RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM

RNPOLITICAEMDIA2012.BLOGSPOT.COM
RIO GRANDE DO NORTE

sábado, 31 de dezembro de 2011

RNPOLITICAEMDIA2012 DESEJA...


SÃO TOMÉ E MAIS 02 CIDADES VÃO GANHAR UNIDADES DE SAÚDE ATRAVÉS DE EMENDAS DE ROGÉRIO MARINHO.

O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) conseguiu liberar mais emendas de sua autoria, que vão beneficiar mais três cidades do Rio Grande do Norte. As Prefeituras de Caicó, Barra de Maxaranguape e São Tomé terão recursos para construir novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) em seus municípios.O dinheiro será oriundo do Fundo Nacional de Saúde. Caicó receberá R$ 1,2 milhão, Maxaranguape terá R$ 600 mil e São Tomé R$ 200 mil. O deputado Rogério Marinho acredita que, com estes investimentos, as cidades poderão “melhorar a infraestrutura da saúde pública potiguar, contribuindo assim para o desenvolvimento deste setor tão importante para a população do nosso Estado”.

Fonte: Riachuelo em Ação

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

LULA COMEÇA NA PRÓXIMA SEMANA RADIOTERAPIA CONTRA O CÂNCER.

Tratamento com quimioterapia reduziu em 75% câncer na laringe.
Tumor do ex-presidente foi diagnosticado em outubro deste ano.


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai iniciar o tratamento de radioterapia contra o câncer de laringe na próxima quarta-feira (4), no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, segundo informou a assessoria do Instituto Lula, organização não-governamental do ex-presidente. No último dia 13 de dezembro, Lula realizou a última das três sessões de quimioterapia.
Após os primeiros exames, a equipe médica informou que o tumor na laringe, diagnosticado em outubro, havia sofrido uma redução de tamanho de 75%. A nova fase do tratamento deve durar de seis a sete semanas. O ex-presidente receberá radiação para tentar eliminar o que resta do tumor.
A previsão é que não seja necessária internação. A cada semana, Lula receberá também uma dosagem pequena de medicamentos. Desde o início do tratamento, foi descatada a possibilidade de cirurgia.
De acordo com os assessores, os efeitos da quimioterapia começaram a reduzir e o ex-presidente se sente "mais disposto e animado" para continuar o tratamento. Lula está em um sítio em Atibaia, interior de São Paulo, onde passará a virada do ano com a família.

Fonte: G1

DEPOIS DA FOLIA, O CANDIDATO...

A oposição de Martins, definirá após os festejos e Momo, o nome do seu candidato ao pleito 2012. Em conversa rápida por telefone com Chicão, um dos postulantes a vaga, ouvimos do mesmo que o líder do bloco oposicionista, Haroldo, ex-prefeito do município deve realizar uma reunião ampla com todos os integrantes da base e decidir em consenso qual o melhor postulante a cadeira do executivo municipal. Chicão disse também, que a opinião de todos é de extremíssima importância para a manutenção da fidelidade dentro do grupo.
"Ouvir à todos, sem distinção. Esse é o caminho que devemos seguir. Nosso líder, Haroldo, comunga desta opinião e isso é o que faz a diferença na nossa ala. Tenho meu nome posto à disposição, mas com humildade, bom senso e sem nenhuma individualidade, marcharemos unidos em prol de uma oposição mais forte a cada dia", disse Chicão.

DEU NO BLOG DO JOÃO MOACIR...

A choradeira.

A União Brasileira dos Municípios diz que os prefeitos terão dificuldade para pagar o novo salário mínimo, de R$ 622,00, a partir de 1° de janeiro de 2012. Não no RN. Por aqui, as Prefeituras esbanjam dinheiro para Réveillon e carnaval.
2012 é ano eleitoral, e muitos desses prefeitos querem renovar seus mandatos, com pão e circo.

VÂNDALOS COMETEM ATENTADO CONTRA EMISSORA DE RÁDIO DE PAU DOS FERROS.

Estão querendo calar a imprensa a qualquer preço?
Na madrugada desta quinta-feira (29), mais um fato lamentável de vandalismo e atentado contra a imprensa livre e independente de Pau dos Ferros foi registrado.
O alvo desta vez foi a Rádio Obelisco FM, emissora educativa pertencente a Fundação José Fernandes de Melo, que teve a sede dos seus transmissores invadida por verdadeiros criminosos.
Na ação criminosa, os vândalos arrombaram uma parede do prédio onde ficam os transmissores da emissora. O fato curioso é que nada foi roubado, o que caracteriza que os bandidos estavam apenas querendo retirar a rádio do ar.
Para o radialista e diretor da emissora pau-ferrense, Ismael Mendes Neto, este ato de vandalismo contra a Rádio Obelisco FM teria tido como mentor intelectual alguém que se sentia incomodado com a linha imparcial e arrojada praticada pela a equipe de jornalismo da Obelisco FM.
"Sabemos de onde partiu esta tentativa ditatorial de calar a nossa voz. Existem pessoas incomodadas com a nossa postura independente e a favor da população pau-ferrense, mas não nos intimidaremos com os atos sórdidos daqueles que não tem capacidade para nos vencer com argumentos, e apelam para os atos mais ordinários que possam existir. Só posso lamentar esse ato criminoso em nome da nossa população já que, sem dúvidas, seria a parte mais prejudicada, pois perderia um veículo de comunicação que tem se colocado diariamente a sua disposição", frisou Ismael.
O radialista/jornalista, Ismael Mendes, nos informou que registrou um Boletim de Ocorrência na sede da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil (4ªDRPC), para que o caso seja apurado e, consequentemente, os criminosos sejam punidos.
Do blog parte a nossa solidariedade para com todos os profissionais da Rádio Obelisco FM de Pau dos Ferros e que a justiça coloque na cadeia aqueles que costumam usar da força bruta para tentar censurar aqueles que optaram por defender a população em detrimento dos poderosos.

Fonte: Politica Pau Ferrense

DEPUTADO GUSTAVO FERNANDES É DETIDO EM BLITZ SOB SUSPEITA DE EFEITO DO ÁLCOOL.

O deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB) estava entre os cerca de 50 motoristas que foram detidos na madrugada desta sexta-feira, 30, em blitz da operação Rodovida localizada na Prudente de Morais.
O parlamentar ficou detido por cerca 2h e só foi liberado após realização de auto de constatação atestando a ingestão de bebida alcoólica por ele.
Fernandes se recusou a fazer o teste do bafômetro e seu carro só foi liberado quando um familiar veio buscá-lo.




Fonte: Martins em Pauta/Robson Pires

COMPOSIÇÃO DO CONGRESSO EM 2012 MUDA 10% EM RELAÇÃO A 2011.

61 parlamentares são diferentes em relação aos empossados em 2011.
Dentre 81 senadores, mudaram 11. Na Câmara, são 50 entre 513.


Após a posse nesta quarta (28) do senador Jader Barbalho (PMDB-PA), 10,26% dos 81 senadores e dos 513 deputados que começarão a legislatura de 2012 no Congresso serão diferentes em relação aos empossados no início de 2011.
O Senado iniciará o ano com 11 senadores diferentes dos que tomaram posse em 1º de fevereiro deste ano. Na Câmara, 50 deputados foram substituídos ao longo de 2011.
Embora tivessem obtidos votos suficientes para se eleger, três senadores e quatro deputados não assumiram no começo de 2011 porque estavam barrados pela Lei da Ficha Limpa. Os sete só tomaram posse depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a lei não tinha validade durante a eleição de 2010.
Senado
Como a eleição para o Senado é majoritária, nenhum dos suplentes que atualmente ocupam uma cadeira na Casa recebeu votos para estar ali. Ao assumir a vaga do titular, eles têm direito ao salário mensal de R$ 26.723,13, mais os benefícios de parlamentar, como verba indenizatória de R$ 15 mil ao mês, acrescida de cinco passagens aéreas de ida e volta. Gráficas, combustível e telefone são pagos fora da verba indenizatória.
Dos suplentes do Senado, três estão nas vagas porque os titulares foram chamados pela presidente Dilma Rousseff para assumir o comando de ministérios.
Lobão Filho (PMDB MA) está no lugar do pai, Edison Lobão, ministro de Minas e Energia. Paulo Davim (PV-RN) é suplente do senador Garibaldi Alves Filho, ministro da Previdência. Sérgio Souza (PMDB-PR) entrou no lugar de Gleisi Hoffmann, ministra-chefe da Casa Civil. Se os três deixarem os ministérios, poderão retomar suas vagas no Senado a qualquer momento.
Clóvis Fecury (DEM-MA) assumiu no lugar de João Alberto Souza (PMDB-MA), que deixou o Senado para assumir o comando de uma secretaria do Estado.
O ex-suplente Zezé Perrela (PDT-MG), presidente do Cruzeiro, terá sete anos e meio de mandato no Senado em substituição ao titular, o ex-presidente da República Itamar Franco, que morreu em 2 de julho, vítima de um acidente vascular cerebral (AVC).
O senador Antonio Russo (PR-MS) ganhou a cadeira com a saída de Marisa Serrano (PSDB-MS), que assumiu uma vaga no Tribunal de Contas do Mato Grosso do Sul. O mandato de Russo se encerra em 2015.
Dois senadores titulares estão em licença médica. Eduardo Amorim (PSC-SE) está sendo substituído por Antonio Lauro (PR-SE). O último a se afastar foi Garibaldi Alves (PMDB-RN), substituído por Ivonete Dantas (PMDB). Garibaldi, pai do ministro da Previdência Social, Garibaldi Alves Filho, foi submetido no início de dezembro a uma cirurgia no coração.
Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), João Capiberibe (PSB-AP) e Jader Barbalho (PMDB-PA) ganharam as vagas por força de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).
O STF determinou a posse imediata dos três por não reconhecer a possibilidade de aplicação da Lei da Ficha Limpa na eleição de 2010. Eles obtiveram votos suficientes para se eleger, mas estavam barrados pela ficha limpa.
Com as posses de Cunha Lima, Capiberibe e Barbalho, perderam os mandatos Wilson Santiago (PMDB-PB), Gilvan Borges (PMDB-AP) e Marinor Britto (PSOL-PA).
Câmara
No caso da bancada da Câmara dos Deputados, dos 513 deputados federais que começaram a legislatura, 50 foram substituídos ao longo de 2011. Diferentemente da eleição para o Senado, no qual o suplente é votado, a eleição para a Câmara é proporcional, e o suplente de deputado recebe votos, embora não em quantidade suficiente para assumir como titular.
São 46 os deputados suplentes que em 2011 passaram a exercer mandato na Câmara. Todos contam com mesmos benefícios dos titulares, como salário de R$ 26.723,13, mais os benefícios de parlamentar e verba indenizatória.
A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de não reconhecer a possibilidade de aplicação da Lei da Ficha Limpa na eleição de 2010 provocou quatro alterações na Casa: Janete Capiberibe (PSB-AP), João Pizzolatti (PP-SC), Magda Mofatto (PTB-GO) e Nilson Leitão (PSDB-MT) assumiram os mandatos após a decisão da Justiça .
Deixaram os mandatos, respectivamente, os deputados Professora Marcivânia (PT-AP), Odair Zonta (PP-SC), Delegado Waldir (PSDB-GO) e Ságuas Moraes (PT-MT).
Ao longo de 2011, seis deputados se licenciaram para assumir como ministros a pedido da presidente da República, Dilma Rousseff: Maria do Rosário (PT-RS), ministra da Secretaria de Direitos Humanos; Mendes Ribeiro Filho (PMDB-RS), ministro da Agricultura; Gastão Vieira (PMDB-MA), ministro do Turismo; Iriny Lopes (PT-ES), ministra da Secretaria Especial de Política para as Mulheres; Mário Negromonte (PP-BA), ministro das Cidades; e Aldo Rebelo (PC do B-SP), ministro do Esporte.

Fonte: Iara Lemos/G1

PARLAMENTARES PRESSIONAM NO FIM DO PRAZO POR LIBERAÇÃO DE EMENDAS.

