo técnico de apoio.
As prestações de contas, que exigem parecer dos conselhos, também estarão contempladas na nova regra, cuja documentação será disponibilizada no SiGPC. Os conselheiros, devidamente habilitados, promoverão a análise, emissão de parecer e a remessa das prestações de contas ao FNDE, também por meio do sistema.

Fonte: Canguaretama em Chamas/saltonarede.com

ALIANÇA COM PSD NÃO É PRIORIDADE, DIZ HADDAD.

O pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, definiu na manhã deste sábado, com dirigentes de sua legenda, as diretrizes para as alianças que serão fechadas em torno de sua candidatura. Segundo ele, um acordo com o PSD (partido do atual prefeito Gilberto Kassab) não é prioridade neste momento. "Na nossa opinião, não houve uma aproximação formal do PSD, os dirigentes do PT não foram procurados e o PSD deixou claro que tem outras prioridades. A nossa prioridade, é a busca de coligação com os partidos da base aliada do governo Dilma", afirmou o ex-ministro da Educação.
De acordo com Haddad, os 19 participantes do conselho político de sua pré-campanha foram unânimes na decisão de focar as negociações com as seguintes legendas: PR, PDT, PCdoB e PMDB. O pré-candidato disse que o objetivo é discutir com os aliados tradicionais o projeto político da coligação, sem que isso passe por cima dos interesses do PT em São Paulo. "Não queremos que qualquer aliança rebaixe nossas pretensões de atuação na cidade", reforçou. E voltou a dizer que a proposta feita por Kassab ainda é incipiente e que o PSD passa por um processo de "aproximação nacional que não teve reflexos por aqui."
Ao falar de sua plataforma de campanha, ressaltou: "O sentimento do PT é de mudança e, na minha opinião, está sintonizado com o sentimento da população. Vamos ser coerentes com as nossas atitudes até aqui. Queremos apresentar um projeto sintonizado com este sentimento. Há pretensões de resgatar bandeiras históricas e não vamos abdicar disso por conveniência eleitoral."
O petista disse também que apesar da sugestão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de discutir a proposta de aliança com Kassab, o conselho político de sua campanha acha que é preciso aprofundar o diálogo com os partidos da base, independentemente se eles já têm ou não candidato, uma vez que as alianças podem ocorrer também no segundo turno.
Fernando Haddad revelou que os aliados estão pedindo um tempo para deliberar sobre um possível acordo e ver a evolução das candidaturas. Por enquanto, as conversas estão mais avançadas com o PR.
Ainda sobre o partido de Kassab, Haddad negou que haja um racha no PT com relação a um eventual acordo. "Não vamos omitir da opinião pública que este debate existe. O debate existe, posições divergentes existem, mas o que foi decidido unanimemente é que o debate não pode ser interditado", ponderou.

Fonte: Diário do Grande ABC

PMDB E PT NÃO SE ENTENDEM SOBRE ALIANÇAS PARA ELEIÇÕES.

Em apenas duas das 27 capitais, petistas e peemedebistas já formaram chapa única

As alianças para a disputa municipal deste ano ainda estão em fase inicial de negociação, mas já é possível sentir o clima pesado entre os partidos da base governista. E tudo indica que a queda de braço travada na última semana pelo líder do PMDB na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN), com o governo, por conta a demissão do diretor-geral do Departamento Nacional de Obras Contra Seca (Dnocs), poderá afastar ainda mais peemedebistas e petistas. De acordo com levantamento preliminar feito pelo presidente do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), por enquanto, só há previsão de aliança entre seu partido e o PT em duas das 27 capitais do país: São Luís e Rio de Janeiro.
Em São Luís, nosso candidato desistiu da disputa e há uma perspectiva de nos aliarmos ao PT. No Rio, onde a aliança já existia e seria natural o apoio do PT à reeleição do prefeito Eduardo Paes, estamos tendo problemas — confirma Raupp.
A aliança entre o PT e PMDB no Rio, de fato, não é nada amistosa e vem sofrendo resistências de setores de ambos os partidos. Apesar do empenho do governador Sérgio Cabral para manter a união das duas legendas em favor da reeleição do peemedebista Paes, o deputado Alessandro Molon (PT-RJ) chegou a convocar um protesto no mês passado contra essa aliança.
A relação entre as duas legendas azedou ainda mais depois que o presidente estadual do PMDB, Jorge Picciani, sinalizou que seu partido poderia não apoiar algumas candidaturas petistas no estado, como a do secretário estadual Roberto Neves ,em Niterói.
Temer não abre mão da candidatura de Chalita
A postura de Picciani provocou fortes reações entre os petistas, que lembram que o partido já se comprometeu a apoiar candidatos do PMDB em pelo menos 25 municípios do estado do Rio.
— Estamos colocando o PMDB como aliado e eles estão nos tratando como inimigos — desabafa o senador Lindbergh Farias (PT-RJ).
Em São Paulo, a situação é ainda pior. Sob o comando do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o PT considera estratégico para o partido a eleição do ex-ministro da Educação Fernando Haddad na capital paulista. O PMDB, por sua vez, resiste à pressão petista para que abra mão da candidatura própria. O vice-presidente, Michel Temer, já decretou que não há hipótese de o deputado Gabriel Chalita sair da disputa. Diante desse quadro, Lula começou a investir numa possível aliança com o PSD do prefeito Gilberto Kassab, a despeito das resistências internas dentro do PT.
Correndo por fora, os tucanos estão com prévias marcadas para o início de março, mas ainda não desistiram por completo de convencer o ex-governador José Serra a disputar a prefeitura paulista nas eleições deste ano, o que praticamente inviabilizaria a aliança dos petistas com Kassab — o atual prefeito já admitiu que só apoiaria o candidato do PSDB se ele for Serra.

Fonte: O Globo

G1: DEU NA REVISTA ÉPOCA...

O amigo das ONGs no Planalto.

Instituto de petista, apadrinhado pelo ministro Gilberto Carvalho, entra na mira do Ministério da Ciência e Tecnologia por falta de prestação de contas de R$ 1,5 milhão.