Deputados e senadores cobram dinheiro para obras nas bases eleitorais.
Prazo para se obter 'empenho' das emendas termina às 14h do dia 31.


O Palácio do Planalto recebe na última semana do ano uma romaria de deputados e senadores em busca da promessa de pagamento de emendas parlamentares ao orçamento da União.
O prazo para o "empenho" (a intenção de pagar) do dinheiro das emendas termina às 14h do próximo sábado (31). As emendas que não forem empenhadas até o dia 31 não poderão ser pagas no próximo ano. Além das emendas de 2011, os parlamentares também buscam o pagamento de valores empenhados em anos anteriores, os chamados "restos a pagar".
As emendas parlamentares são apresentadas por deputados e senadores e incluem no orçamento projetos e obras direcionados a estados e municípios onde têm bases eleitorais.
A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvati, o secretário-executivo da pasta, Claudinei do Nascimento, e técnicos da pasta estão desde segunda-feira (26) recebendo pedidos, que também têm sido feitos a outros ministérios. Nessa época, mesmo em férias, alguns parlamentares estão trabalhando.
O líder do PMDB na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN), escreveu em seu perfil no microblog Twitter que está no Rio de Janeiro, em férias com a família, mas permanece trabalhando, por telefone, pela liberação das emendas para o seu estado.
“No Rio. Passar Ano Novo com filhos. Voltando segunda . Mas atento [aos] últimos lances pleitos nosso Estado em BSB [Brasília]! Direto no telefone... Assessor Aluizio Dutra "de castigo" em BSB [Brasília]. Últimas horas para resolver pendências nosso RN”, escreveu o deputado.
Cada parlamentar tem o direito a R$ 13 milhões em emendas individuais e pode também incluir pedidos nas emendas reservadas às bancadas e comissões.
Mesmo durante o recesso, o senador Delcídio Amaral (PT-MS) começou a visitar ministérios e o Palácio do Planalto já na segunda-feira (26). Ele disse que encontrou muitos parlamentares e assessores de gabinetes na Casa Civil.
"Cheguei segunda-feira e corri os ministérios todos. Bem antes, eu já vinha trabalhando nessas frentes porque meu estado precisa de recursos federais. Como sobra muito pouco para investimento, essas verbas são fundamentais para tocar muitos projetos de infraestrutura e desenvolvimento", disse o senador.
"Tem em torno de uns 40, 50 deputados esta semana trabalhando [nos ministérios]”, disse o deputado federal Darcísio Perondi (PMDB-RS), presidente da Frente Parlamentar da Saúde.
O petista Delcídio Amaral afirmou que a crise econômica internacional e o fato de ser o primeiro ano da gestão da presidente Dilma Rousseff justificam a decisão do governo de segurar o pagamento de emendas parlamentares. Amaral, no entanto, faz previsão otimista para os próximos anos em relação à liberação das emendas.
"O governo tomou determinadas medidas olhando a macroeconomia, os gastos. Isso é do jogo. Todo parlamentar sabe. Tem ano que é melhor, tem ano que é pior, e os parlamentares compreendem isso. O governo teve de puxar o freio de mão. Tivemos outros anos difíceis. O primeiro ano do governo Lula foi difícil. Aí, o governo vai avançando e caminha para uma normalidade", avaliou.
Para o deputado Lázaro Botelho (PP-TO), os parlamentares da base aliada ao governo deveriam ter “tratamento diferenciado” na liberação das emendas.
“Somos da base de apoio do governo federal e apoiamos tudo que vem a respeito do governo. Estamos sempre fieis. Mas, na hora de colher os frutos, que é levar os benefícios a nossas cidades, o tratamento não tem muita diferença de quem é fiel e de quem é adversário”, disse.
Insatisfação
Desde o início do segundo semestre, os líderes de partidos pressionaram o governo federal e reclamaram da “morosidade” na liberação das emendas. Em agosto, PMDB e outros partidos da base aliada se articularam para impedir a realização de votações na Câmara dos Deputados.
O objetivo da paralisação foi demonstrar insatisfação com o governo, principalmente com a demora na liberação de emendas parlamentares. No início do segundo semestre, o governo chegou a anunciar que seria empenhado R$ 1 bilhão em emendas, somente em agosto.
A Secretaria de Relações Institucionais informou que ainda não há uma estimativa de quanto era empenhado até o final do prazo.

Fonte: Débora Santos/G1

CUSTO EXPLODE E OBRA DO SÃO FRANCISCO TERÁ MAIS R$ 1,2 BILHÃO.

Previsão de custo da obra, iniciada como um dos grandes projetos de Lula, já saltou para R$ 6,9 bilhões.

Para tentar terminar as obras da transposição do Rio São Francisco em mais quatro anos, o governo Dilma Rousseff recorrerá a uma nova licitação bilionária de obras já entregues à iniciativa privada. O custo estimado do negócio é de R$ 1,2 bilhão, informou à reportagem o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, responsável pela obra mais cara do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) bancada com dinheiro dos impostos.
A obra começou em 2007 como um dos grandes projetos do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A transposição desviará parte das águas do São Francisco por meio de mais de 600 quilômetros de canais de concreto para quatro Estados: Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco.
Depois de R$ 2,8 bilhões gastos, a transposição registra atualmente obras paralisadas, em ritmo lento e até trechos onde os canais terão de ser refeitos, como é o caso de 214 metros em que as placas de concreto se soltaram por entupimento num bueiro de drenagem. As falhas foram testemunhadas pelo jornal O Estado de S. Paulo, no mês passado.
O custo inicial da transposição, estimado em R$ 5 bilhões, já saltou para R$ 6,9 bilhões, calcula Fernando Bezerra, incluindo a nova licitação. "Só vamos ter certeza do valor quando concluirmos o processo licitatório e fecharmos os contratos", avalia o ministro. Ele espera lançar as novas licitações até março. Relicitar parte dos trechos entregues a grupos de empreiteiras foi a forma que a equipe de Bezerra encontrou para concluir as obras e evitar que a transposição do São Francisco se transforme em um elefante branco.
Os oito consórcios privados, responsáveis por 12 lotes da obra, não conseguiriam terminar o trabalho para a qual foram contratados mesmo que o valor pago fosse aumentado em 25%, limite legal autorizado para aditivos contratuais. O ministro optou, então, por eliminar parte das tarefas previstas originalmente em contratos. Os consórcios receberão apenas pelo serviço feito. "Todos toparam", conta Fernando Bezerra. "Houve uma negociação e uma negociação que não foi fácil", destaca. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: Último Segundo/Agência Estado

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

DESTAQUE DA MÍDIA 2011 JÁ TEM VÁRIOS HOMENAGEADOS.

As enquetes postadas por vários blogs em parceira com o rnpoliticaemdia2012, estão terminando.


PARTICIPE.









ATÉ O MOMENTO FORAM CONCLUÍDAS AS ENQUETES DAS SEGUINTES CIDADES:

ALMINO AFONSO: GODEIRO
ANTÔNIO MARTINS: NOVO DE CIRIACO
ALEXANDRIA: CORRINHA DO PT E EDILBERTO
FRANCISCO DANTAS: PELADO
ITAÚ: PAULO MOREIRA
JOÃO DIAS: ESDRAS VÉRAS
JOSÉ DA PENHA: CARLOS JOSÉ
LUÍS GOMES: GERUZA
MAJOR SALES: NETINHO
MARCELINO VIEIRA: FÁTIMA FERNANDES
MARTINS: BIBIU
OLHO D'ÁGUA DOS BORGES: JOÃO CAVALCANTE
PARANÁ: ANDRÉ FERNANDES
PATU: LUCÉLIA RIBEIRO
PAU DOS FERROS: MANOEL FLORÊNCIO
PILÕES: SILVINHA
PORTALEGRE: NETO DA EMATER
RAFAEL FERNANDES: CHARLES
RAFAEL GODEIRO: RUBIANA PAIVA
RIACHO DA CRUZ: MARCONDES OLIVEIRA
RODOLFO FERNANDES: WILSON
SÃO FRANCISCO DO OESTE: GESSÉ
SÃO MIGUEL:FÁTIMA DE TOINHO
SERRA NEGRA DO NOTE: SÉRGIO FERNANDES
SERRINHA DOS PINTOS: ADAUMÁRIA FERNANDES
SEVERIANO MELO: GETÚLIO ANDRADE
TABOLEIRO GRANDE: JOSÉ LENÁRIO
TENENTE ANANIAS: TICO BAIXINHO
UMARIZAL: WASHINGTON SALES
VENHA VER: EDILZA
VIÇOSA: TOINHO SABINO

ENQUETES DE ÁGUA NOVA E RIACHO DE SANTANA PARA VEREADOR "DESTAQUE DA MÍDIA 2011" ESTARÁ POSTADA NO RNPOLITICAEMDIA2012 À PARTIR DE AMANHÃ. ASSIM, ENCERRAM-SE AS ENQUETES E POR CONSEGUINTE OS PREMIADOS.

LOCAL E DATASERÃO DEFINIDOS SEMANA QUE VEM. PORÉM, JÁ PODEMOS ANUNCIAR QUE SERÁ NA SEGUNDA QUINZENA DE JANEIRO.

VEREADOR RONALDO NOS ENVIA E-MAIL CITANDO RECEITAS DO MUNICÍPIO DE ÁGUA NOVA EM 2011.

RECEITA: 2011
JANEIRO = 781.954,75
FEVEREIRO = 828.136,32
MARÇO = 588.407,66
ABRIL = 747.443,97
MAIO = 861.448,37
JUNHO = 753.254,98
JULHO = 676.861,98
AGOSTO = 710.281,61
SETEMBRO = 559.396,93
OUTUBRO = 709.005,50
NOVEMBRO = 758.136,81
DEZEMBRO = 1.143.926,90
TOTAL = 9.118.255,78

RECEITA DO FUNDEB 2011
JANEIRO = 112.797,65
FEVEREIRO = 118.449,45
MARÇO = 96.423,08
ABRIL = 122.127,80
MAIO = 126.175,14
JUNHO = 121.276,88
JULHO = 106.063,43
AGOSTO = 116.556,48
SETEMBRO = 88.540,13
OUTUBRO = 103.975,02
NOVEMBRO = 115.807,63
DEZEMBRO = 126.372,22
TOTAL = 1.267.784,91

RECEITA DO (FUS) FUNDO DE SAÚDE 2011
JANEIRO = 85.573,73
FEVEREIRO = 91.383,52
MARÇO = 62.964,27
ABRIL = 79.779,05
MAIO = 94.580,74
JUNHO = 81.101,86
JULHO = 72.302,21
AGOSTO = 76.145,55
SETEMBRO = 60.098,26
OUTUBRO = 76.642,99
NOVEMBRO = 82.240,95
DEZEMBRO = 131.183,39
TOTAL = 993.996,52

MAIS UMA EXPULSÃO DO PT?

Punição do advogado.

A executiva municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de Mossoró vai se reunir hoje para decidir se expulsa o advogado Paulo Afonso Linhares da legenda. Ele teria desrespeitado o estatuto do PT ao aceitar convite feito pela prefeita Fafá Rosado (DEM) para coordenar a Previ-Mossoró, o instituto próprio de previdência do município. Segundo o presidente do PT mossoroense, professor Valdomiro Morais, a reunião será exclusivamente para discutir a expulsão. Ele informou que a partir da leitura do estatuto e do código de ética a executiva local do partido decidirá se o processo para punição será aberto ou se a saída de Paulo Linhares poderá ser sumária.

Antecedente na História

Se o advogado Paulo Linhares for mesmo expulso do PT por decisão da executiva municipal do partido, não será a primeira vez na história da legenda que esse tipo de punição é adotada em caso semelhante. A ex-prefeita de São Paulo e atual deputada Luíza Erundina foi punida com expulsão quando assumiu um ministério no governo do então presidente Itamar Franco.

Fonte: Notas e Comentários Tribuna do Norte

OITO CIDADES DO RN CONCLUÍRAM PLANOS MUNICIPAIS DE SANEAMENTO EM 2011.