Em meio à reforma ministerial iniciada na semana passada, o governo da presidente Dilma Rousseff anunciou a criação da Secretaria de Gestão Pública, vinculada ao Ministério do Planejamento. O objetivo da nova secretaria é tornar a administração pública federal mais eficiente e combater o desperdício de recursos. Os focos da nova secretaria ainda não estão bem delineados, mas, para cumprir sua incumbência, ela bem que poderia se dedicar a aprimorar os convênios entre governo e ONGs – um ralo de dinheiro público (leia mais).
Na constelação de milhares de ONGs que prestam serviço ao governo, uma tem brilhado com intensidade: o Instituto de Tecnologia Social (ITS), criado em 2001 pela ex-deputada federal Irma Passoni, do PT de São Paulo, com a vaga missão de “promover a geração, o desenvolvimento e o aproveitamento de tecnologias voltadas para o interesse social e reunir as condições de mobilização do conhecimento, a fim de que se atendam às demandas da população”. Desde que o PT chegou ao Palácio do Planalto, o ITS obteve mais de R$ 14 milhões em verbas de convênios, o que o tornou uma das ONGs com melhor trânsito na Esplanada dos Ministérios. Uma das razões do sucesso do ITS é que ele conta com as bênçãos de um padrinho forte: Gilberto Carvalho, ministro da Secretaria-Geral da Presidência e ex-chefe de gabinete do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Carvalho, ex-seminarista da Igreja Católica, é amigo de Irma Passoni, ex-freira, desde a fundação do PT, em 1980.
Uma das especialidades do ITS é a área de ciência e tecnologia. A ONG celebrou nove convênios com o Ministério da Ciência e Tecnologia, com valores superiores a R$ 6 milhões. ÉPOCA apurou que Carvalho exerceu uma influência decisiva para o ministério abrir as portas para a ONG de Passoni. Quem fez as honras da casa foi outro amigo do ministro, Joe Valle, ex-secretário de Inclusão Social do ministério, atualmente deputado distrital pelo PSB em Brasília. Como secretário, Valle era o responsável por aprovar os projetos do ITS. Dono de uma chácara de 3 hectares próxima ao Distrito Federal, Carvalho se aproximou de Valle por causa do interesse de ambos pela agricultura orgânica (engenheiro florestal, Valle é dono de uma propriedade especializada em produtos orgânicos). No final de 2009, quando Valle deixou o Ministério da Ciência e Tecnologia para assumir, por um breve período, a presidência da Emater, órgão de apoio a produtores rurais do governo do Distrito Federal, Carvalho fez questão de prestigiar a posse do amigo. Na ocasião, o petista Carvalho sentou-se ao lado de personagens do barulho da política brasiliense, como o ex-governador José Roberto Arruda e o ex-vice-governador Paulo Octavio, ambos então filiados ao DEM. Dois dias depois da posse, foi deflagrada a Operação Caixa de Pandora, que implodiu o governo Arruda. Após o escândalo, Valle voltou a seu cargo na Ciência e Tecnologia graças ao apoio de Carvalho.
Um dos convênios do ITS patrocinados pela dupla Carvalho-Valle entrou agora na mira dos órgãos de controle interno do governo. Na semana passada, o ordenador de despesas do Ministério da Ciência e Tecnologia, Humberto Schloegl, encaminhou um ofício a Irma Passoni em que cobra a relação de pagamentos, notas fiscais, extratos bancários e regulamento para a realização das contratações do ITS num convênio de R$ 1,5 milhão. A parceria foi feita a propósito do desenvolvimento de projetos em comunidades carentes no Distrito Federal. Apesar de o convênio ter sido finalizado em agosto de 2009, nenhum desses documentos fora apresentado até a semana passada. Se não encaminhar os documentos exigidos em dez dias, Irma Passoni poderá ser inscrita num cadastro de devedores do governo federal. O ministério só tomou essa iniciativa dois dias depois de ÉPOCA ter solicitado acesso à prestação de contas do convênio.
Várias particularidades chamaram a atenção para o convênio, como o repentino interesse do ITS, normalmente concentrado em São Paulo, pela periferia de Brasília. Algumas atividades que teriam sido promovidas pela ONG também causam estranheza. Numa delas, o ITS teria promovido a leitura e discussão da célebre “Carta de Achamento do Brasil”, de Pero Vaz de Caminha, o escrivão do navegador Pedro Álvares Cabral na viagem do Descobrimento do Brasil. Outra iniciativa do ITS teria sido estimular o debate sobre a “arqueologia dos movimentos sociais”. A conclusão do ITS sobre o assunto foi: “Os problemas atuais estão referenciais (sic) em processos históricos não resolvidos na formação socioeconômica brasileira”. Em nota, o ITS disse ter enviado todos os documentos previstos na prestação de contas e que está à disposição para esclarecimentos.
As ligações de Carvalho com Valle são parte de uma denúncia protocolada na Procuradoria-Geral da República (PGR) em 2010. Outro implicado na denúncia é o senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), acusado de favorecer amigos e parentes com emendas parlamentares. A PGR investiga o caso. Rollemberg nega as acusações. Diz que são decorrentes de briga interna do PSB. “O procurador-geral vai concluir que as denúncias não procedem.” Rollemberg foi o antecessor de Valle na Secretaria de Inclusão Social.
O documento, a que ÉPOCA teve acesso, acusa Valle de ter atuado no Ministério da Ciência e Tecnologia como um agente teleguiado de Carvalho. Tanto Valle quanto o ministro negam tal interferência. Carvalho diz que a decisão sobre convênios com ONGs “é responsabilidade dos ministros e autoridades de cada órgão”. Questionado por ÉPOCA, Carvalho reconheceu, porém, que tomou a iniciativa de apresentar a Valle outra ONG: a Harpia Harpyia, dirigida pelo bispo emérito de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, dom Mauro Morelli.Segundo Carvalho, para “solicitar-lhe que dom Mauro fosse atendido dentro das normas e critérios daquela secretaria”. A Harpia, dedicada ao combate à fome, recebe recursos de convênios do Ministério da Ciência e Tecnologia com prefeituras e universidades públicas. O melhor seria se as ONGs dos amigos de Carvalho conseguissem dinheiro apenas por sua competência e eficiência, sem a necessidade dos pistolões do Planalto.

Fonte: Globo.com
Foto: F. Gualberto/Agência Brasília e Márcia Yamamoto

NOVO BLOG NA REGIÃO.

Recebemos a informação, que um novo blog da região está disponível na net. assimcomrosa.blogspot.com seria o endereço. porém, não conseguimos acessar com este endereço.
Mas mesmo assim, "com ou sem rosa", que seja bem vindo, para enriquecer a blogosfera potiguar.

OITO MESES DA ELEIÇÃO, CANDIDATOS AINDA SÃO DESCONHECIDOS EM SP.

Segundo pesquisa Datafolha, Russomano e Serra são os mais bem colocados. Haddad não alcança 5% das intenções de voto.

A oito meses das eleições municipais, os principais candidatos à Prefeitura de São Paulo continuam desconhecidos pelo eleitor. De acordo com a pesquisa Datafolha divulgada neste domingo pelo jornal Folha de S.Paulo, nenhuma candidatura ultrapassa os 21% de intenção de voto.
O pré-candidato melhor posicionado é Celso Russomano (PRB), que oficializou sua entrada na disputa ontem. Ele oscila entre 17% a 21% e lidera quatro dos cinco cenários pesquisados. Apenas o ex-governador José Serra (PSDB) supera Russomano. Serra, no entanto, tem dito que não irá concorrer à sucessão do prefeito Gilberto Kassab (PSD), seu afilhado político.
O ex-governador é o tucano mais bem posicionado na disputa. Os pré-candidatos do PSDB - Bruno Cobas, José Aníbal, Ricardo Tripoli e Andrea Matarazzo - variam de 2% a 6%. Segundo a pesquisa, Serra tem uma das maiores rejeições, com 33%, perdendo apenas para o pré-candidato do PC do B, Netinho de Paula, com 35%.
Apesar da exposição na mídia que teve na última semana, quando deixou o Ministério da Educação, o pré-candidato do PT, Fernando Haddad, permanece abaixo dos 5% das intenções de voto. Haddad conta, contudo, com o apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidenta Dilma Rousseff. Segundo o Datafolha, 49% dos entrevistados votariam em um candidato indicado por Lula. Outros 34% votariam no candidato de Dilma. Segundo a pesquisa, 31% votariam no candidato do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e 14% votariam no candidato de Kassab.
Já o deputado federal Gabriel Chalita, pré-candidato do PMDB do vice-presidente Michel Temer, varia entre 6% e 9%. Ele oscilou positivamente em todos os quadros, mas dentro da margem de erro.
A pesquisa foi feita com 1.090 eleitores da capital paulista na quinta-feira e sexta-feira.

Fonte: Último Segundo

"FILIADOS" TUCANOS DESCONHECEM O PARTIDO EM SÃO PAULO.

'Filiados' dizem ter passado seus dados eleitorais a entidades das quais recebiam leite distribuído pelo governo estadual, do PSDB.

Entre os filiados tucanos aptos a votar nas prévias que definirão o candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo há pessoas que sequer conhecem o partido e que dizem ter passado seus dados eleitorais a entidades das quais recebiam leite distribuído pelo governo estadual, administrado pela legenda. Até simpatizantes do PT estão na lista oficial tucana. Ao entrar em contato com 40 integrantes da "base" do PSDB nas regiões leste e sul, áreas de baixa renda onde há concentração de "tucanos", o jornal O Estado de S. Paulo encontrou moradores que ignoravam a condição de filiados.
Cinco mulheres da zona eleitoral Vila Jacuí apontaram entidades associadas ao programa Vivaleite, da Secretaria de Desenvolvimento Social do governo estadual, como possível explicação para seu vínculo com o partido. Foram citadas a Associação para Qualificação Profissional e Social dos Moradores do Jardim Pedro Nunes (Aqualiprof), dirigida por Wellington Machado, presidente do diretório do PSDB da Vila Jacuí, e a Assocam, presidida por Idevanir Arcanjo de Souza, também filiado ao partido.
A Vila Jacuí - zona eleitoral com maior concentração de tucanos "de carteirinha", conforme mapeamento publicado pelo Estado na semana passada - é região de grande influência do vereador Adolfo Quintas (PSDB). No final de 2009, o parlamentar participou de um evento de Natal com Idevanir na região onde foram feitas as filiações. Também há mensagem de Wellington Machado elogiando-o em site ligado ao partido. Nas prévias, Idevanir diz que irá apoiar o deputado Ricardo Tripoli. Machado declarou apoio ao secretário Bruno Covas (Meio Ambiente).
Mais de 20 mil pessoas poderão votar nas prévias, marcadas para março. Líderes tucanos temem que a filiação de pessoas sem vínculos com o partido favoreça determinado candidato - estão também na disputa os secretários Andrea Matarazzo (Cultura) e José Aníbal (Energia).
"Não sabia que estava filiada", disse Ana Luiza Miranda Berlink. "Mandaram um cartãozinho com uns folhetos. Como eu faço muito cadastro de casa própria, pensei que fosse isso. E meus filhos recebiam leite daquele programa. Pode ter sido alguma dessas vezes", declarou.

Fonte: Último Segundo/Agência Estado/Jornal O Estado de S. Paulo.

DILMA TERÁ QUE INAUGURAR 5 CRECHES POR DIA PARA CUMPRIR PROMESSA.

Meta de 6.427 unidades, prometida na campanha em 2010, está longe de ser concretizada

Para cumprir uma promessa de campanha feita pela presidente Dilma Rousseff, o Ministério da Educação terá que inaugurar pelo menos 178 creches por mês, ou cinco por dia, até o fim de 2014. Na disputa presidencial de 2010, Dilma afirmou que iria construir 6.427 creches até o fim de seu mandato, mas a promessa está longe de se concretizar.
O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), responsável pelo ProInfância - que cuida da construção dessas creches - pagou até agora R$ 383 milhões dos R$ 2,3 bilhões empenhados. No primeiro ano de governo, a execução do ProInfância ficou em 16%. Na semana passada, Dilma participou da inauguração de uma creche do programa em Angra dos Reis.
Principal aposta do PT nas eleições de 2012, o ex-ministro da Educação Fernando Haddad deixou o ministério para se candidatar à Prefeitura de São Paulo sem entregar nenhuma das creches prometidas pela presidente. Nas últimas campanhas em São Paulo, as creches têm sido destaque. Seu sucessor, Aloizio Mercadante, tomou posse na última terça-feira prometendo atender à promessa de Dilma. "Vamos cumprir a meta de criar mais de 6 mil creches e dar às crianças brasileiras em fase pré-escolar acolhimento afetivo, nutrição adequada e material didático que as preparem para a alfabetização", disse.
Na campanha, Dilma chegou a fixar a meta de construir 1,5 mil unidades de ensino por ano. Reforçou a promessa no programa de rádio da Presidência: "A creche é também muito importante para as mães, para que possam sair para trabalhar tranquilas, sabendo que seus filhos estão recebendo atenção e cuidados," disse na última segunda-feira. O déficit do País hoje é de 19,7 mil creches. Para se alcançar uma das metas do Plano Nacional de Educação é preciso triplicar o número de matrículas nessas unidades.

Fonte: Agência Estado

3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES DE SITES DO OESTE POTIGUAR.

A coordenação do 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES E SITES DO OESTE POTIGUAR, já fechou com os palestrantes para o evento.

* Para falar de "ÉTICA NA MÍDIA ELETRÔNICA", a nobre professora aposentada do departamento de filosofia da UFRN, Marta Guerra. Com formação em jornalismo, pós-graduada pelo Instituto Francês de Imprensa da Universidade de Paris; Direito, com pós-graduação pela Universidade de Barcelona, na Espanha.
1. O direito à informação na Constituição brasileira. 2. A responsabilidade do informante. 3. A ordem tecnocientífica. 4. A ordem jurídico-política. 5. A ordem da moral. 6. A ordem ética.

* Na área jornalísitca, Heitor Gregório do blog de mesmo nome, que destaca-se no cenário midiático no ramo da política, será o convidado. "BLOGS E SITES E A PERSPECTIVA PARA AS ELEIÇÕES 2012".

* No ramo jurídico, analista judiciário do Tribunal de Regional Eleitoral do Estado do Rio Grande do Norte e especialista em Direito Eleitoral, Alexandre Abrantes. Tema: "PROPAGANDA ELEITORA NA INTERNET: LIMITES E RESPONSABILIDADES".

* Em Marketing, o célebre Rosimar Cunha, que tem relevantes trabalhos desenvolvidos pelo Brasil à fora, na campanha de políticos de renome. Tema: "POSICIONAMENTO DE BLOGS PERANTE OS CANDIDATOS".









O 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES E SITES DO OESTE POTIGUAR, será em Portalegre, dia 10 de março de 2011, na sede da APRUP.

PREFEITURA DE BOM JESUS GASTARÁ NAIS DE R$ 100 MIL COM IMPRESSOS E CARTUCHO.

A Prefeitura Municipal de Bom Jesus resolveu investir pesado em impressos e cartuchos de impressora. Foi contratada pelo valor de R$ 77.500 a empresa P. F. DE OLIVEIRA ME. Ela deverá fornecer “serviços gráficos para impressos de uso geral da municipalidade”, conforme define o extrato do contrato.
Outros R$ 49.650,00 da mesma Prefeitura serão gastos com remanufaturação e cartuchos. O contrato foi firmado com a empresa RENOVE COMERCIO DE CARTUCHOS PARA IMPRESSORAS LTDA.

Fonte: Panorama Politico

TCE CONDENA EX-PREFEITO DE GEORGINO AVELINO A PAGAR MAIS DE R$ 500 MIL.

A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Norte condenou o ex-prefeito de Georgino Avelino João Batista de Santana a pagar mais de R$ 500 mil aos cofres públicos.
Os conselheiros de Contas acataram o relatório técnico e o parecer do Ministério Público Especial votando pela desaprovação das contas referentes ao balancete do FUNDEF da prefeitura de Senador Georgino Avelino, relativas ao ano de 2002. O ex-prefeito João Batista deverá ressarcir o valor de R$ 554.134,18.
O conselheiro Thompson Fernandes encaminhou o processo para o Ministério Público em virtude da possível existência de atos de improbidade administrativa.

Fonte: Panorama Político

CARNAVAL DO INTERIOR NA MIRA DO MP.