Caicó, Campo Grande, Galinhos, São Tomé, São Miguel do Gostoso, Pedra Grande, Campo Redondo e Macaíba são os oito municípios do Estado que conseguiram concluir seus planos de saneamento em 2011.
Somadas as estimativas apontadas por essas cidades em seus planos, seriam necessários R$ 364 milhões, para a universalização dos serviços de água, esgotamento sanitário e melhoria na qualidade de vida das populações rural e urbana. Estes municípios receberam o apoio técnico da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) e já estão habilitados – devido às leis sancionadas que instituíram os planos municipais de saneamento básico – para solicitar recursos do governo federal para a área.
Os prefeitos de seis desses municípios já assinaram convênio com o Governo do Estado e agora preparam audiência e consulta pública para apresentação do contrato de programa após definição do órgão ou entidade responsável pela regulação e fiscalização dos serviços de água e esgotos. Dos 152 municípios do Rio Grande do Norte nos quais a Caern presta serviços, 98 solicitaram a apoio da Companhia na elaboração dos respectivos Planos de Saneamento, que já preparou 40 documentos.

Fonte: Panorama Político

RIACHO DA CRUZ É ELEITA PARA DIRETORIA DO CONSÓRCIO PÚBLICO DO ALTO OESTE.

O Consórcio Público Regional do Alto Oeste escolheu nesta quarta-feira (28), os prefeitos que vão liderar as ações da entidade. O prefeito de Pau dos Ferros, Leonardo Rêgo, foi eleito presidente do consórcio. Já os municípios que possuem diretorias titulares são Olho D’água do Borges, Riacho da Cruz, Apodi e Messias Targino.
Durante a reunião que ocorreu no auditório do Instituto Federal de Educação Tecnológica (IFRN) de Pau dos Ferros, o secretário Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Gilberto Jales, informou aos presentes que os recursos da Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) no valor de R$ 15 milhões já estão empenhados para os aterros sanitários dos Consórcios do Seridó e Alto Oeste. Os outros R$ 5 milhões devem ter o empenho confirmado em breve.
A emenda da bancada federal para área de resíduos sólidos, proposta pelo então senador Garibaldi Alves Filho, destinou R$ 20 milhões para o Rio Grande do Norte. O aterro sanitário do Alto Oeste ficará na cidade de Pau dos Ferros, em uma área na saída para a cidade de São Francisco do Oeste. Por meio de estações de transbordo, o lixo das outras cidades que formam o consórcio chegará até o aterro sanitário.
O Plano Estadual de Resíduos Sólidos prevê a instalação de consórcios públicos para gerir o sistema de aterro sanitário coletivo por região, que vão promover o descarte correto de resíduos sólidos. A Semarh acompanha e colabora com o trabalho dos Consórcios por meio de seus técnicos.
Os municípios que foram eleitos como suplentes na diretoria do Consórcio são Governador Dix-Sept Rosado, Francisco Dantas, Felipe Guerra e Campo Grande. O Consórcio do Alto Oeste é formado por 44 municípios das regiões do Oeste e Alto Oeste
São eles: Pau dos Ferros, São Miguel, Doutor Severiano, Coronel João Pessoa, Venha Ver, Luís Gomes, Major Sales, Paraná, José da Penha, Riacho de Santana, Severiano Melo, Itaú, Francisco Dantas, Água Nova, Encanto, Rafael Fernandes, Marcelino Vieira, Tenente Ananias, Alexandria, Pilões, Serrinha dos Pintos, João Dias, Francisco Dantas, São Francisco do Oeste, Rodolfo Fernandes, Taboleiro Grande, Portalegre, Antônio Martins, Almino Afonso, Lucrécia, Martins, Riacho da Cruz, Viçosa, Umarizal, Olha D’água dos Borges, Rafael Godeiro, Patu, Janduís, Messias Targino, Apodi, Felipe Guerra, Caraúbas, Campo Grande e Governador Dix-sept Rosado.

Fonte: Cirios Vannuci

DEM FALA EM LANÇAR CANDIDATURA PRÓPRIA AO PLANALTO EM 2014.

Agripino diz que partido vai aproveitar eleições de 2012 para se recuperar e fortalecer militância.

Depois de enfrentar uma das maiores crises de sua história, com a perda de correligionários para o recém-criado PSD do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, a direção do DEM fala em recuperar espaço nas eleições municipais de 2012 e se fortalecer para a disputa de 2014, incluindo até a hipótese de um voo solo para a sucessão presidencial. Apenas em 2011, o DEM perdeu 17 deputados federais de um total de 43, um senador de um total de seis parlamentares e um governador de um total de dois, além de prefeitos, vereadores e deputados estaduais, a maioria para o PSD.
Em entrevista à Agência Estado, o senador José Agripino Maia (RN), presidente nacional do DEM, diz que a perda de quadros foi numérica e não de essência, e que o apoio do DEM a um candidato tucano na sucessão presidencial "não é compulsório".
"Um partido com a história do DEM não pode perder de vista a perspectiva de participar de eleições presidenciais", defendeu. "A nossa interlocução preferencial é com o PSDB, mas não é compulsória", acrescentou. O dirigente do DEM não poupou críticas ao PSDB que, em sua opinião, "está precisando se reencontrar".
"Não acho que o PSDB esteja sem rumo, mas ele está precisando se reencontrar", avaliou, dando como exemplo as campanhas eleitorais, quando a sigla, segundo ele, permitiu que transformassem o processo de privatizações, levado a cabo na gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, em "uma coisa demonizada". "Em um dado momento, o PSDB intimidou-se da necessidade de defender a modernidade frente à caridade defendida pelo PT. Esse foi um erro cometido."
O presidente nacional do DEM não economizou também estocadas ao PSD que, embora não seja considerado por ele o "inimigo preferencial" do DEM, é visto como um partido "sem história". "Eles para lá e nós pra cá", decretou. "As figuras emblemáticas do partido ficaram todas. O partido perdeu aqueles que fizeram uma clara opção pelo seu interesse pessoal", criticou.

Fonte: Último Segundo/Agência Estado

CHEFE DA CASA CIVIL DE DILMA CONVOCA MICARLA PARA ANUNCIAR APOIO DO GOVERNO FEDERAL ÀS OBRAS DA COPA EM NATAL.

Convocada pela chefe da Casa Civil do Planalto, Gleisi Hoffmann, a prefeita Micarla de Sousa, que não havia pedido audiência, seguiu hoje cedo para Brasília.
No encontro, no final da tarde no Palácio do Planalto, Hoffmann conversou com a prefeita sobre parceria de obras entre os governos federal e municipal, com prioridade para as obras de mobilidade urbana da Copa de 2014.
A prefeita informou à ministra sobre o contrato de financiamento de R$ 300 milhões, já assinado com a Caixa Econômica, e apresentou o cronograma.
“Quero reforçar o compromisso do governo federal com Natal. A ministra Gleisi e a presidenta Dilma Roussef estão apoiando integralmente as obras de infra-estrutura. O encontro de hoje reforçou esta parceria. Natal agradece o apoio do governo federal”, relatou a prefeita, afirmando que a ministra reafirmou que o interesse da presidente é “transformar Natal num canteiro de obras e preparar a cidade para a Copa do Mundo”.

Fonte: Thaísa Galvão

EMENDA DE FÁBIO FARIA VAI GARANTIR ESTRUTURAÇÃO DA REDE CEGONHA EM NATAL.

Vitória para a saúde pública infantil de Natal, a aprovação da emenda, pela Comissão de Orçamento e Finanças da Câmara, do deputado federal Fábio Faria (PSD), que destinará 22 milhões de reais para a capital potiguar estruturar a Rede Cegonha em Natal.
A liberação do dinheiro vai permitir a aquisição de equipamentos para UTI adulto e neonatal, a ampliação ou reforma de centros de parto normal ou hospitais estratégicos e centros de referência para o tratamento de câncer de mama na capital potiguar.
“Esses investimentos vão assegurar às mulheres potiguares o direito ao planejamento reprodutivo, e mais atenção à gravidez e ao parto. Nossas crianças terão também a garantia de um nascimento seguro e do desenvolvimento saudável”, afirma o deputado Fábio Faria.

Fonte: Thaísa Galvão

PROJETO DIMINUI DÍGITOS DA NUMERAÇÃO DE CANDIDATOS A VEREADOR.

A Câmara analisa o Projeto de Lei 2186/11, do deputado Laurez Moreira (PSB-TO), que reduz de cinco para quatro o número de dígitos para identificação do candidato a vereador. A idéia é usar os dois números do partido acrescidos de dois algarismos à direita. Atualmente é usado o número do partido mais três algarismos.
Segundo o deputado, “mostra-se possível a fixação do número de identificação do candidato a vereador na forma proposta, permitindo-se que os candidatos a vereador possam concorrer com identificação composta por quatro dígitos, facilitando a fixação do número pelo eleitor”.

Fonte: Robson Pires

DEU NO BLOG DO XERIFE...

FILHO DE JADER BARBALHO FICA FAZENDO MARMOTA DURANTE A POSSE DO PAI.

Daniel Barbalho, de 9 anos, disparou caretas para todos os lados depois de participar da posse do pai, o senador Jader Barbalho. Barrado pela Lei da Ficha Limpa por ter renunciado a um mandato de senador em 2001 para escapar de um processo de cassação, o parlamentar só conseguiu garantir o cargo depois que o Supremo Tribunal Federal permitiu que ele assumisse a vaga.


O blog comenta: Ô menino marmotento!

FÁTIMA BEZERRA ADMITE CANDIDATURA AO SENADO.

Em sua entrevista a 94 FM, Fátima Bezerra falou sobre a possibilidade de se candidatar ao Senado em 2014. Ela disse que preferia não se pronunciar e esperar o teste das urnas de 2012. “Eu vou participar intensamente das eleições em Natal, Grande Natal e no Rio Grande do Norte. O PT quer eleger o maior número de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores. O primeiro desafio com os partidos aliados será reconquistar Natal”, disse.

Fonte: Robson Pires/Alex Viana

"ESTILO DEM DE FAZER POLÍTICA É DESAGREGADOR E AUTORITÁRIO".