A menos de um mês de Momo estabelecer seu reinado, alguns dos principais pólos carnavalescos do Estado, como Parnamirim e Macau, ainda não tem programação definida e estão sob a mira do Ministério Público. O órgão instaurou inquéritos para orientar Prefeituras quanto aos gastos com a contratação de bandas e estrutura. A medida busca evitar que, além dos muitos foliões, recursos públicos também caiam na farra e sejam usados irregularmente. O suposto desvio de recursos públicos nessa época do ano é prática antiga. Em Natal, se tornou alvo de investigação, desde 2006, quando foi descoberto o esquema mais conhecido como Foliaduto, com a promoção de shows fantasmas durante o carnaval daquele ano.
A malversação do dinheiro público em anos anteriores resultou em ações que tramitam na justiça. A Promotoria de Justiça de Macau instaurou, dia 19, dois Inquéritos Civis para fiscalizar como será feita as contratações em Macau e Guamaré. No início do mês, a Promotoria do Patrimônio Público de Parnamirim adotou o mesmo procedimento.
No ano passado, segundo dados da Promotoria de Justiça de Macau, R$ 2,1 milhões foram gastos apenas com a contratação de músicos para animar os quatros dias de folia na capital salineira e outros R$ 1,9 milhão, em Guamaré. Na última quarta-feira, dia 25, em audiência com gestores dos municípios de Macau e Guamaré, a promotoria estabeleceu que o processo deve obedecer a lei de licitações. Os gestores deverão repassar as informações até amanhã ao MPE.
A legislação, de número 8.666/93, em seu art. 25, artigo III prevê que "é inexigível a licitação quando houver inviabilidade de competição, em especial: (...) III - para contratação de profissional de qualquer setor artístico, diretamente ou através de empresário exclusivo, desde que consagrado pela crítica especializada ou pela opinião pública".
Em linhas gerais, a Prefeitura só poderá contratar músicos por meio de processo licitatório regular, e em caso de inexigibilidade de licitação, através dos empresários dos artistas, que negociem de forma permanente os trabalhos do suposto contratado e que não seja apenas um "intermediário". Na maior parte dos casos, explica a promotora de Justiça da Comarca, Raquel Batista de Ataide Fagundes, o que ocorre é a instituição, por meio de declaração, de um representante como empresário exclusivo para fim e prazo específico de conseguir o contrato. "Isso é ilegal. E já configura improbidade administrativa, fora isso, ainda tem o gasto do dinheiro público", afirma.
Em 2011, o Ministério Público conseguiu na Justiça liminar que suspendeu, às vésperas do festejo, a contratação das bandas para o carnaval de Macau. A liminar foi revogada e a festa aconteceu. O inquérito civil ainda se encontra na fase de oitivas. "Como são muitas as pessoas a serem ouvidas, cerca de 20 a 30 bandas, ainda não conseguimos concluir. Estamos nos precavendo para evitar e poder acompanhar todo o processo", disse.
Além das contratações dos serviços o inquérito determina ainda a organizar o comércio de ambulantes zelando pelos interesses da população, garantir providências específicas para evitar que crianças e adolescentes tenham acesso a bebidas alcoólicas e a locais inadequados. Às polícias Civil e Militar também foram recomendadas a apresentar esquema para o reforço da segurança durante o evento.
A programação definitiva do carnaval de Macau será conhecida na próxima quinta, dia 2. "Tempo em que as providências para regularizar contratações serão informadas ao Ministério Público", explicou o presidente da Fundação Municipal de Cultura Francisco Gaspar da Silva Paraíba Cabral, mais conhecido como Chico Paraíba. A folia custará aos cofres públicos cerca de R$ 1,6 milhão em estrutura e contratação de bandas.

Fonte: Sara Vasconcelos

UNIÃO MELHOR NÃO HÁ.

O prefeito Expedito Salviano, de Venha Ver está decidido a largar a politica, porém, quer deixar seu filho e atual vice-prefeito, Ellan Klayton como herdeiro político. No intuito de tornar essa auto-afirmação mais fácil, Expedito está pronto para fechar chapa com Célio, provável pré-candidato da oposição e sem problemas, fazer do "menino" prefeito, com o compromisso amarrado de que Célio seja o candidato da situação em 2016.

DEU NO NOSSO PARANÁ...

Agentes públicos são multados por descumprir prazo para prestação de contas.

A Corte de Contas condenou a gestora Maria Elce Mafaldo de Paiva Fernandes do município de Major Sales, pela não prestação das contas bimestrais referente aos anos de 2006,2007 e 2008 e pelo atraso na entrega do Relatório de Gestão Fiscal relativos aos exercícios de 2006 e 2007. As multas aplicadas à gestora pelas irregularidades cometidas são respectivamente de R$ 23.232,00 (vinte e três mil duzentos e trinta e dois reais), e de 7.950,00(sete mil novecentos e cinqüenta reais).
A mesma infração foi cometida por Gondemário de Paula Miranda Júnior, na prefeitura de Fernando Pedrosa. O gestor foi condenado pela Corte de Contas a pagar multas no valor de R$ 12.500,00 (doze mil e quinhentos reais) por atraso na entrega das prestações de contas bimestrais nos exercícios de 2006,2007 e 2008; e de R$ 42.000,00(quarenta e dois mil reais) em razão de atraso na entrega dos Relatórios de gestão Fiscal referente aos anos de 2006, 2007 e 2008.
Na prefeitura de Brejinho, o responsável João Batista Gomes Gonçalves terá que pagar multa no valor de R$ 91.900,00 (noventa e um mil e novecentos reais) por atraso na entrega das prestações de contas bimestrais, e do Relatório de Gestão Fiscal entre os anos de 2006 a 2008. Da mesma forma, o gestor Elísio Brito de Medeiros Galvão do município de São João do Sabugi foi condenado pela Primeira Câmara da Corte de Contas a pagar multa de R$ de 33.900,00(Trinta e três mil e novecentos reais), correspondente a atraso na entrega de prestação de contas ao TCE referentes aos exercícios de 2006,2007 e 2008.

DEU NO BLOG DE JEAN CARLOS... E NO NOSSO PARANÁ...

Xavier dos Pneus ou dos peixes?

Informações chegadas ao blog dão conta de que o empresário Francisco Xavier do Rêgo, conhecido em Pau dos Ferros e região como Xavier dos Pneus, afiliado do PMDB, foi beneficiado por Elias Fernandes durante sua gestão no Dnocs.
O fato é que em 9 de fevereiro de 2010, o Dnocs firmou contrato de mais de R$ 21 mil com o Posto Pauferrense LTDA, empresa de propriedade de Xavier Pneus com o objetivo de implantar duas unidades demonstrativas de piscicultura "em tanques-rede" em Pau dos Ferros e Apodi, para a criação de tilápia do Nilo.
Nota do blogueiro: Eu já sabia que no passado Xavier Pneus tinha trabalhado com lanchonetes e que atualmente atua em lojas do ramo de Pneus e ainda em vendas de combustíveis, porém, nunca ouvi falar que o homem também trabalhasse com criatório de peixes...
Mas, de acordo com o Diário Oficial da União do dia 12 de fevereiro do ano passado, Xavier assinou contrato para tal prestação do serviço, emboçando R$ 21.436,00.
Além de Pneus e gasoza, Xavier também trabalha com peixe e eu não sabia.
Atenção meu amigo Bena da Barragem e Ivanalda do Barravento... taí um fornecedor de peso!!!

DILMA NOMEIA CEARENSE PARA LUGAR DE ELIAS.

A presidenta Dilma Rousseff acaba de nomear o interino RAMON FLÁVIO GOMES RODRIGUES (foto), cearense, assessor direto do governo Cid Gomes (PSB), para exercer interinamente o cargo de Diretor-Geral do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas - DNOCS, no lugar do potiguar Elias Fernandes Neto.
A saída de Elias, apadrinhado do deputado federal Henrique Alves (PMDB), foi devido a acusações de sobrepreço na obra de construção da Barragem de Oiticica e de privilegiar o RN em contratos e convênios com a pasta.
A briga CE/RN pela presidência do Dnocs é antiga e, ao que tudo indica, deve esquentar o noticiário político nos dois estados nos próximos dias.

Fonte: blog Minhas Outras

EX-CONSELHEIRO DO TCE É ALVO DE AÇÃO MOVIDA POR MPE.

Rei morto, rei posto.
Nunca a máxima popular esteve tão em alta. O ex-conselheiro do TCE, Getúlio Nóbrega, aposentado em 2011, está sendo alvo de Ação Civil por Improbidade Administrativa movida pela Promotoria de Defesa do Patrimonio Público do Ministério Público Estadual (MPE).
O ex-conselheiro é acusado de acobertar as ausências do genro, médico Josivan Gomes de Lima, funcionário público estadual, à disposição do TCE durante vários anos, sem no entanto, dar expediente no órgão.
A ação pede ressarcimento de cem mil reais.

Fonte: blog do Carlos Santos/blog minhas outras/Vírgilia Coelli e Rosalie Arruda

DEU NO BLOG DO CARLOS SANTOS...

Departamento Nordestino de Canastrões e Safados

O “Departamento Nordestino de Canastrões e Safados (DNOCS)” finalmente vem sendo desmascarado e dissecado para o bem da sociedade.
Sempre serviu a coroneis e oligarcas. Uma pena.
E a massa? Ó! Aqui, bem aqui, ó! Vida de gado.
A “massa-gente”, como definia o grande professor-senador Darcy Ribeiro, continua sendo tangida, espoliada. Sangrada viva por uma leva de engravatados de sorriso “Colgate”.
Ainda bem que em meio à lama, ainda existem pessoas comprometidas com os interesses públicos, com a salvaguarda do patrimônio nacional e com a decência.
Pobre Nordeste sem sorte!

COMUNICADO:

Demonstrar transparência não é motivo de vangloriar-se. Transparência é dever.

Assim, como sempre pautamos nossas ações, em conjunto com os blogs parceiros, percebemos que dois membros dos blogs parceiros, o colega Gilberto Silva, do portalmgr.net e Raimundinho, do blog rondamgrnews, de forma equivocada, votaram numa logomarca que foi criada por um dos membros dos blogs amigos. O que não sabíamos. Após verificarmos tal ero, entramos em contato com os mesmos, que de pronto alteraram seus respectivos votos.

Destarte, eis o voto válido dos blogs supracitados:

Gilberto Silva, do portalmgr.net:

Raimundinho, do blog rondamgrnews

Obs.: Ressaltamos que a logomarca de número 18 não está concorrendo a escolha e tão pouco ao tablet.
Muito obrigado.

O 7º VOTO REFERENTE A ESCOLHA DA LOGOMARCA DO 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS.

O blog www.ocidadao.blog.br foi dado no próprio blog.
Nosso amigo/colega Pororoca escolheu a logomarca de número 23.


DEU NO BLOG DO XERIFE...

Prefeito de Carnaubais quer ensinar como fazer notícia.

O prefeito de Carnaubais, Luizinho Cavalcante (PSB), ao invés de prestar contas da sua gestão à frente do Executivo, saiu ameaçando processar quem discordar ou emitir opinião contrária ao governo municipal.
No texto publicado no seu blog, Luizinho quer ensinar como os blogueiros da região devem se comportar e avisa: “queremos só lembrar que caluniar, difamar, ofender a honra são crimes compostos com penas Código Civil”.
“Sou apenas um dos milhões de brasileiros que lutaram pela redemocratização em nosso país, neste contexto reconquistamos a total liberdade de imprensa, setor importante para a consolidação e a permanência da democracia”, diz a postagem em sua página na internet.

JUSTIÇA ELEITORAL MIRA NOS CANDIDATOS.

Em ano eleitoral, todo cuidado é pouco. Qualquer deslize pode tirar um candidato do pleito. Quem pretende disputar um cargo eletivo nas eleições 2012 precisa ficar atento às leis eleitorais e às restrições do calendário divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para este ano. O Ministério Público Eleitoral (MPE) estará atento a cada passo dos concorrentes, as normas são rígidas. O descumprimento da legislação pode ser denunciado por qualquer eleitor.
Corregedor eleitoral, desembargador Vivaldo Pinheiro alerta candidatos para os prazos eleitorais. Em entrevista ao Diário de Natal/O Poti, o corregedor regional eleitoral, desembargador Vivaldo Pinheiro, advertiu que os candidatos devem observar as restrições previstas na Lei nº 9.504/1997, que trata do processo eleitoral, e as resoluções do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) referente ao pleito de 2012. “Toda a legislação pode ser acessada no site do TRE/RN (Tribunal Regional Eleitoral) ou diretamente no site do TSE”, ressaltou.
Desde o dia 1º de janeiro deste ano, os gestores estão proibidos de distribuir bens, valores ou benefícios. Durante o ano, os prefeitos só poderão oferecer benefícios aos eleitores em caso de calamidade pública, de estado de emergência ou de programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior, casos em que o Ministério Público Eleitoral poderá promover o acompanhamento de sua execução financeira e administrativa.
Também ficou proibida na mesma data a execução de programas sociais por entidade nominalmente vinculada a pré-candidato ou por eles mantida, ainda que autorizados em lei ou em execução orçamentária no exercício anterior. Em Natal, os vereadores que possuem instituições assistencialistas e não interromperam as atividades poderão ser impedidos de disputar a reeleição.
A partir de 10 de junho, um domingo, estarão liberadas as convenções partidárias, que vão definir os nomes que disputarão as eleições, como também as coligações que serão formadas. Na mesma data, as emissoras de rádio e de televisão ficam proibidas de transmitir programas apresentados ou comentados por candidatos escolhidos em convenção.
Neste dia, os feitos eleitorais ganharão prioridade para a participação do Ministério Público e dos juízes de todas as justiças e instâncias, ressalvados os processos de habeas corpus e mandados de segurança. O prazo para as convenções partidárias termina no dia 30 de junho. Em 1º de julho, as emissoras de rádio e televisão ficam proibidas de fazer qualquer tipo de ação que favoreça algum candidato.
As propagandas eleitorais serão liberadas somente a partir do dia 6 de julho, data a partir da qual os candidatos, os partidos políticos e as coligações poderão realizar comícios e utilizar aparelhagem de sonorização fixa, das 8 às 24 horas. Também serão liberadas as propagandas na internet.
No dia 21 de agosto, começará o horário gratuito de propaganda eleitoral obrigatória nas emissoras de rádio e da televisão, que terminará em 4 de outubro, último dia também para propaganda política mediante reuniões públicas ou promoção de comícios e utilização de aparelhagem de sonorização fixa entre às 8 e às 24 horas. A data limite também vale para debates eleitorais, que poderão se estender até às 7 horas do dia 5. A eleição será realizada em 7 de outubro.

Fonte: Robson Pires

NA BASE DE DILMA, PARLAMENTARES ADMITEM USO ELEITORAL DO PAC.

Congressistas alinhados ao Planalto exaltam execução de obras e dizem que capitalização política é 'natural' do sucesso do governo.

De olho nas urnas, parlamentares governistas admitem que os partidos da base devem capitalizar politicamente, em ano eleitoral, as obras milionárias do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) - principal vitrine de investimentos das gestões do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidenta Dilma Rousseff, que em 2012 completa cinco anos.
O deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) defende que a capitalização nos pleitos é “natural do sucesso de um governo”, embora negue que o PAC tenha nascido com objetivo eleitoreiro. “Se as coisas são bem feitas e atendem o anseio da população você capitaliza, se não forem bem feitas e não atenderem ao anseio da população, não adianta investir que não capitaliza”, afirma.
“O PAC é uma política de priorização de projetos para as coisas andarem com celeridade. A priorização foi tão importante que foi com o título de ‘Mãe do PAC’ que a Dilma alavancou sua candidatura à Presidência”, diz Cunha, que destaca as obras do Complexo do Alemão, onde foram investidos R$ 939 milhões, como uma das mais importantes para o Rio de Janeiro.
O rol das obras com maior potencial eleitoreiro, em geral, são as que receberam maior volume de recursos e que tiveram andamento rápido ou já foram concluídas. É o caso, por exemplo, do programa “Luz Para Todos”, da construção das hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau, em Rondônia, e da ferrovia Transnordestina, que liga portos do Ceará e Pernambuco ao sertão piauiense, que juntos somam investimentos de cerca de R$ 40 bilhões.
“O PAC representa uma virada no processo de investimento em infraestrutura no País, com desdobramentos em áreas como moradia, macro drenagem, saúde, saneamento, escolas”, diz o líder do governo na Câmara, deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP), ao reconhecer que, em 2012, haverá maior influência junto ao eleitorado nos municípios onde há intervenção do PAC, embora ressalve que o programa não será o tema “central” do pleito.
Para o presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), o PAC terá “reflexo direto nas urnas”. “Em todo o País, quando a economia vai bem, a população fica contente com os governantes. Quando a economia cai, a popularidade do governo cai na mesma proporção”.
Segundo o peemedebista, Rondônia recebeu mais de R$ 30 bilhões, desde 2007, sendo que cerca de 70% deste total já teriam sido pagos. “Graças a esses investimentos, o Estado tem crescimento acima da média nacional. Quando o Brasil cresceu 7%, Rondônia cresceu 9%”, assinala Raupp.
Oposição
Embora apresente críticas, como lentidão nas obras, a oposição também tenta colher dividendos do PAC. “O PAC hoje e, aliás, todos os programas do PT, são sequência daqueles iniciados pelo governo Fernando Henrique Cardoso, só que rebatizados”, reclama o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), pré-candidato à prefeitura de Belém.
Balanço: Obras mais caras do PAC têm como custo atrasos e aumento de custos
Contas: Reformulado ano a ano, PAC foi transformado em panaceia
PAC no Alemão: Avanço e abandono coexistem na obra que fez de Dilma a ‘mãe do PAC’
“O ‘Luz para Todos’, por exemplo, é o ‘Luz no Campo’, que veio do governo FHC e ao qual foi dada continuidade pelo Lula, levou energia para aquela população rural de agricultura familiar que não tinha meios”, diz. “Reconhecemos a importância do programa, mas que foi mal gestado e acabou sendo usado politicamente. Faltou uma elaboração e análise técnica mais apurada.”
Líder da minoria na Câmara, deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) avalia, no entanto, que o PAC não deve influenciar o eleitorado nas eleições de 2012. “A minha opinião é de que o PAC não capta votos”, afirma o tucano. “O programa não reflete os anseios população no que diz respeito ao crescimento do País. É a união de varias iniciativas de vários ministérios mal tocadas, uma obra de ficção, um plano de marketing, algo que o governo tem obrigação de fazer.”