O deputado Fábio Faria, vice-líder do PSD na Câmara Federal, reagiu de maneira veemente às declarações do senador José Agripino Maia, presidente nacional do DEM, que chamou de "sem história" os correligionários do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, além de reforçar a tese de que não há interesse dos democratas em compor aliança com os peessedistas na eleição municipal do próximo ano. Fábio não poupou críticas a Agripino e lembrou que o líder democrata nasceu na política pelos braços da ditadura militar, chamou-o de autoritário e disse apostar que, a continuar o comando da sigla com as mãos pesadas de agora, vai acabar como o responsável pelo fim do DEM.
"Quem é ele para vir falar de história? O pai dele foi governador na ditadura, nomeado. Ele estava trabalhando em outro Estado como engenheiro e voltou para Natal também para ser empossado prefeito pelos generais. Meu pai [o vice-governador Robinson Faria] começou como deputado estadual, há vinte e cinco anos, o que é bem diferente. Na campanha passada [quando o grupo de Fábio e Robinson apoiou Agripino] meu pai tinha história, mas agora já não tem mais. Então quem tem história é quem começa na ditadura nomeado?", questionou asperamente o parlamentar.
O clima entre o comando do DEM e do PSD potiguar é regado a animosidades desde que a legenda liderada por Gilberto Kassab começou a ser concebida. Agripino, na condição de presidente nacional do DEM, tem dado aos peessedistas o posto de potencial desagregador da sigla democrata e a desavença culminou com o rompimento do vice-governador Robinson Faria da base aliada do Governo Rosalba Ciarlini (DEM). Fábio Faria acusa-o de "ingrato" e de ter "memória curta" ao rememorar o apoio "imprescindível" do grupo liderado pelo vice-governador à campanha de senador do democrata em 2010.
"Ele [José Agripino] vem dando declarações fortes diferente dos elogios da época em que apoiamos a candidatura dele. Depois que ele foi eleito começou a reverenciar pessoas que não votaram em Rosalba e paralelamente a bater no nosso grupo", sentenciou o deputado federal.
Ao contrário do filho, Robinson Faria preferiu não se pronunciar abertamente. Apenas no twitter alfinetou o ex-aliado indiretamente. "Essa conversa de eles pra lá e nós pra cá parece samba-enredo da escola da arrogância e da soberba".
Ele se referiu ao fato de Agripino assinalar que o PSD não desponta na lista dos prováveis aliados do DEM na eleição municipal que se aproxima. Para Fábio, mais um erro de cálculo do senador. O PSD, garantiu ele, pensa diferente e cumprirá os acordos firmados anteriormente com os aliados dos municípios. "Quem vai ter dificuldade de participar das eleições do jeito que as coisas estão são eles. É o estilo DEM de fazer política, desagregador, autoritário e com soberba. É batendo em Lula e em Dilma e atrapalhando o Governo do Estado. É afastando aliados e diminuindo a base. Ainda não se deram conta desse estrago todo?", indagou Fábio Faria.
José Dias: "Agripino é cria da ditadura"
A reação do PSD não se limitou ao parlamentar federal Fábio Faria. O deputado estadual José Dias, líder do PSD na Assembleia Legislativa, destacou que a entrevista do democrata foi "infeliz" e, assim como o correligionário, atrelou a imagem do senador à ditadura militar ao lembrar que o mesmo é "cria" do período de recessão. José Dias enfatizou que respeita a trajetória pessoal de Agripino, mas enfatizou que esta é uma lacuna na trajetória do democrata que não pode ser desconsiderada. "Eu não gostaria de ter uma biografia política como a do senador José Agripino, forjada no serviço à ditadura militar. O senador é uma cria da ditadura militar", fuzilou José Dias em entrevista ao blog do jornalista Oliveira Wanderley.
Em tom irônico, José Dias salientou ainda que José Agripino deveria fazer reverência aos militares por tê-lo ajudado a impulsionar a carreira política. "Para ser justo, ele deveria vestir verde-oliva, pois se não fossem os generais Golbery do Couto Silva, Ernesto Geisel e João Figueiredo, bem como o padrinho Marco Maciel, pela famosa vinculação dos votos, ele não teria sido prefeito de Natal, governador do Estado e nem senador da República", emendou José Dias, que completou: "Acredito que pelo seu valor intelectual, o senador seria hoje um grande capitão de indústria".
Para o peessedista, Agripino está sendo injusto, tendo em vista que recebeu o apoio integral de muitos integrantes do PSD na eleição de 2010. José Dias faz uma indagação a Agripino: "Será que se o senador precisasse renovar o seu mandato agora, que foi conquistado com a colaboração de membros do hoje PSD, ele falaria assim?". O deputado considera grave o fato de o presidente nacional do DEM não demonstrar nenhuma consideração com os aliados do interior.
"O que acho grave e absolutamente injusto é que José Agripino não tem a menor consideração com os seus aliados que nos municípios agora em 2012 estarão lutando para se eleger. Será que prá eles é bom descartar o apoio de quem recentemente foi útil para eleger o senador", observou ainda, ao blog, o deputado do PSD.

Fonte: Maria Guia

AOS 82 ANOS, MORRE JOÃO URURAHY.

Pioneiro na publicidade do Rio Grande do Norte, onde criou a Expo, primeira agência de propaganda, morreu ontem João Ururahy Nunes do Nascimento, que, além da atuação na comunicação privada, também teve participação marcante como gestor público. Ele faleceu aos 82 anos na Policlínica, onde estava internado desde o último domingo. João Ururahy foi vítima de um câncer de pulmão. O corpo está sendo velado no Centro de Velório Morada da Paz, na rua São José, em Lagoa Seca. O sepultamento será às 11h no Cemitério do Alecrim.
João Ururahy foi proprietário da primeira agência de propaganda genuinamente potiguar. O ingresso na gestão pública ocorreu no Governo de Sílvio Pedroza, quando foi chefe de Gabinete do diretor do Departamento Estadual de Imprensa, José Gonçalves de Medeiros.
Nos governos de José Varela e de Aluízio Alves, Ururahy foi diretor do Departamento Estadual de Imprensa. E nesse cargo, na administração de Aluízio Alves, ele foi responsável pela edição de 165 livros. Nomes como Zila Mamede, Sanderson Negreiros, Diógenes da Cunha Lima e Luiz Carlos Guimarães tiveram os seus livros editados pelo DEI.
No Governo Geraldo Melo o publicitário foi secretário-chefe da Casa Civil. "João Ururahy é exemplo de um jornalista ético e comprometido com o bem comum. Exerceu os cargos com uma preocupação destacada com a cultura. Ele (João Ururahy) teve participação no jornal A República, foi editor de Política do Diário de Natal e repórter de política da Tribuna do Norte", destacou Cláudio Emereciano, auditor do Tribunal de Contas do Estado, amigo de longas datas.
O jornalista Ticiano Duarte traz boas recordações de Ururahy. "Recebi com tristeza a notícia. Foi um companheiro de geração, bom repórter político. Atuou com muita competência na atividade jornalística. Exerceu cargos públicos com muita decência e muita ética", destacou. Ele lembrou ainda que o publicitário foi o secretário do então titular de Planejamento do Governo Aluízio Alves, Geraldo Melo. "João Ururahy exerceu todos os cargos honradamente. Foi um bom companheiro, um homem inteligente", completou.
O jornalista José Wilde Cabral trabalhou diretamente com João Ururahy no Governo Geraldo Melo. O publicitário era o secretário chefe do Gabinete Civil; Wilde era o assessor de comunicação. "Era um homem de grandes gestos. Muito solidário com as pessoas, muito atencioso. Os amigos mais íntimos o denominavam de "pérola negra". Sempre ouvi das pessoas registros a João Ururahy", destacou o jornalista, lembrando que o publicitário também foi responsável pelo marketing da administração do então prefeito de Natal Garibaldi Alves Filho.

Fonte: Tribuna do Norte

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

DIREITO DE RESPOSTA.

Prezado amigo Mozart maranhão,

Diante do que foi externado pelo Prefeito de Antonio Martins, nas páginas do seu prestigiado blog, com ataques absurdos e infundados a minha pessoa, gostaria aqui de deixar registrado uma nota para que seja devidamente publicado no conceituado espaço virtual, como direito de resposta, rebatendo as críticas e dissimulações maldosas lançadas por Edmilson.

DR. ZÉ JÚLIO RESPONDE NOTA DO PREFEITO DE ANTONIO MARTINS

Ainda perplexo diante da intolerância humana, do desrespeito pessoal e das declarações inverídicas, carregadas de ódio e rancor emitidas em nota postada neste blog pelo Prefeito de Antonio Martins contra minha pessoa, só tenho a lamentar profundamente.
Em pleno período natalino, quando as pessoas se confraternizam e se reúnem para comemorar o nascimento de Cristo e agradecer a Deus pelas conquistas, as realizações, pela saúde, a paz e o bem-estar comum, bem que eu poderia estar recebendo nesta época um cartão de Natal e Boas Festas do atual prefeito. Motivos não faltariam. Podia ser por que sou membro da família, pelo reconhecimento e gratidão a quem fez muito por ele, desde a época de estudante, pelos seus entes queridos nas horas mais difíceis e nos momentos de dores ou até mesmo pelo convite que fiz a ele para assumir seu primeiro emprego como assessor jurídico, cargo que ocupou ao longo dos meus dois mandatos, que foram de 2001 a 2008, onde o prestigiei de tal forma que o promovi ao cargo de prefeito municipal, mesmo indo contra tudo e todos, sem ele ter respaldo político pessoal, tendo que vencer, com minha liderança e carisma, as resistências ao seu nome, junto ao povo e a classe política local, que não queriam tê-lo como representante no executivo antonio-martinense. Digo isso sem medo de errar.
Após duas gestões bem sucedidas e bem avaliadas por órgãos oficiais, de credibilidade, como a Caixa Econômica Federal, que elegeu nosso município como primeiro do estado e um dos 20 melhores do país, respaldando nosso mandato, consegui quebrar a resistência a indicação do seu nome, que foi agraciado como candidato único a prefeito de Antonio Martins, quase que como uma nomeação, com a permissão do povo, sendo extremamente beneficiado por uma campanha de baixo custo, sem precisar se desfazer de seu patrimônio privado.
Você, Edmilson, bem sabe que isso tudo ocorreu num momento político histórico para Antonio Martins, em que pesquisas de opinião pública indicavam que 84% dos eleitores votariam em qualquer candidato apoiado por mim. Dito isto, continuo não entendendo todo esse seu sentimento de ódio e de inveja que expressa contra mim.
Há três anos você está à frente da prefeitura e durante todo esse tempo tem feito uma campanha suja, difamatória, injusta e perseguidora contra minha pessoa, que durante 15 anos trabalhou incansavelmente todos os dias, de 1994 a 2008, primeiro como médico e, posteriormente, como prefeito, tendo inclusive enfrentado uma campanha pela oposição, sem estrutura e sem apoio financeiro, contra o prefeito da época, que tentava a reeleição, para ao final dos meus dois mandatos ser reconhecido pelo povo e dá praticamente de mão beijada um mandato de prefeito, o qual você nunca me agradeceu. Ao contrário, desde o início de sua gestão tem me retribuído com ingratidão e inverdades, tentando jogar (em vão) o povo contra mim. Como se não bastasse, ainda moveu maldosamente dois processos, sem nenhuma necessidade, na tentativa de querer me prejudicar, mas que certamente não me trará nenhum desabono político, pois sabemos que não cometi nenhuma irregularidade que tenha causado qualquer prejuízo ao município. Já você, os últimos acontecimentos por si só falam. Eu não preciso dizer mais nada.
E agora Edmilson, em pleno Natal, ao invés de receber uma mensagem sua de agradecimento e congratulações natalinas, vejo pela internet “um cartão” cheio de ataques e agressões direcionados a minha pessoa, em resposta a um simples comentário que fiz sobre uma pesquisa de intenção de votos para prefeito, que diga-se de passagem, distorcida e manipulada, e que bem sabemos, não expressa a verdade e o sentimento do povo de Antonio Martins. Eu pergunto: afinal de contas, qual foi mesmo o bem que você me fez, como afirmou em nota? Quem realmente está cuspindo no prato em que comeu? Ninguém melhor do que você para responder, Edmilson.
Quero aqui salientar que apenas desafiei a empresa sobre a veracidade dos dados apresentados e não teci comentários sobre sua desgastada administração e tão pouco contra sua pessoa.
Sobre sua nota, encerro dizendo que discordo de todo o conteúdo apresentado, porém, concordo que a maioria das afirmações nela contida cabe perfeitamente a você. Não vou me deter aqui a entrar em detalhes.
Quero ainda externar que continuo trabalhando diuturnamente e cumprindo fielmente com o meu trabalho e honrando os meus compromissos, bem diferente do que você insinuou na dita nota. Quanto a você, seria mais prudente fazer uma reflexão e aproveitar melhor o seu tempo para uma auto-critica de suas atitudes e do seu comportamento, que não considero normais, e espero que em 2012 procure ser mais altruísta, menos individualista e vaidoso e direcione mais as ações para o povo, que tem sido muito pouco beneficiado ao longo de seu mandato.
Por fim, espero que você honre os diversos compromissos que contraiu sentado à cadeira de prefeito e que tem gerado total insegurança aos credores, particulares e à população desassistida de nosso município, a quem desejo um Ano Novo mais bem agraciada pelo poder público municipal, por que o povo fará o julgamento e a verdade triunfará.

Atenciosamente
José Júlio Fernandes Neto – Ex-prefeito de Antonio Martins

DEU NO BLOG DA THAÍSA GALVÃO...

Para Rosalba, apesar do ano difícil, 2011 foi “de muitas vitórias”.