Fonte: Último Segundo/Fred Raposo/iG
Foto: Agência Estado

LICITAÇÃO SUSPENSA.

A licitação para escolha da empresa que vai construir o terminal de passageiros do porto de Natal foi suspensa. A decisão é do juiz Vinícius Costa Vidor, da 5ª Vara Federal. Ele acatou pedido do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Rio Grande do Norte. Para retomar a licitação, a Codern (Companhia Docas do RN) terá que "sanar" irregularidades como divergências no valor total da obra. Em um item do edital, há o valor como sendo de R$ 51 milhões, enquanto em outro está em R$ 50,4 milhões.

Fonte: Notas e Comentários/Tibuna do Norte

FRAGILIDADE INSTITUCIONAL DO RN ELEVA RISCO DE CORRUPÇÃO.

O Estado do Rio Grande do Norte está entre as unidades da Federação com vulnerabilidade à corrupção. A constatação está no estudo "Sistemas de Integridade nos estados brasileiros", produzido em convênio entre o Instituto Ethos, o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (Unodc) e a Controladoria-Geral da União (CGU) e Centro de Estudos da Opinião Pública, da Universidade de Campinas (Unicamp). O RN teve registro de "alto risco" em três, dos nove aspectos avaliados.
Em outros três itens, o Estado foi classificado como "médio risco" e em três "risco baixo". O baixo grau de transparência dos poderes; a baixa competitividade nas compras públicas e na contração de obras e serviços; a influência do Executivo sobre os órgãos de controle foram os problemas mais graves apontados no estudo. Os dados da análise, avaliada pelos cientistas políticos Bruno Speck e Valeriano Mendes Ferreira, são relativos ao período de 2007 a 2011.
O RN teve o pior desempenho nos quesitos compras públicas, Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) e na independência da mídia. Os resultados mostram uma heterogeneidade em termos de problemas e avanços nas quatro grandes áreas analisadas: orçamento/compras públicas; controle interno/externo; quadro político/partidário; controle social/mídia. Em cada área, foi calculado o grau de corrupção, um mal que se espalha de forma silenciosa, corrói as contas nacionais e põe em xeque as instituições democráticas.
Em sua análise, Bruno Speck afirma que "enquanto as regras de transparência avançaram muito na última década, a maioria dos estados ainda reluta em oferecer de forma acessível e completa as informações sobre seus orçamentos, especialmente em relação aos totais efetivamente desembolsados, em bases de dados que permitam tratamento estatístico independente". Nesse quesito o RN ficou com o "risco médio"
No caso do controle interno, a pesquisa mostra avanços no tocante à institucionalização dos órgãos, mas ressalta que os dados são insatisfatórios em relação à transparência e ao desempenho efetivo. No RN os órgãos de controle interno foram classificados como "risco baixo". Mas nem por isso deixa de ter problemas. A pesquisa aponta deficit na capacidade de manter registros, atualizados em tempo real de suas atividades.
No item compras públicas, seis estados - entre eles, o Rio Grande do Norte, não enviaram as informações solicitadas. "Pela dificuldade no acesso aos dados igualamos o risco de corrupção ao nível máximo, o corresponde ao alto risco", explicou Bruno Speck.
As denúncias de corrupção deixam um rombo alarmante: o prejuízo que este montante de dinheiro causa em setores fundamentais, como educação, saúde, infraestrutura, habitação e saneamento. Um relatório da Federação das Indústrias do estado de São Paulo - Fiesp mostra que o custo médio anual da corrupção no Brasil representa de 1,38% a 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB), ou seja, entre R$ 41,5 bilhões a R$ 69,1 bilhões.
O cientista político alemão Bruno Wilhelm Speck explicou que a proposta do estudo é começar a descrever, de forma mais regular, algumas tendências em áreas consideradas importantes para combate à corrupção, de forma a sugerir recomendações que ajudem a eliminar os riscos de corrupção.
A área mais bem avaliada, no RN, foi o controle externo exercido pelos Tribunais de Contas dos Estado (TCEs), cuja composição é marcada pelo alinhamento com os grupos políticos dominantes em cada Estado. A influência externa constatada no âmbito dos conselheiros do TCE/RN foi de "baixo risco".
"O processo de nomeação (pelo governador ou pela Assembleia) influencia profundamente o comportamento dos conselheiros. Os oriundos do meio político são usualmente indicados no final da carreira, levando para o cargo os laços políticos que construíram durante uma vida", afirmam os autores na publicação.

Fonte: Margareth Grillo

RECOMENDAÇÃO DO MPF/RN RESULTA EM BLOQUEIO DE BENEFÍCIOS IRREGULARES EM SANTA CRUZ.

Uma recomendação expedida pelo Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) e à Caixa Econômica Federal (CEF) resultou no bloqueio de 56 seguros-desemprego em Santa Cruz. Os benefícios seriam concedidos durante o período de defeso a pescadores registrados junto ao MPA. A ação partiu da suspeita de fraude na concessão de 97 seguros defeso na Colônia de Pescadores Z-44. A atuação do MPF quer impedir um prejuízo de mais de R$ 60 mil mensais aos cofres públicos.
Para investigar o caso, o MPF requisitou a instauração de inquérito policial e acionou a Superintendência do MPA no RN. Ao promover o recadastramento dos beneficiários, o MPA constatou a existência de diversas irregularidades. Das 179 pessoas que compareceram ao recadastramento, 42 não preencheram os requisitos previstos para o recebimento do benefício. De acordo com a procuradora da República Caroline Maciel da Costa, outras 39 pessoas estão sob fundadas suspeitas de também não exercerem a pesca profissional. Houve ainda 16 pessoas que sequer compareceram ao recadastramento.
Em razão das irregularidades apontadas, o MPF recomendou à Caixa a suspensão imediata do pagamento da primeira parcela de 97 benefícios. Ao MPA foi recomendado o cancelamento, em definitivo, do pagamento do seguro-desemprego às 42 pessoas que comprovadamente não vivem da pesca. Quanto aos faltosos, denunciados e suspeitos de receber o benefício irregularmente, o MPF recomendou a suspensão do pagamento até que cada interessado comprove o exercício da atividade de pescador profissional.
Em resposta à recomendação do MPF/RN, o MTE enviou ofício informando o bloqueio do pagamento de 56 benefícios irregulares, em virtude do cancelamento do registro geral de pesca por parte do MPA. No entanto, em alguns casos os beneficiários já haviam sacado a primeira parcela do pagamento indevido. Dessa forma, o MTE informou que está cadastrando pedido de restituição aos cofres públicos.
A procuradora da República Caroline Maciel da Costa, que assina a recomendação, alerta que "o recebimento indevido do benefício pode vir a caracterizar o crime de estelionato, punido com até cinco anos de reclusão e multa".
A lei (10.779/2003), que dá direito ao seguro-desemprego a pescadores profissionais, garante o recebimento de tantas parcelas do benefício quantos forem os meses de duração do defeso. O valor de cada parcela é de um salário mínimo.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Procuradoria da República no RN

DEU NO BLOG FALANDO COM DRA. VERÔNICA...

Foram os gregos, provavelmente entre os anos 150 e 120 a.C., os primeiros a listar os monumentos até então pelas mãos do homem que se destacavam pela sua grandeza, suntuosidade e magnitude.
No início da história, o homem realizou belíssimas obras que até hoje nos deixam assombrados: as chamadas Maravilhas do Mundo ou Maravilhas da Antigüidade, na Idade Média.
Chamaram o conjunto deles de “as sete maravilhas do mundo”.

Em Marcelino Vieira não foi diferente, o complexo Turístico, mais conhecido como “Estátua de Santo Antonio”, seria a MARAVILHA para o município. Foi argumento de palanque de muitos candidatos e políticos, na promessa de consolidar o turismo religioso como polo de geração de emprego e renda.
É verdade que está concluído o bloco de apoio, a cúpula (sala de medicação), a capela ecumênica, uma praça, a infra-estrutura de pavimentação. O grande problema é o SANTO.
Ou seja, não saiu da gestação, o arrojado projeto, não dotou ao município o santuário que honrasse seu padroeiro, São Santo Antonio, cuja festividade oficial ocorre em junho. Desconheço qualquer proveito de celebrações litúrgicas até o momento no local, não abriu uma nova perspectiva para o turismo religioso para nosso município, não beneficiou o artesanato local, comércio, hotéis e pousadas, não conseguiu concretizar um divisor de águas para a nossa cidade, nos aspectos religioso e econômico”.
E O PIOR DOS PIORES, dia 26 de janeiro de 2012, esgotou o prazo, e o prefeito não solicitou nova prorrogação do contrato a Caixa Econômica Federal. Ou seja, teoricamente o SANTO não será erguido. E o prejuízo é evidente.

Desta forma A MARAVILHA VIEIRENSE DESAPARECEU SEM TER APARECIDO, diferentemente das “sete maravilhas” que com o passar do tempo, estas obras desapareceram das mais diversas maneiras. De algumas, restam ruínas. De outras, apenas história. No entanto, uma única maravilha resiste até hoje: as Pirâmides do Egito

sábado, 28 de janeiro de 2012

APARENTEMENTE SURGE NOVO NOME NA OPOSIÇÃO, EM FRANCISCO DANTAS.

Segundo fonte fidedigna, um novo nome começa a surgir na oposição franciscodantense. Depois dos rumores de que a ex-secretária de saúde, Maria Eleci poderia ser a candidata da oposição, surge o nome do médico Marcos Aurélio.
Ainda conforme o informante, ontem houve uma reunião neste sentido e a aceitabilidade do novo nome parece ter sido boa.

DIREITO DE RESPOSTA.

Em virtude e matéria reproduzida pelo blog RNPOLITICAEMDIA2012, na data de 27/01/2012, intitulada "oposição de Serrinha dos Pintos parece ter batido chapa", o prefeito Francisco das Chagas de Freitas e atual líder do grupo da situação esclarece o seguinte:

"A internet é um território livre, onde cada um escreve ou propaga o que quer e da maneira como acha conveniente. me porto desta forma por que hoje fora divulgado neste portal as declarações do suposto pré-candidato a prefeito na chapa oposicionista, Sr. Ledimar Fernandes, dando conta de que havia sido procurado por um integrante da situação para um diálogo. Afirmou ainda em sua fala,que não havia aceitado o convite e que não haveria a menor possibilidade de composição de chapa como nosso grupo.
Diferentemente do que foi declarado por Ledimar, nós que compomos o grupo da situação do município de Serrinha dos Pintos, é que fomos por duas vezes procurados por integrantes da oposição. A primeira delas em meados de outubro do ano passado, pelo ex-prefeito Luizão e a segunda vez, dias atrás, por familiares do próprio Ledimar. Tanto Luizão, quanto Ledimar queriam vi para o nosso lado para serem "cabeça de chapa" no nosso sistema, o que foi de pronto por mim descartado".

Portanto, tal afirmação não encontra amparo na verdade. É totalmente desprovida de conteúdo ético-moral, não passando a estratégia para confundir a opinião pública.
Recentemente foi anunciado a pré-candidatura de Rosânia como postulante pela situação. Todos em Serrinha dos Pintos são conhecedores das qualidades de nossa amiga e fiel aliada. É um nome que traduz a vontade daqueles que desejam o bem do município. É um ícone de responsabilidade e competência. Um exemplo claro e nítido de ser humano, seja na labuta diária ou em seu convívio familiar. Desde os tempos que auxiliou os trabalhos da Casa legislativa até o posto que hoje ocupa, em nada, absolutamente nada, mudou. É o que nós da situação e os homens e mulheres de boa vontade serrinhenses anseiam.

Chiquinho - Prefeito de Serrinha dos Pintos

MINISTÉRIO PÚBLICO IDENTIFICA PROPAGANDA PARTIDÁRIA EM PINTURAS FEITAS PELA PREFEITURA DE TAIPU.

O Ministério Público do Rio Grande do Norte identificou que o prefeito da cidade de Taipu, Sebastião Ambrósio de Melo, está fazendo propaganda partidária com a pintura dos prédios públicos. O promotor David Benevides constatou que as cores usadas pelo gestor para identificar a sede do Executivo e alguns órgãos são as mesmas do Partido Socialista Brasileiro, legenda a qual Sebastião Ambrósio é filiado.
O promotor emitiu recomendação para que o prefeito custeie com seus próprios recursos a pintura “do prédio da Prefeitura Municipal de Taipu, do relógio situado à frente da Praça Desembargador Osvaldo Cruz e de outros prédios públicos que porventura se encontrem pintados com as cores vermelha e amarela, aplicando-lhes cores que não proporcionem identificação com a sua pessoa, com o partido a que se encontra filiado ou com a coligação de que este faz parte”.

Fonte: Panorama Político

PREFEITO DE BREJINHO É CONDENADO A PAGAR QUASE R$ 100 MIL AOS COFRES PÚBLICOS.

O prefeito de Brejinho João Batista Gomes Gonçalves foi condenado a pagar quase R$ 100 mil aos cofres públicos. A decisão foi do Tribunal de Contas do Estado. O gestor desembolsará R$ 91.900,00 como punição pelo atraso na entrega das prestações de contas bimestrais, e do Relatório de Gestão Fiscal entre os anos de 2006 a 2008.
SÃO JOÃO DO SABUGI
O ex-prefeito de São João do Sabugi, Elísio Brito de Medeiros Galvão, também foi condenado pelo TCE a pagar multa de R$ de 33.900 como punição pelo atraso na entrega de prestação de contas ao TCE referentes aos exercícios de 2006,2007 e 2008.

Fonte: Panorama Político

DEU NO BLOG DO CARLOS SANTOS...

A indústria da seca e os espertalhões.

Na maior seca de todos os tempos no Nordeste do Brasil, no triênio 1877-1879, Dom Pedro II prometeu vender até a última pedra preciosa de sua Coroa para evitar tantas mortes.
Cerca de 600 mil pessoas morreram de fome e doenças decorrentes da desnutrição.
Mossoró tinha população de cerca de 6,5 mil pessoas e passou a abrigar mais de 24 mil.
A Coroa mandou ajuda financeira e mantimentos a fundo perdido, para atenuar a fome dessa mutidão famélica.
Muita gente foi salva da fome e inúmeros espertalhões ficaram ricos. Não faltaram ainda os “salvadores da pátria”, posando de beneméritos.
Como se vê, a exploração dessa gente e desse chão é uma herança multissecular.
Continuo desconfiando dessa récua de vigaristas que se aproveita da miséria alheia para tirar proveito e se perpetuar no poder.