No café da manhã com a imprensa, onde prestou contas de seu primeiro ano de administração, a governadora Rosalba Ciarlini voltou ao tema que lhe acompanhou durante todo o ano, quando o assunto era ‘finanças’: “Mão está como eu gostaria, mas tenho convicção que em 2012 será melhor”, disse a governadora, comemorando a notícia recebida do Tesouro Nacional, para onde ela segue amanhã em Brasília: “O Rio Grande do Norte foi o Estado co maior recuperação financeira este ano”.
E ela explicou o motivo: corte de gastos.
“Botei o freio que toda dona de casa tem que fazer quando tem dinheiro para fazer feira pra dois, mas tem que alimentar 10, 20…”
Apesar dos problemas e reclamações de quase miséria, a Rosa Gove revelou: “Foi um ano de muitas vitórias”.
E na lista das vitórias dela estão escritos em letras maiúsculas o Aeroporto de São Gonçalo, a retomada da Copa de 2012, os leilões de Energia Eólica…

LUTO OFICIAL EM CEARÁ-MIRIM.

O prefeito de Ceará-Mirim, Antônio Peixoto, assinou Decreto instituindo Luto Oficial por três dias por causa da morte do Monsenhor Rui Miranda, na madrugada desta terça-feira.
Padre, vigário, cônego e Monsenhor de Ceará-Mirim, o religioso foi enterrado hoje.
Eis trechos da nota de pesarl divulgada pela Prefeitura de CM:
“Não teremos mais sua presença física, mas acreditamos que ele já está junto do pai, gozando das alegrias eternas reservadas aos que, nesta terra, souberam doar suas vidas em favor dos pequenos e das pequenas, os preferidos e as preferidas de Deus.
O reconhecimento nos move a expressar esse sentimento fraterno, e por meio dele, nos unirmos a todos para rezarmos em ação de graças pela vida eterna do Monsenhor Rui e pelo seu descanço em paz.
A esperança em Cristo, nos leva a renovar com seus familiares e o povo de Ceará-Mirim, a certeza da ressurreição, pois, o consolo que nos ampara é a contemplação agradecida pelo grande dom à Igreja que foi Monsenhor Rui Miranda”.

Fonte: Thaísa Galvão

RN É O 5º PIOR ESTADO PARA INVESTIMENTO ESTRANGEIRO.

O Rio Grande do Norte é um dos piores, entre os 26 estados e o Distrito Federal, para receber o fluxo de investimentos estrangeiros previsto para aportar no Brasil nos próximos anos, revela ranking elaborado pelo grupo inglês Economist, e divulgado no Brasil pela revista Veja.
De janeiro a novembro deste ano, o País recebeu US$ 60 bilhões em investimentos externos, um recorde. O estudo considera que as 27 unidades administrativas concorrem, portanto, não apenas entre si, mas com países que se encontram em situação delicada em virtude da crise econômica mundial.
A média do RN foi de 26,9 – numa escala que vai até 100. O índice projetou o Estado como o quinto pior do Brasil e o terceiro na região Nordeste. No estudo, 25 indicadores são mapeados em 6 categorias, tendo em todas o Rio Grande do Norte ficado abaixo da média nacional
O quesito infraestrutura apresenta o rendimento mais sofrível. A nota foi zero. O item se subdivide em rede de telecomunicações e estradas.
O ambiente político também não atingiu bom rendimento. Todos os Estados do Nordeste apresentaram excelente estabilidade política. As exceções foram o RN e AL, ambos com 33.3.
Os bons resultados do RN se traduziram em cinco dos 25 indicadores, sendo o crescimento do mercado o mais expressivo; atingiu nota 100.
O ranking é liderado por SP (77.2), RJ (70.9) e MG (64.1). No Nordeste, BA (43.9), PE (43.6) e SE (39.8) são os melhores para investimento estrangeiro. A média nacional foi de 41.3.
* Se o RN fosse um país, estaria no nível de uma Jamaica ou Macedônia. VEJA AQUI.
Nota do Blog – Ninguém se apresse em apontar o Governo Rosalba Ciarlini (DEM) como culpado de tudo. Ele é apenas parte da engrenagem do atraso que dura décadas, com raros espasmos de visão empreendedora, espírito público e gestão.
Nossa elite política, com raras exceções, é culpada por isso. E continua afundando o RN em nome de seus interesses particulares, familiares e de grupos.
Eles chegam “pobres” ao poder do rico RN e saem ricos do poder do pobre RN.

Fonte: Carlos Santos/Dinarte Assunção do Portal Nominuto.com

AGRIPINO DIZ QUE DEM NÃO SE VÊ OBRIGADO A SE UNIR AO PSDB.

Depois de perder 17 de seus 43 deputados federais, um de seis senadores e um dos dois governadores eleitos em 2010 – a maioria para o PSD do prefeito paulistano, Gilberto Kassab -, o DEM quer recuperar espaço nas eleições municipais de 2012 e se fortalecer para 2014, incluindo a hipótese de voo solo para a sucessão presidencial.
Para o senador José Agripino Maia (RN), presidente nacional do DEM, o partido perdeu em número de quadros, mas não na essência. Mantendo o discurso crítico ao PT e a defesa de políticas como as privatizações, Agripino afirma que o apoio a um candidato do PSDB em 2014 “não é compulsório”. “Se crescermos nas eleições municipais, é evidente que teremos condições de disputar uma eleição presidencial”, afirmou. O senador disse que as relações com os ex-correligionários que hoje estão no PSD “são civilizadas, mas é eles para lá e nós para cá”.
A criação do PSD foi o mais duro golpe dado contra o DEM?
Eu não diria isso. Foi um golpe que nos atingiu numericamente, mas não na nossa essência. As figuras emblemáticas do partido ficaram todas. O partido perdeu aqueles que fizeram uma clara opção pelo seu interesse pessoal. Os que tinham consciência partidária, aqueles que guardam a história do partido, esses ficaram todos.
O sr. assumiu o partido diante de uma crise interna sem precedentes. Algo poderia ter sido feito para evitar essa debandada?
Eu poderia ter feito algo se concordasse com a desfiguração do partido. Em um dado momento, ficou claro que não haveria perda numérica se nos anexássemos a uma outra agremiação ou se mudássemos a orientação do partido. Isso aí nem eu nem os que ficaram concordavam.

Fonte: Carlos Santos/Daiene Cardoso e Gustavo Uribe/O Estado de São Paulo

DEU NO BLOG DO XERIFE...

Rosalba para Wilma: Mulher… deixe de falar do meu governo. Você deixou o Estado quebrado.


MICARLA TORRA DINHEIRO DOS NATALENSES NA DECORAÇÃO DE FIM DE ANO.

A borboleta Micarla de Souza está torrando o dinheiro do natalense com a decoração da cidade, que por sinal ficou belissíma.
O contrato da prefeitura de Natal com a empresa Enertec Construções e Serviços, previa um valor inicial de R$ 3.754.000,00. Publicado no Diário Oficial do dia 14 de dezembro, o contrato já sofreu um reajuste e o valor que deverá ser pago pela gestão municipal é de R$ 4,5 milhões pela decoração do período natalino.
O aditivo ao novo contrato com a mesma empresa foi publicado no Diário Oficial desta terça-feira e reajusta em 22,48% o valor a ser pago pela prefeitura à empresa Enertec, que se compromete a prestar os serviços de “engenharia, sob forma de fornecimento, confecção, montagem, manutenção e desmontagem dos elementos que compõe a Iluminação Natalina 2010 da cidade do Natal/RN”.
Em menos de 15 dias após a primeira publicação, já houve necessidade de um novo reajuste no valor a ser pago, desta vez, o valor acrescido foi R$ 840 mil. O detalhe é que, aparentemente, não há nada novo na decoração natalina que justifique o reajuste de quase R$ 1 milhão no valor inicialmente contratado.

Fonte: Robson Pires

"BRASIL TEM DÍVIDA COM FÁTIMA BEZERRA", DIZ CRISTOVAM BUARQUE.

O senador Cristovam Buarque afirmou hoje que a “dívida” do país com a deputada federal Fátima Bezerra (PT) aumentou depois que ela entrou com recurso na Câmara Federal para garantir reajuste real ao piso salarial do magistério.
“O Brasil tem uma dívida muito grande com a deputada federal Fátima Bezerra quando ela colocou a emenda na Lei do Piso Salarial do Magistério definindo o limite da carga horária em sala de aula para o professor. Agora, tem uma dívida ainda maior pela vitória que ela teve em levar para o plenário da câmara dos deputados a proposta de Lei que define o reajuste do piso salarial. Se não fosse a luta difícil que ela levou nestas duas últimas semanas, os professores ficariam com o reajuste abaixo da inflação. Ela conseguiu uma grande vitória em levar o projeto para o plenário”.
Fátima Bezerra entrou com recurso junto à Câmara dos Deputados para que o Projeto de Lei 3776/08, que define o cálculo de reajuste do piso do magistério, fosse votado em plenário depois que a Comissão de Finanças e Tributação (CFT) aprovou substitutivo definindo que seria usado apenas o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) no cálculo.

Fonte: Panorama Politico

EM ANO ELEITORAL, GOVERNO VAI MUNICIPALIZAR PROGRAMA DO LEITE.

A governadora Rosalba Ciarlini encerra o primeiro ano de gestão anunciando a municipalização do Programa do Leite, o principal da área de assistência social do Governo. Hoje são 115 mil famílias beneficiadas pelo programa, que a partir do próximo ano passará a ter a parte de distribuição executada pelas 167 prefeituras do Rio Grande do Norte (leia mais sobre as mudanças na página 6). O anúncio foi feito ontem, durante café da manhã da governadora com jornalistas. Ela descartou, na ocasião, o retorno da inspeção veicular. Por outro lado, admitiu que não há prazo para implantação do plano de cargos das 14 categorias que aguardam os reajustes e a execução da lei aprovada ainda no ano passado. Para os policiais civis e delegados aprovados em concurso público, a governadora Rosalba trouxe um alento: a convocação sairá nos próximos dias. Já para o Tribunal de Contas do Estado o anúncio do nome do novo conselheiro não tem data.
A governadora também respondeu sobre as eleições do próximo ano. A chefe do Executivo disse que um dos critérios a ser adotado para a escolha dos candidatos será a reciprocidade e a lealdade. "O critério que vamos avaliar é, primeiro, quem me apoiou, quem estava comigo na hora mais difícil.", disse a governadora, durante o encontro de final de ano com jornalistas. Ela foi enfática ao afirmar que em todos os municípios potiguares assumirá posição. "Candidato teremos e pode estar certo, nunca fui de ficar em cima do muro. Tenho um lado", destacou. Rosalba chegou a defender o decreto que limitava manifestações no Centro Administrativo. Mas, no final da noite, anunciou a revogação do mesmo decreto (leia mais sobre o assunto na página 12). Seguem os principais trechos da entrevista que a governadora Rosalba Ciarlini concedeu ontem.
Municipalização do Programa do Leite
Quando assumimos encontramos o Programa do Leite com muitas dívidas. Realmente precisávamos continuar pagando o atrasado e continuar o programa. Uma parte do programa é feito com recursos do Governo Federal, que só veio regularizar (o pagamento) agora em outubro. Foi o ano todo o Estado tendo que arcar sem receber essa regularização. Quando você está devendo é difícil organizar como fazer melhor. Mas mesmo assim começamos a observar que havia muita reclamação na qualidade, inclusive houve alguns laticínios interditados pela Covisa. Foi feita interdição e demos prazo para eles melhorarem. E também a questão de que não tínhamos o controle da quantidade. Recebíamos como sendo 156 mil beneficiários, estávamos pagando para isso, mas ninguém tinha o controle. É necessário fazer o controle, recadastrar tudo de novo. Fomos analisando, vendo experiência em outros Estados e vi que a medida muito boa era se a gente pudesse municipalizar. Fazer com que os municípios, que estão na base, no dia a dia, assumissem. Era feito da seguinte forma, tinha pessoa para entregar, essa pessoa era escolhida por critério político, a fiscalização era supervisão que passava só Deus sabe quando.
Transferência aos municípios
Não será obrigatório a Prefeitura assumir o Programa do Leite. Mas haverá essa opção do município usar sua estrutura e reconheço que a melhor é de Saúde (das secretarias municipais de Saúde).

Fonte: Aldemar Freira e Anna Ruth Dantas

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

ESCOLHA O PREFEITO "DESTAQUE DA MÍDIA 2011", DE CADA MICRORREGIÃO OESTANA POTIGUAR.

AS ENQUETES SERÃO POSTADAS AO LADO. A PREMIAÇÃO SERÁ JUNTAMENTE COM OS VEREADORES "DESTAQUES DA MÍDIA 2011".

Em mais uma ação deste blog em parceiros com os blogs parceiros, estamos postando entre hoje e amanhã, as enquetes referentes a escolha do PREFEITO "DESTAQUE NA MÍDIA 2011" de cada microregião do oeste potiguar. São 7 microregiões, onde em oito enquetes os leitores do nosso blog escolherá o que será premiado com o título de PREFEITO "DESTAQUE DA MÍDIA 2011".
A premiação será realizada em uma festa que em conjunto com os blogs parceiros, faremos em data e local à ser definidos. Esta premiação ocorrerá no início de janeiro.

PARTICIPE.

MICRORREGIÃO DA CHAPADA DO APODI
APODI
CARAÚBAS
FELIPE GUERRA
GOVERNADOR DIX-SEPT ROSADO

MICRORREGIÃO DO MÉDIO OESTE
CAMPO GRANDE
JANDUÍS
MESSIAS TARGINO
PARAÚ
TRIUNFO POTIGUAR
UPANEMA

MICRORREGIÃO DE MOSSORÓ
AREIA BRANCA
BARAÚNAS
GROSSOS
MOSSORÓ
SERRA DO MEL
TIBAU

MICRORREGIÃO DE PAU DOS FERROS
ALEXANDRIA
FRANCISCO DANTAS
ITAÚ
JOSÉ DA PENHA
MARCELINO VIEIRA
PARANÁ
PAU DOS FERROS
PILÕES
PORTALEGRE
RAFAEL FERNANDES
RIACHO DA CRUZ
RODOLFO FERNANDES
SÃO FRANCISCO DO OESTE
SEVERIANO MELO
TABOLEIRO GRANDE
TENENTE ANANIAS
VIÇOSA

MICRORREGIÃO DA SERRA DE SÃO MIGUEL
ÁGUA NOVA
CORONEL JOÃO PESSOA
DOUTOR SEVERINO
ENCANTO
LUÍS GOMES
MAJOR SALES
RIACHO DE SANTANA
SÃO MIGUEL
VENHA VER

MICRORREGIÃO DE UMARIZAL
ALMINO AFONSO
ANTÔNIO MARTINS
FRUTUOSO GOMES
JOÃO DIAS
LUCRÉCIA
MARTINS
OLHO D'ÁGUA DOS BORGES
PATU
RAFAEL GODEIRO
SERRINHA DOS PINTOS
UMARIZAL

MICRORREGIÃO DO VALE DO ASSU
ALTO DO RODRIGUES
ASSU
CARNAUBAIS
IPANGUAÇU
ITAJÁ
JUCURUTU
PENDÊNCIA
PORTO DO MANGUE
SÃO RAFAEL

VEREADORES DE DIVINÓPOLIS (MG), DESISTEM DE AUMENTAR SALÁRIOS.

Mais uma vez a população foi ao plenário para fazer manifesto. LOA e administração de hospital também estavam na pauta. Depois de protestos e tumultos os vereadores de Divinópolis, no Centro-Oeste do estado, desistiram nesta terça-feira (27) do aumento dos salários deles, do prefeito, do vice e dos secretários. Na quinta-feira (22) da semana passada uma manifestação envolvendo os salários dos parlamentares se transformou no assunto do dia na cidade. A população foi ao plenário com cartazes e nariz de palhaço. Outros assuntos também estavam na pauta, como a Lei Orçamentária Anual (LOA) que foi debatida entre oposição e situação e como será a administração do Hospital Público e da Unidade de Pronto Atendimento de Divinópolis. Nesta terça-feira mais uma vez a população reclamou sobre os projetos em votação que previam o aumento dos salários. A sessão foi foi interrompida várias vezes..A manifestação era contra a proposta de aumento da remuneração dos vereadores que passaria de R$6.192 para R$9.678. O reajuste foi colocado em votação após uma reunião secreta, mas a notícia vazou nas redes sociais e a população lotou o plenário da Câmara. Com a pressão, o projeto que aumentava o salário dos vereadores em 58% foi retirado de votação. O projeto só poderá ser votado em 2012 e, com isso, somente serão beneficiados os vereadores que tomarão posse em 2013. Fonte: G1

PROGRAMA MINHA CASA, MINHA VIDA TEM NOVAS REGRAS PARA CANDIDATOS.

Idosos e pessoas com deficiência devem ter, no mínimo, 3% das unidades. Beneficiários devem estar inscritos em programas habitacionais locais. O governo federal alterou os critérios de seleção dos candidatos a beneficiários do programa Minha Casa, Minha Vida. A regulamentação foi publicada em portaria publicada nesta terça-feira (27) no "Diário Oficial da União". Entre as mudanças está a indicação de percentual de unidades que devem ser reservadas para idosos e pessoas com deficiência. O Minha Casa, Minha Vida é um programa habitacional do governo federal para construção de moradias em parceria com estados e municípios. Ele foi lançado em março de 2009, na gestão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com a meta inicial de construir 1 milhão de moradias populares. O novo texto, que revoga a portaria número 140 publicada em 6 de abril de 2010, determina que sejam reservadas, no mínimo, 3% das unidades para idosos. O mesmo percentual deve ser respeitado para pessoas com deficiência ou seus famíliares diretos. Na portaria de 2010, ficava determinado que os dois grupos deveriam ser atendidos segundo "percentuais mínimos previstos nos normativos específicos dos programas integrantes", sem determinar textualmente os números. Fonte: G1

MARIDO DA PREFEITA DE JANDIRA DÁ TIROS DENTRO DE CASA.

Anabel Sabatine assumiu a prefeitura em dezembro de 2010, no lugar de Braz Paschoalin (PSDB), prefeito assassinado a tiros O ex-policial militar Francis Herman Falcão, marido da prefeita de Jandira, Anabel Sabatine (PSDB), deu pelo menoso cinco tiros de arma de fogo dentro da casa de Sabatine, na madrugada desta segunda-feira, no condomínio residencial 6, em Alphaville, na região de Santana do Parnaíba, na Grande São Paulo. Em depoimento à polícia, Falcão disse ter visto um vulto atrás de seu carro, achou que alguém fosse roubá-lo, e atirou. Ninguém foi atingido pelos disparos. A segurança do condomínio, que tem entrada restrita, acionou a Guarda Municipal, que deteve o ex-PM. Ele foi levado para a delegacia de Santana do Parnaíba, onde o caso será registrado. A perícia está na casa da prefeita. Anabel assumiu a prefeitura em dezembro de 2010, no lugar de Braz Paschoalin (PSDB), prefeito assassinado a tiros. No dia 13 de setembro deste ano a Câmara Municipal da cidade cassou o mandato de Sabatine por 90 dias, mas ela conseguiu liminar - em mandado de segurança - para se manter no cargo. A prefeita é suspeita de usar R$ 3,2 milhões da verba do ensino e mais R$ 400 mil da vigilância sanitária para cobrir despesas da folha de pessoal. Fonte: O Globo

COM CÂNCER, CRISTINA KIRCHNER SERÁ OPERADA.

Presidenta argentina passará por cirurgia em janeiro para retirada de tumor na tireoide.
A presidenta da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, tem um tumor na glândula tireoide e será operada no próximo dia 4 de janeiro, anunciou nesta terça-feira (27) seu porta-voz, Alfredo Soccimarro. A doença da chefe de Estado, de 58 anos, foi detectada durante uma revisão médica de rotina, informou Soccimarro aos jornalistas. Cristina Kirchner realizou exames de rotina no dia 22 de dezembro que revelaram um "carcinoma papilar no lóbulo direito da glândula tiroide", disse o porta-voz. Scoccimarro acrescentou que a presidenta "já realizou exames pré-cirurgicos que indicaram a ausência de compromisso dos ganglios linfáticos e de metástase". "Tendo completado hoje a realização dos exames pré-cirúrgicos correspondentes, a cirurgia foi marcada para quarta-feira, dia 4 de janeiro, no Hospital Austral com um tempo provável de internação de 72 horas e convalescença de 20 dias", completou o porta-voz. O vice-presidente argentino, Amado Boudou, assumirá a direção do país entre os dias 4 e 24 de janeiro, acrescentou Scoccimarro. Cristina Kirchner reassumiu o poder em 10 de dezembro passado, para mais quatro anos de mandato, após vencer as eleições de 23 de outubro, com 54,11% dos votos. Fonte: O Globo

GOVERNADORA REVOGA DECRETO QUE INSTITUIU ÁREA DE SEGURANÇA NO CENTRO ADMINISTRATIVO.

A governadora Rosalba Ciarlini revogou o decreto estadual n° 22.511, de 22 de dezembro de 2011, que instituiu área de segurança no Centro Administrativo. O ato será publicado na edição do Diário Oficial do Estado, nesta quarta-feira (28). "O decreto não cerceava a livre manifestação e sim, disciplinava o acesso ao Centro Administrativo, principalmente, o direito ao desempenho das atividades dos que trabalham tanto na Governadoria quanto nas secretarias estaduais", esclareceu a governadora. Embora a intenção não tenha sido impedir qualquer movimentação, dentro do Centro Administrativo, a governadora decidiu rever a decisão, afastando qualquer tipo de interpretação que possa afetar o exercício da democracia. "Podemos rever esse decreto sim", adiantou a governadora quando foi questionada pelos jornalistas no café da manhã, nesta terça-feira, em Natal. Fonte: Assessoria do governo do Estado

VEREADOR GANHA ESCOLTA, MAS PODE PERDER MANDATO POR INFIDELIDADE.

A vida do vereador Floriano Felinto (PT), 39, deu uma guinada de 360 graus desde que denunciou o prefeito de Vila Flor, Grinaldo Joaquim de Souza (PSD), como mandante de um esquema de corrupção que culminou na operação “Mensalão da Vila” investigada pelo Ministério Público do Estado. Floriano Felinto que trocou o DEM pelo PT e pode perder mandato por infidelidade partidária, anda escoltado por 4 policiais fortemente armados. O vereador voltou a cidade para receber seu salário de R$ 1.327,88 relativos ao pagamento de dezembro. Ele também é professor graduado em pedagogia e pós–graduado em Ensino, mas seu salário é de apenas R$ 980,00. Desde então, Floriano Felinto está obrigado a se esconder fora da cidade como medida preventiva contra atentados. “É muito complicado, mas a gente não pode baixar a cabeça. Quem tá em liberdade restritiva na verdade somos nós por não aceitar, não compactuar com essa situação”, ressaltou o vereador. A Câmara está em recesso de final de ano, mas os suplentes não foram convocados para assumir as vagas dos afastados que estão sendo investigados. O atual presidente da Câmara de Vereadores de Vila Flor, Hilton Felipe de Oliveira, se recusou a falar com a reportagem do Novo Jornal. No entanto, ele mandou avisar pela secretária que não fala com a imprensa até que a justiça se decida sobre a situação no município. Felinto disse que se for preciso a Justiça será acionada para que os suplentes assumam. Segundo Floriano Felinto, o grupo liderado pelo prefeito está dizendo que vai voltar ao poder dia 2 (de janeiro). “Estão achando que é brincadeira” mesmo com a liberdade restrita impetrada pelo juiz a eles. “Estão querendo levar tudo na marra e no peito e a população está temerosa”, comentou.

Fonte:blog o cidadão/novojornal

SAMBA DO CRIOULO DOIDO OU ANGÚ DE CAROÇO...

A política, em todos os municípios tem andado a passos largos. Isso é verdade. Em Serra Negra do Norte, a coisa está meio adormecida, meio acordada. Mas o que chama a atenção é quando oficialmente iniciar as conversações. Vamos aos "CASH", por ordem alfabética.

ATORES PRINICIPAIS:
ADRIANO
JEILZA
LUÍS FILHO
SERGINHO

Na classe dos principais, aqueles que realmente aspiram a cabeça das chapas, sejam duas ou três, um apenas sobra. É aquela brincadeira, aquele joguinho do resta 1.