3º ENCONTO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES DE SITES DO OESTE POTIGUAR.

A coordenação do 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES E SITES DO OESTE POTIGUAR, já fechou com os palestrantes para o evento.

* Na falar de "ÉTICA NA MÍDIA ELETRÔNICA", a nobre professora aposentada do departamento de filosofia da UFRN, Marta Guerra. Com formação em jornalismo, pós-graduada pelo Instituto Francês de Imprensa da Universidade de Paris; Direito, com pós-graduação pela Universidade de Barcelona, na Espanha.
1. O direito à informação na Constituição brasileira. 2. A responsabilidade do informante. 3. A ordem tecnocientífica. 4. A ordem jurídico-política. 5. A ordem da moral. 6. A ordem ética.

* Na área jornalísitca, Heitor Gregório do blog de mesmo nome, que destaca-se no cenário midiático no ramo da política, será o convidado. "BLOGS E SITES E A PERSPECTIVA PARA AS ELEIÇÕES 2012".

* No ramo jurídico, analista judiciário do Tribunal de Regional Eleitoral do Estado do Rio Grande do Norte e especialista em Direito Eleitoral, Alexandre Abrantes. "

* Em Marketing, o célebre Rosimar Cunha, que tem relevantes trabalhos desenvolvidos pelo Brasil à fora, na campanha de políticos de renome. Tema: "POSICIONAMENTO DE BLOGS PERANTE OS CANDIDATOS".

O 3º ENCONTRO DE BLOGUEIROS E ADMINISTRADORES E SITES DO OESTE POTIGUAR, será em Portalegre, dia 10 de março de 2011, na sede da APRUP.

DEU NO BLOG DA THAÍSA GALVÃO...

Grande e imperfeito (?)

Do deputado-líder Henrique Alves (PMDB) questionado pela Folha de S. Paulo sobre o desvio de R$ 192 milhões em obras tocadas pelo Dnocs, segundo relatório da CGU (Controladoria Geral da União):
“O governo vai brigar com metade da República, com o maior partido do Brasil? Que tem o vice-presidente da República, 80 deputados, 20 senadores? Vai brigar por causa disso? Por que faria isso?”, questionou Henrique…
Do Blog - Perguntinha besta: o fato do partido ser grande dá direito a cometer irregularidades? Maior do que o partido não seria a população do país?

SENADO INICIA PRIMEIRO SEMESTRE COM PAUTA MOVIMENTADA.

Na quinta-feira (2), o Congresso Nacional dará início a mais um ano legislativo, que promete ser bem movimentado para o Senado Federal. Um grande número projetos vai mobilizar os senadores, seja nas comissões permanentes ou temporárias, nas subcomissões e no Plenário. As eleições municipais de 2012 podem diminuir um pouco o ritmo de trabalho do Parlamento a partir de julho, mas, ainda sim, a agenda do Senado está cheia e dará muito trabalho aos representantes dos 26 estados e do Distrito Federal.
As atividades do Congresso já começam com 15 medidas provisórias esperando na fila para serem votadas na Câmara dos Deputados, matérias que virão para o Senado em seguida como prioridade para a bancada governista.
São aguardados debates também sobre mudanças na Constituição iniciados em 2011. Um deles será em torno da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 97/2011, que trata das competências do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Outro assunto que ficou pendente do ano passado é a conclusão da votação das propostas reforma política.
As votações do Estatuto da Juventude (PLC 98/2011) e do substitutivo da Câmara ao projeto do Ato Médico também têm chances de serem concluídas neste primeiro semestre.
Prometem voltar à tona temas como o fim ou a restrição do sigilo nas votações no Senado, a redistribuição dos royalties da produção petrolífera nacional, a chamada “guerra fiscal” entre estados, a Lei Geral e os preparativos para a Copa do Mundo de Futebol de 2014, a construção de usinas hidrelétricas. Devem igualmente ocupar a atenção dos senadores o projeto de lei que cria a previdência complementar dos servidores públicos, as reformas dos Códigos Penal, de Defesa do Consumidor, e de Processo Penal e a PEC que restabelece a obrigatoriedade de curso superior para o exercício do jornalismo.

Fonte: Robson Pires

SUDENE É O NOVO ALVO DO GOVERNO.

Responsável pela aprovação de financiamentos de aproximadamente R$ 1,5 bilhão por ano, a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) é o próximo alvo da troca de comando em autarquias do governo.
Nesta sexta-feira, 27, o ministro Jorge Hage, da Controladoria-Geral da União (CGU), disse que a Sudene tem um “histórico de problemas”, apesar do esvaziamento político a que foi submetida desde a década passada.
O mais recente relatório de auditoria da CGU aponta problemas no desempenho da autarquia. “A equipe de auditoria entende que não se justifica a baixa materialidade na execução das ações”, diz o relatório, de novembro de 2011.
Afirma ainda que foram identificadas “fragilidades” nos contratos da autarquia, que fechou o ano de 2010 com 55 processos para a recuperação de dinheiro desviado “aguardando na fila de prioridades”.
O baixo desempenho da autarquia é apontado reservadamente pelo ministro da Integração, Fernando Bezerra Coelho, como argumento para trocar o comando da Sudene. Na terça-feira, nota do ministério reafirmou a intenção “renovar os quadros das empresas vinculadas à pasta”.


Fonte: Robson Pires/Estadão.com

VEJA ESTA CHARGE...

PMDB – Partido do Movimento Dilma me Bate!


DEU NO BLOG ATUALIDADES...

Riacho da Cruz: Moradores se arriscam em passagem molhada.

Todo ano é a mesma coisa. Quem precisa passar todos os dias pela passagem molhada do açude publico de Riacho da Cruz sente na pele a necessidade de se construir uma passarela ou ponte naquele local. Os moradores dizem que a travessia nunca é tranquila, a passagem que liga os bairros Acampamento I e II fica totalmente submersa e dependendo da força da água pode carregar o pedestre.
O problema é antigo, não existe nenhum mecanismo que facilite a travessia dos pedestres durante o período do inverno em que o açude está transbordando.
O sistema governista de Riacho da Cruz há 30 anos no poder, nunca se preocupou em tomar iniciativa de construir sequer uma passarela para a passagem dos pedestres, ignoram o problema e fingem que nada está acontecendo.
O vereador Dr. Marcondes (PMDB) em seu primeiro mandato político nesta cidade informou ao blog que o projeto para a construção de uma ponte já foi autorizado, mas precisa da licitação para ser iniciada. O vereador nos informou que irá fazer tudo que poder para viabilizar a vinda da ponte que liga os bairros.
“O que depender desse humilde vereador estarei fazendo para tentar trazer essa ponte, já fizemos o pedido ao deputado estadual Henrique Alves que se comprometeu em nos ajudar com o projeto. Se a ponte vier pelo nosso projeto será uma honra, mas se vier por algum projeto do atual sistema governista será uma boa, porque pra mim o importante é que o povo seja beneficiado e saia desse drama nos períodos de chuva” disse Dr. Marcondes.

Fonte: O Mural de Riacho da Cruz

DEU NO SERRA NEGRA EM FOCO...

Família estaria incentivando Luiz Filho a sair como candidato a prefeito.

Luiz Filho já está em terra Serranegrense há poucos dias, e o que não se para de falar é na sua possível candidatura a Prefeito de Serra Negra em 2012. Uma fonte confiável contou ao SN em Foco que a Família de Luiz estaria incentivando e pedindo para ele sair candidato em 2012.
Faltam pouco mais de 5 meses para começar o ciclo eleitoral com as campanhas de Vereadores e Prefeitos. Rogério já disse no início de Janeiro ao blog de Marcos Dantas que pretendia definir o seu candidato já em Fevereiro e só conversaria com Luiz Filho quando ele voltasse de suas férias.
Durante 2 semanas não surgiu muitas especulações, mas agora com Luiz em Serra Negra, os eleitores já se movem e pedem uma definição do Partido, que segundo eles já estaria demorando muito para se posicionar.