Pelo PP, temos Adriano Bezerra Faria. Engenheiro de renome, que desempenha suas funções à anos na secretaria de engenharia do senado da República. Vir para Serra Negra do Norte, sua terra natal, governá-la, é para ele um sonho. Sonho este acalantado por todos que gostam da política. Administrar seu torrão. 

No PR, o nome do jogo é resta 1. A empresária Jeilza Almeida é a figura central. Já afirmou no blog do Xerife, por A + B que é candidatíssima em 2012. Como cada legenda só pode apresentar uma chapa, sobrou 1... Luís Filho. Bom nome, mas com Jeilza tendo a maioria do diretório, não tem para onde ir. A vice-prefeita também contará para onde for, com o PMN, cujo presidente, João Enéas, é irmão do esposo de Jeilza e vai para onde o irmão for.

No PSDB, a unanimidade é que Sérgio Fernandes seja o nome para disputar a eleição. Não há a menor possibilidade de surgir um outro que sucumba a importância de Serginho dentro do partido tucano. 

COADJUVANTES:
ALISSON
ALUÍZIO FARIA
ERALDO
EVANILDO ROSA
FLÁVIO BEZERRA
JARBAS FARIA
ROBERTO DE BRUNO
STÊNIO
URBANO FARIA

Alysson: Vereador com 310 votos em 2008, eleito pelo PSB. Nele continua. É muito verde, ainda, para almejar uma vaga entre os cabeças. Tem gente muito mais preparada. Terá que aprender muito para pleitear um "lugar ao sol" na política de ponta. Um bom advogado e inteligente como é, deve começar a pensar em 2016. É mais sensato.
Aluízio Faria: Comanda o PMDB. Foi vereador e candidato a prefeito derrotado pelo atual prefeito Rogério. Em 2012, possivelmente lançará dois nomes para o legislativo, mas se eleger só tem voto para um. Isso é só.
Eraldo/Roberto de Bruno e Urbano Faria: Fátima Bezerra, ao que parece, tem um acordo para indicar o vice da situação. Rogério, na intenção de manter o possível acordo, pode sugerir Roberto de Bruno ou Urbano Faria, já que ambos hoje estão nas fileiras petistas. Eraldo... bem, Eraldo iria para o resta 1, com o outro que sobrar ente Roberto e Urbano. Teve 425 votos em 2008. Uma cadeira na câmara.
Evanildo Rosa: Como Alysson, pertence ao PSB. Puramente técnico. Bom para uma administração. Está surgindo como uma hipótese. De que, não sei...
Flávio Bezerra: Tem o DEM. É vereador com 296 votos e deverá tentar a reeleição. Só. Jarbas Faria. Eleito com 305 votos pelo PSB. Deve renovar o mandato. Esqueça chapa majoritária. Vai que seus eleitores entendam que será candidato a vice em 2012 e feche com outro pré-candidato a vereança...
Jarbas Faria: Deve ser candidato a reeleição. Sustentar os 305 votos de 2008 é o que deve se preocupar.
Stênio: Se mantiver os 296 votos de 2008, está no lucro.

SENADORA TENTA IMPEDIR POSSE DE JADER BARBALHO.

A senadora Marinor Brito (PSOL-PA) pediu nesta terça-feira (27) ao Supremo Tribunal Federal (STF) o cancelamento da reunião da Mesa Diretora do Senado, marcada para esta quarta (28), que deve resultar na posse de Jader Barbalho (PMDB-PA) na vaga atualmente ocupada por Marinor.
Mesmo barrado pela Lei da Ficha Limpa, Barbalho recebeu na eleição do ano passado 1,8 milhão de votos, quantidade suficiente para ocupar uma das vagas de senador pelo Pará. Impedido de assumir, foi substituído por Marinor Britto, que obteve 727,5 mil votos.
Depois de um ano aguardando uma decisão da Justiça, o peemedebista foi liberado no último dia 14, pelo plenário do STF, para tomar posse como senador.

Fonte: Robson Pires

URBANO FARIA: "NÃO ACREDITO NAS CANDIDATURAS DE ADRIANO E JEILZA ALMEIDA".

Urbano Faria, ex-vice prefeito de Serra Negra disse ao blogueiro Robson Pires que não existe a menor possibilidade das candidaturas a prefeito de Serra Negra de Adriano e Jeilza Almeida, em 2012.
Ele acredita que o candidato do prefeito Rogério Mariz será Luiz Filho e não Adriano Faria. E que disputará a prefeitura contra Sérgio Fernandes, "Serginho". Também não acredita que a atual vice-prefeita Jeilza Almeida seja candidata a sucessão municipal.



Fonte: Robson Pires

Nota do SN em Foco: Luiz Filho terá uma "reunião" com lideranças políticas de Serra Negra ainda neste ano. Nessa reunião ele pode selar sua candidatura a prefeito de 2012, para sucessão de Rogério.

Fonte: Serra Negra em Foco

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

DIÁRIO OFICIAL TRAZ LISTA DE FERIADOS NACIONAIS DE 2012.

Três datas comemorativas caem na sexta-feira, e dois, no final de semana.

O Diário Oficial da União desta segunda-feira traz a lista dos feriados nacionais de 2012 e estabelece datas de ponto facultativo para os órgãos públicos federais. Três feriados caem na sexta-feira: da Independência (7 de setembro), Nossa Senhora Aparecida (12 de outubro) e Finados (2 de novembro). O dia da Proclamação da República (15 de novembro) é uma quinta-feira. Caem no final de semana os feriados da Confraternização Universal (1º de janeiro) e tiradentes (21 de abril).
Os demais feriados são: Trabalho (1º de maio) e Natal (25 de dezembro). Para os funcionários públicos, há ainda o Dia do Servidor (28 de outubro), que cai em um domingo.
Já os pontos facultativos são: 20 e 21 de fevereiro - Carnaval (segunda e terça-feira), 22 de fevereiro (quarta-feira de Cinzas, sendo ponto facultativo até as 14h), 6 de abril - Paixão de Cristo (sexta-feira), 7 de junho - Corpus Christi (quinta-feira), 24 de dezembro - véspera do Natal (segunda-feira) e 31 de dezembro - véspera de Ano Novo (segunda-feira).
A portaria foi assinada pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior.

Fonte: O Globo

INVESTIGAÇÕES EM 5 MINISTÉRIOS APONTAM DESVIOS DE $ 1,1 BILHÃO.

Quase 90 servidores públicos são suspeitos de envolvimento em ações escusas.

Além de derrubar cinco ministros este ano, as investigações de desvio de recursos públicos em órgãos federais identificaram ao menos 88 servidores públicos, de carreira ou não, suspeitos de envolvimento em ações escusas que acumulam dano potencial de R$ 1,1 bilhão. Esse valor inclui recursos pagos e também dinheiro cuja liberação chegou a ser barrada antes do pagamento. A recuperação do que saiu irregularmente dos cofres públicos ainda dependerá de um longo e penoso processo, até que parte desse dinheiro retorne ao Erário.
Os desvios foram constatados em investigações da Controladoria Geral da União (CGU) e dos cinco ministérios cujos titulares foram exonerados — Transportes, Agricultura, Turismo, Esporte e Trabalho. Outros dois ministros — da Casa Civil e da Defesa — caíram este ano, mas não por irregularidades neste governo. Antonio Palocci (Casa Civil) saiu por suspeitas de tráfico de influência antes de virar ministro, e Nelson Jobim (Defesa), após fazer críticas ao governo.
A contabilidade exclui investigações ainda não encerradas pela Polícia Federal, que apura se houve ou não pagamento de propina a servidores, apontados como facilitadores dos esquemas de corrupção em Brasília e nos braços estaduais dos órgãos federais. Somente nas últimas semanas, a Polícia Federal desmontou três esquemas de corrupção intimamente ligados às denúncias.
No dia 14 de dezembro, por exemplo, 40 agentes cumpriram mandados de busca e apreensão no Instituto ÊPA, uma ONG de Natal, que, comprovadamente, desviou R$ 1 milhão do Ministério do Trabalho, de acordo com a Polícia Federal. Ao todo, o grupo ligado à ONG recebeu R$ 28 milhões, em convênios com pelo menos três órgãos federais.

Fonte: O Globo

GUARDIAN APONTA BRASIL COMO SEXTA ECONOMIA DO MUNDO.

O Brasil superou o Reino Unido e ocupa agora o posto de sexta maior economia do mundo, reportou o jornal britânico The Guardian, citando uma equipe de economistas. A crise bancária de 2008 e a subsequente recessão deixou o Reino Unido no sétimo lugar em 2011, atrás da maior economia da América do Sul, que cresceu rapidamente no rastro das exportações para a China e Extremo Oriente.
"O Brasil tem batido os países europeus no futebol por um longo tempo, mas batê-los em economia é um fenômeno novo. Nossa tabela de classificação econômica mundial mostra como o mapa econômico está mudando, com os países asiáticos e as economias produtoras de commodities subindo para a liga, enquanto nós, na Europa, recuamos", afirmou o chefe-executivo do Centro de Pesquisa para Economia e Negócios (CEBR, em inglês) do Reino Unido, Douglas McWilliams, segundo o jornal.
O CEBR prevê que a Rússia e a Índia deverão se beneficiar de um aumento do crescimento durante os próximos 10 anos, levando a economia do Reino Unido a cair para a oitava posição. O órgão também estima que a economia francesa recuará num ritmo ainda mais rápido que a do Reino Unido, ficando com o nono lugar entre as maiores economias do mundo. Segundo o órgão, a Alemanha também declinará para a sétima colocação em 2020.
A União Europeia continuará a ser o maior bloco comercial coletivo do mundo, embora uma recessão deva atingir o crescimento mundial no próximo ano, prevê o CEBR. Segundo o The Guardian, previsões recentes do centro apontam que o crescimento mundial recuará para 2,5% em 2012, uma revisão em baixa da previsão feita em setembro. O centro alertou, no entanto, que em um cenário envolvendo "a saída de um ou mais países da zona do euro, defaults soberanos e falência e resgate de bancos poderá provocar uma desaceleração ainda maior do crescimento da economia mundial em 2012, para 1,1%.
Já as economias emergentes, que viram seus mercados acionários despencarem nos últimos meses, à medida que os investidores avaliavam as consequências da crise do euro, vão recuperar a sua dinâmica, projeta o CEBR. Segundo o centro, a economia brasileira deverá crescer 2,5% em 2012, após avançar 2,8% neste ano. A China terá expansão de 7,6%, a Índia, de 6%, e a Rússia, de 2,8%.

Fonte: Diário do ABC/Agência Estado

DILMA: GOVERNO NÃO VAI DESCANSAR ATÉ RETIRAR DA MISÉRIA 16 MILHÕES DE PESSOAS.

A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (26) que o governo não vai descansar enquanto não atingir a meta de retirar da miséria 16 milhões de brasileiros. No programa semanal de rádio Café com a Presidenta, ela lembrou que, até o momento, 407 mil famílias foram localizadas pelo programa Brasil sem Miséria.
De acordo com a presidenta, o número representa 90 mil famílias a mais do que a meta fixada para este ano. Do total de 407 mil, 235 mil já estão recebendo o benefício. Um levantamento do próprio governo mostrou que cerca de 800 mil famílias brasileiras preenchem os requisitos para participar do programa, mas ainda não estão cadastradas.
"Para identificar essas famílias, foi fundamental a chamada busca ativa, que é o nosso compromisso de ir atrás dos extremamente pobres para garantir os seus direitos. Até 2013, nós vamos, com certeza, encontrar todos que ainda não estão no Bolsa Família e dar a eles o direito e as condições para que deixem de ser extremamente pobres", disse a presidenta.
Segundo Dilma, a mobilização de estados e municípios contribuiu para que a meta de famílias localizadas em 2011 fosse superada. Governadores do Amapá, Espírito Santo, de Mato Grosso, do Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, de Goiás, Rondônia e São Paulo assinaram um pacto com o programa Brasil sem Miséria e complementam o benefício que as famílias mais pobres recebem.
Outras medidas adotadas pelo governo, de acordo com a presidenta, reforçaram a estratégia do programa. Dilma destacou, entre elas, a ampliação do número máximo de benefícios de três para cinco filhos com até 15 anos; e a implantação do Bolsa Gestante, para mulheres grávidas que realizam o pré-natal, e do Bolsa Nutriz, para mulheres em período de amamentação.
"No campo, já iniciamos a distribuição de 375 mil toneladas de sementes. Também avançamos muito na questão da água com o programa Água para Todos. Só nesses primeiros seis meses do Brasil sem Miséria, já viabilizamos a construção de 315 mil cisternas", ressaltou Dilma.

Fonte: Agência Brasil

domingo, 25 de dezembro de 2011

CORREGEDORA DIZ ESTÁ "MAGOADA" E "RESSENTIDA" COM ASSOCIAÇÕES.

Eliana Calmon afirmou que ataques ao CNJ estão direcionados a ela.
Associações de juízes entraram com pedido para que PGR investigue CNJ.


A corregedora-nacional de Justiça, Eliana Calmon, afirmou neste sábado (24) ao G1 que está “magoada” e “ressentida” com as associações de magistrados.
Três entidades protocolaram nesta sexta-feira (23) pedido para que a Procuradoria Geral da República (PGR) investigue se houve quebra de sigilo e vazamento de dados em investigações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).
Eliana Calmon já integrou a diretoria da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), uma das entidades que assinam o requerimento contra o CNJ. A ministra afirmou que vai deixar a “mágoa” passar para poder se manifestar publicamente sobre o assunto como corregedora.
“Estou ressentida, principalmente com a minha associação [Ajufe], da qual fiz parte da diretoria e lutei muito por ela. Quero deixar a essa mágoa passar, para poder falar como corregedora. Agora estou Eliana, não estou corregedora, e quero falar como corregedora”, disse.
Eliana Calmon destacou que já enviou ao procurador-geral da República todas as informações relativa às diligências do CNJ. Segundo ela, a discussões sobre a atuação do conselho estão muito “emocionais” e se reverteram em ataques pessoais a ela.
“Como as coisas foram para um plano muito pessoal, tenho que me silenciar. Eu estava atuando no plano institucional. Mas vou deixar que as coisas se acalmem, que essa pessoalização passe”, afirmou.
Para a ministra, é preciso que as pessoas envolvidas no debate sobre a autonomia do CNJ de investigar juízes voltem a ter “sangue frio”. “Vou deixar o tempo passar para que as pessoas voltem à razão e tenham sangue frio.”
O presidente da Ajufe, Gabriel Wedy, negou que esteja agindo de forma “emocional”. “A nossa ação é objetiva. Nós estamos defendendo o sigilo de dados, não apenas dos juízes, mas de todos os cidadãos brasileiros. Estamos defendendo a garantia constitucional de sigilo, que só pode ser quebrado com autorização judicial.”
Indagado sobre o fato de a corregedora estar “ressentida” com a postura da Ajufe, Wedy afirmou: “A magistratura também se entristece de ouvir frases genéricas semanalmente contra a magistratura, entre as quais ‘bandidos de toga’ Isso nos entristece também. Não há nada de pessoal em relação a ela, mas esses fatos precisam ser apurados objetivamente pela Procuradoria Geral da República.”
PGR
Nesta sexta, o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse ao G1 que vai analisar com "serenidade" o pedido das associações de magistrados para que a procuradoria apure a conduta da corregedoria do CNJ.
"A discussão está sendo feita de forma muito emocional. Assuntos jurídicos não podem ser tratados emocionalmente, têm que ser tratados com calma. É preciso verificar o pedido com muita serenidade", afirmou.
Segundo Gurgel, é necessário verificar a que dados do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) o CNJ teve acesso, para saber se houve quebra de sigilo durante investigações sobre o crescimento patrimonial de juízes.
"Há uma série de sigilos que dependem de autorização judicial. [A legalidade] depende do tipo de informação que ela [corregedora-nacional de Justiça] recebeu do Coaf. O Coaf aponta informações que saem do perfil usual. Não está claro ainda o tipo de dado que foi acessado e é isso que vou verificar", disse.

Fonte: G1

sábado, 24 de dezembro de 2011

MARINA USARÁ ELEIÇÕES DE 2012 PARA ALAVANCAR CRIAÇÃO DE SUA SIGLA.

Ex-candidata à Presidência da República, Marina subirá no palanque de quem se comprometer com pontos do "Partido Verde do Brasil".

A ex-ministra Marina Silva (sem partido), que em 2010 obteve 20 milhões de votos na corrida presidencial, voltará a estar em evidência nas eleições municipais de 2012. A ex-verde vai trabalhar para alavancar candidaturas a prefeito e vereador de diversos partidos por todo o País, subindo no palanque de quem se comprometer com suas causas, como a sustentabilidade. A ideia é aproveitar o ano eleitoral para consolidar o que deverá ser seu novo partido, batizado informalmente por alguns de seus colaboradores como PVdoB, o Partido Verde do Brasil.
Marina, contudo, nega que esteja pensando desde já na criação de uma nova legenda. "Neste momento não estamos discutindo questão partidária. É um ponto de partida para discutir a política, que está em crise. A política, infelizmente, tem se transformado em projeto de poder pelo poder. A sociedade precisa ser protagonista do processo político e a gente não pode ter uma visão pragmática de que o movimento tem que ter uma finalidade eleitoral. O movimento tem que ter uma finalidade de discutir a política com P maiúsculo", defende a ex-ministra. Marina destaca que "só merece" participar de eleições quem discute ideias e propostas para além da disputa "do poder pelo poder".
A ex-senadora Heloísa Helena (PSOL-AL), que se insere dentro do movimento em torno de Marina, admite a criação de um novo partido. "Este movimento deve culminar com a criação de um partido, que será muito bom para o aprimoramento da frágil democracia. Eu estou no movimento. Estamos discutindo no PSOL com serenidade", disse Heloísa.Em 2012, o candidato que desejar o apoio de Marina terá de se comprometer a, por exemplo, não aceitar dinheiro da indústria do fumo ou da indústria bélica. “A Marina vai subir no palanque de candidatos que se comprometam com uma política horizontal e com a plataforma da Cidade Sustentável”, diz o ex-verde Maurício Brusadin, uma das lideranças do Movimento Nova Política, antigo Movimento Marina Silva. Segundo ele, o Nova Política conta com cerca de 4 mil pessoas que participam de encontros e reuniões e outras 40 mil interligadas pela internet. Questionada sobre suas condições para apoiar um candidato em 2012, Marina disse não existir uma receita de pronta.
“Não podemos simplificar as coisas. Estamos fazendo um movimento que é suprapartidário, transpartidário, que tem pessoas de vários partidos, da academia e da sociedade civil e o compromisso que as pessoas tem que assumir é com a sustentabilidade e com a ética na política e é claro que isso tem que ser desdobrado do ponto de vista prático, não só naquilo que se diz de palavras, mas naquilo que é testemunho dos candidatos. O movimento é transpartidário. Aí vai do compromisso com a plataforma e do testemunho de vida. A priori não é uma questão de apoiar por ser do PV, por ser do PT, por ser do PPS ou do PDSB. É apoiar de acordo com a coerência programática. E eu falo de apoios de pessoas e não do movimento, que é amplo", afirmou durante encontro no dia 17 de dezembro em Belo Horizonte.
Já manifestaram interesse em participar do movimento de Marina Silva pré-candidatos como a deputada federal Luiza Erundina (PSB-SP), o deputado estadual Marcelo Freixo (Psol-RJ), a deputada estadual Aspásia Camargo (PV-RJ), o ex-deputado federal Fernando Gabeira (PV-RJ), a vereadora Heloísa Helena (Psol-AL), a ex-vereadora Soninha Francine (PPS-SP) e o ex-deputado federal Raul Jungman (PPS-PE).
Também gravitam em torno de Marina Silva o senador Cristovam Buarque (PDT-DF), o deputado federal Antônio Reguffe (PDT-DF), o líder do governo na Câmara Municipal, Roberto Trípoli (PV-SP), o secretário de Meio Ambiente de Pernambuco, Sérgio Xavier (PV-PE), e o secretário municipal de Grandes Eventos de São Paulo, Walter Feldman (PSDB-SP).
Desde que saiu do PV, em 7 de julho, Marina tem circulado por diversos Estados, em reuniões e participando de debates. O último aconteceu no último dia 17 de dezembro em Belo Horizonte, onde o movimento ainda está se organizando. Em São Paulo e Brasília, apoiadores de Marina Silva se reúnem uma vez por semana. No Rio, a articulação ocorre em torno do Geração +20, movimento que pretende preparar o Brasil para receber o Rio+20. Outro Estado em que há movimentação de ex-verdes é o Espírito Santo, onde Marina ganhou a eleição presidencial.
O próximo encontro nacional do movimento deve acontecer em maio, quando a lista de regras a que candidatos deverão seguir para garantir Marina no palanque será aprovada. “O que não falta é gente querendo construir o partido. Tem gente querendo somar pessoas que não aguentam mais partidos. E tem gente que não quer construir um partido”, diz Brusadin. A pressão para que Marina se candidate novamente à Presidência em 2014, no entanto, deverá impulsionar a criação da nova legenda em 2013.

Fonte Último Segundo

AÉCIO DIZ QUE BUSCA PARCERIA COM PSB PARA 2014.

Tucano assumiu hoje a possibilidade de o partido tentar uma aproximação com o PSB para a corrida pela Presidência em 2014.

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) assumiu hoje a possibilidade de o partido tentar uma aproximação com o PSB para a corrida pela Presidência da República em 2014. Cotado como um dos principais nomes do tucanato para disputar a sucessão presidencial, o senador lembrou que os socialistas atualmente integram a base do governo, mas ressaltou que "em 2013 ou em 2014 as coisas podem estar diferentes".
O PSB tem ganhado espaço no cenário nacional e conseguiu eleger seis governadores no ano passado, sendo quatro deles no Nordeste, região em que o PSDB tem dificuldade de penetração e que deu expressiva votação para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e para a atual presidenta Dilma Rousseff. E o presidente nacional socialista, o governador Eduardo Campos (PE), também é tido como um nome que pode ter peso decisivo na balança da sucessão presidencial.
Aécio ressaltou que é preciso "respeitar a posição" do PSB, atualmente um dos mais fiéis aliados do Palácio do Planalto, mas lembrou que o PSDB já tem proximidade com os socialistas em várias cidades, como em Belo Horizonte, onde os tucanos vão reeditar uma coligação com petistas em torno da reeleição do prefeito Marcio Lacerda (PSB). Para expandir essa aliança ao cenário nacional, porém, o senador acredita que os tucanos precisam apresentar "um projeto que signifique expectativa de poder, um modelo novo para o Brasil".
"Vamos definir cinco ou seis grandes bandeiras que vão emoldurar as nossas candidaturas, inclusive nas eleições municipais. O PSDB tem que ir definindo, clareando essas suas ideias e, em 2013, vamos ver aqueles que queiram se unir em torno desse projeto. E o PSB tem conosco relações importantes em vários Estados. Temos de dar tempo ao tempo. O PSB hoje participa da base de governo, mas em 2013 ou em 2014 as coisas podem estar diferentes", avaliou o tucano, que voltou a defender prévias para a escolha do nome que disputará a Presidência pela legenda. "Ninguém é candidato de si próprio. Acho que o PSDB tem nomes colocados e, lá na frente, vamos definir quem é o melhor", disse.
Apesar de ser considerado um dos principais nomes da oposição, Aécio afirmou que não pretende atuar diretamente na costura de candidaturas nas eleições municipais de São Paulo e Belo Horizonte. Com relação à capital paulista, o senador mineiro declarou-se favorável ao lançamento de um nome tucano para "fortalecer o PSDB e a candidatura do PSDB trazendo o maior número de aliados possíveis". Mas garantiu que ficará "apenas na torcida", sem se envolver diretamente na questão. "O PSDB de São Paulo não só tem a autonomia. Tem a capacidade, a liderança necessária para construir essa aliança. No nosso caso, ficamos à disposição para ajudar a consolidação da candidatura do PSDB. Nada além disso", sentenciou.

Fonte: Último Segundo/Agência Estado